Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DFP - Departamento de Fitopatologia >
DFP - Programa de Pós-graduação >
DFP - Agronomia/Fitopatologia - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2572

Title: Aspectos da coloração, ciclo de vida, parasitismo por Pasteuria penetrans e suas relações com a reserva energética de juvenis do segundo estádio de Meloidogyne spp.
Other Titles: Aspects of staining, life cycle, parasitism by Pasteuria penetrans and their relationships to body energy reserve of second stage juveniles of Meloidogyne spp.
???metadata.dc.creator???: Rocha, Fernando da Silva
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Campos, Vicente Paulo
???metadata.dc.contributor.referee1???: Abreu, Mário Sobral de
Souza, Ricardo Magela de
Souza, Jorge Teodoro de
Gomes, Luiz Antônio Augusto
???metadata.dc.description.concentration???: Fitopatologia
Keywords: Meloidogyne exigua
Meloidogyne incognita
Pasteuria penetrans
Lipídios neutros
Parasitismo
Métodos de coloração
Neutral lipids
Parasitism
Reproduction
Method of staining
???metadata.dc.date.submitted???: 14-Feb-2007
Issue Date: 12-Aug-2014
Citation: ROCHA, F. da S. Aspectos da coloração, ciclo de vida, parasitismo por Pasteuria penetrans e suas relações com a reserva energética de juvenis do segundo estádio de Meloidogyne spp.. 2007. 148 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
???metadata.dc.description.resumo???: Estudaram-se neste trabalho diversos aspectos relacionados à coloração de nematóides, migração, desenvolvimento, reprodução, infecção por P. penetrans e suas relações com a reserva energética de juvenis do segundo estádio (J2) de Meloidogyne spp. Desenvolveu-se um novo procedimento de coloração de fitonematóides baseado nos corantes bordeaux e vermelho bordeaux encontrados nos sucos em pó Q.refresco sabor morango e uva e no Ki.Gostoso sabor groselha, cuja intensidade de coloração assemelhou-se às da floxina B e fucsina ácida. Este procedimento está sendo empregado no Laboratório de Nematologia da UFLA. Estudos sobre teor lipídico corporal revelaram que este variou nos J2 de M. exigua no campo, durante o ano, com menor concentração em agosto e maior concentração de novembro a fevereiro. Quando este nematóide foi estocado em água ocorreu redução do teor lipídico a partir do terceiro dia acompanhado da redução de infectividade e reprodução em cultivares de tomateiros Nemadoro e Kada. M. incognita estocado em areia também sofreu redução no teor de lipídico a partir do quinto dia e a migração desse nematóide foi reduzida à medida que se aumentou a distância do inóculo inicial das raízes de soja. A estocagem em água de J2 de M. incognita com endósporos de P. penetrans aderidos à cutícula reduziu menos o teor lipídico quando comparado com os J2 sem endósporos aderidos à cutícula. Os J2 com endósporos tiveram também redução no parasitismo e no número de endósporos produzidos por fêmea, à medida que se aumentou o período de armazenamento. A área escura apresentada ao longo do corpo dos J2 de M. incognita na ausência de corantes correlacionou-se com a área colorida de vermelho pelo "Oil Red O", infectividade e reprodução de M. incognita. Os lipídios neutros também correlacionaram-se com o índice lipídico, peso lipídico, infectividade e reprodução de M. exigua. O período de seis dias de estocagem dos J2 de M. incognita e M. exigua proporcionou perdas superiores a 50% do teor de lipídios neutros em relação ao nível original, representando o período limiar de infectividade em tomateiro, enquanto que para a reprodução esse período foi reduzido para três dias de estocagem. Os resultados deste estudo representam uma contribuição para o melhor entendimento do papel da reserva energética de J2 de Meloidogyne spp. e do seu ciclo de vida em plantas hospedeiras.
Several aspects related to nematode staining, migration, development, reproduction, infection by P. penetrans and their relationships to the body energy reserve of second stage juveniles (J2) of Meloidogyne spp. were studied. A new procedure for nematode staining was developed using bordeaux and red bordeaux stains found in the powdered juices Q.refresco flavor strawberry and grape and Ki.Gostoso flavor blackcurrant. The color intensity produced by these stains was similar to the obtained with Phoxine B and acid fuchsin. This method is currently being used in the routine of UFLA´S Nematology Laboratory. Field studies showed that the amount of body lipids varied in M. exigua J2 during the year, with the lowest concentrations found in August and the highest from November to February. When J2 of this nematode were stored in water for three days, there was a decrease in the lipid content followed by a reduction on infectivity and reproduction in the cultivars Nemadoro and Kada of tomato. Meloidogyne incognita stored in sand also showed reduction on J2 lipid content from the fifth day of storage onward. The migration was reduced according to the increase of the distance between the inoculum source and the soybean roots. The storage in water of M. incognita J2 with P. penetrans endospores adhered to the cuticle caused less reduction in J2 lipid content when compared to J2 without endospores. The J2 with endospores also had a reduction on parasitism and on the number of endospores produced per female, following the increase of the storage period. The dark area observed along the body of M. incognita J2 in the absence of stains correlated to the area stainned red by "Oil Red O", and to the infectivity and reproduction of M. incognita. The neutral lipids also correlated with lipid index, lipid weight and to infectivity and reproduction of M. exigua. Meloidogyne incognita and M. exigua J2 stored for six days lost more than 50% of the neutral lipid content. This level of lipid content and time of storage represent the threshold for tomato infectivity, whereas for reproduction the threshold was three days of storage. The results of this study will contribute to the better understanding of the role of body energy reserve in J2 of Meloidogyne spp. in their life cycle on roots of host plants.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2572
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DFP - Agronomia/Fitopatologia - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Aspectos da coloração, ciclo de vida, parasitismo por Pasteuria penetrans e suas relações com a reserva energética de juvenis do segundo estádio de Meloidogyne spp..pdf769.78 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback