Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2632
Título: Uso da somatotropina recombinante bovina (rbST) em associação com a gonadotrofina coriônica equina (eCG) no número de folículos antrais aspirados em novilhas holandesas (HOL) e tabapuã (TAB)
Título(s) alternativo(s): Use of an association of recombinat bovine somatotropin (rbST) plus equine chorionic gonadotropin (eCG) and number of aspirated antral follicles in Holstein and Tabapuã heifers
Autor : Morais, Hévea de
Primeiro orientador: Souza, José Camisão de
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Viveiros, Ana Tereza de Mendonça
Primeiro membro da banca: Zangerônimo, Márcio Gilberto
Filgueiras, Eduardo Pinto
Área de concentração: Produção e nutrição de ruminantes
Palavras-chave: Aspiração folicular
Oócitos
Embriões
Ovários
Ovum pick up
Oocyte
Embryo
Ovary
Data da publicação: 12-Ago-2014
Referência: MORAIS, H. de. Uso da somatropina recombinante bovina (rbST) em associação com a gonadotrofina coriônica equina (eCG) no número de folículos antrais aspirados em novilhas holandesas (HOL) e tabapuã (TAB). 2011. 50 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: The aim of this study was to investigate whether the use of rbST in combination with a low dose of eCG prior to follicular aspiration provides a significant improvement in the quantity and quality of oocytes retrieved in cycling nulliparous Tabapuã (TAB) and Holstein (HOL) heifers. The study was conducted in a change-over design. In the first phase, HOL (12) and TAB (18) heifers were blocked according to their antral follicular populations (average of two previous counts) and allocated equally (high and low counts) to one of two treatments, after ablation of the dominant follicle two days before (D-2) treatment onset: Group 1 (HOL, n = 6 and TAB, n = 8) a single injection of 500 mg of rbST (Boostin ®, Intervet, SP) on the first day (D0) and 500 IU of eCG (Novormon ®, Intervet, Brazil) on D2. Group 2 or control (HOL, n = 6 and TAB, n = 8) only vehicle. All heifers were submitted to ovum pick up (OPU) on D4 for a total of 55 sessions. This protocol was repeated 20 days after OPU, alternating animals in the treatment groups. Ultrasonography was performed every other day, from D-2 to D4, and images recorded in order to count the number of subordinate follicles and measure the diameters of the dominant and subdominant follicles. Oocytes were retrieved and classified according to International Embryo Transfer Society (IETS) standards. Later, oocytes were matured, fertilized and placed in culture for 7 days on a routine IVF regimen (VITROGEN®, Cravinhos, SP, Brazil). Data relative to the effects of treatment and breed on the number of aspirated follicles, oocyte number and quality, proportions of oocytes fertilized and completing each developmental stage (morula, early blastocyst, blastocyst, expanded and hatched blastocyst) were analyzed by a generalized linear model procedure (GENMOD, SAS®, Cary, NC, USA), with the poisson and binomial (for proportions) options and a the scale held fixed (noscale). The combined hormonal stimulation with rbST and eCG, prior to OPU, increased (P <0.01) the number of antral follicles (2-8mm) in Tabapuã (from 29.9±2.6 to 41.4±2.6), but not in Holstein heifers (from 14.4±2.6 to 15.5±2.6). It is clear that the Tabapuã breed (35.6±1.8) has a higher mean antral follicle population than Holstein (15.0±2.1) (P <0.0001). The number of viable structures was not increased by the treatment neither in Holstein (from 4.7±1.0 to 5.2±1.1) nor in Tabapuã heifers (from 1.3±1.9 to 2.0±1.6). There was a greater percentage (33 vs 27%) of heifers with more than five viable oocytes in the treated group. The average number of embryos that reached the blastocyst stage was not affected by treatment (1.75 vs. 1.00 in treated and controls, respectively). However, in terms of quality, there was a higher viable structure yield per aspirated animal in response to the stimulus. Finally, these results underscore the need for additional tests, especially for the Holstein breed.
O objetivo do presente experimento foi investigar se, em novilhas nulíparas Tabapuã (TAB) e Holandesas (HOL) ciclando, se o uso de rbST em associação eCG, previamente à aspiração folicular, promove melhora significativa na quantidade e na qualidade dos ovócito recuperados. O estudo foi conduzido em esquema change over. Na primeira fase, novilhas HOL (12) e TAB (16) foram blocadas segundo sua população folicular antral (média de duas contagens prévias) e distribuídas igualmente (contagem alta e baixa) para um de dois tratamentos, após ablação do folículo dominante, dois dias antes (D-2) do início dos protocolos: Grupo 1 ou Estimulado (HOL, n=6 e TAB, n=8): injeção única de 500 mg de rbST (Boostin®, Intervet, SP) no primeiro dia (D0) e 500 UI de eCG (Folligon®, Intervet, SP) no D2. Grupo 2 ou Controle (HOL, n=6 e TAB, n=8)- somente veículo. Todas as novilhas foram submetidas a aspiração folicular (OPU) no D4, totalizando 55 sessões. Os protocolos foram repetidos 20 dias após a primeira OPU, alternando-se os animais nos tratamentos. A ultrassonografia foi realizada a cada dois dias, a partir do D-2 até o D4, e as imagens gravadas para contagem dos folículos subordinados e mensuração dos diâmetros dos folículos dominantes e subdominantes. Os ovócitos foram rastreados e classificados segundo as normas da International Embryo Transfer Society (IETS). Posteriormente, foram fertilizados e colocados em cultura durante 7 dias em um esquema de rotina de PIV (VITROGEN®, Cravinhos, SP, Brasil). Os dados relativos aos efeitos do tratamento e da raça sobre o número de folículos aspirados, número e qualidade dos ovócitos, proporções de ovócitos: fertilizados e completando cada estádio de desenvolvimento em cultura (mórula, blastocisto inicial, blastocisto, blastocisto expandido e eclodido) foram analisados por meio do procedimento de modelos lineares generalizados (GENMOD- SAS®, Cary, NC, EUA) com a opção de distribuições de Poisson e binomial (no caso de proporções). O estímulo hormonal com rbST e eCG combinados, prévio à aspiração folicular, aumentou (P<0,01) o número de folículos antrais (2-8mm) na raça Tabapuã (de 29,9±2,6 para 41,4±2,6), mas não na raça Holandesa (de 14,4±2,6 para 15,5±2,6). Ficou claro que a raça Tabapuã (35,6±1,8) tem população folicular média mais elevada do que a Holandesa (15,0±2,1) (P<0,0001). O número de estruturas viáveis não foi aumentado pelo tratamento (P>0,05) tanto na raça Tabapuã (de 4,7±1,0 para 5,2±1,1) quanto na Holandesa (de 1,3±1,9 para 2,0±1,6). Houve maior percentual (33 vs. 27%) de novilhas com mais de 5 ovócitos viáveis no grupo tratado. A média de embriões atingindo o estádio de blastocisto não foi influenciada pelo tratamento (1,75 vs. 1,00 para estimulado e controle, respectivamente). Conclui-se que o aumento do número de folículos ovarianos obtidos pelo estímulo hormonal foi dependente da composição genética e não teve reflexo na quantidade e no desenvolvimento dos ovócitos, nas condições do presente experimento. No entanto, em termos de qualidade, houve maior rendimento por animal aspirado em função do estímulo. Finalmente, estes resultados apontam para a necessidade de testes adicionais, especialmente para a raça Holandesa.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2632
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.