Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/265

Título: Da basílica à feira... do oásis ao Shoppingleu": a trajetória das metáforas do Jubileu em Congonhas (MG)
Título Alternativo: From the basílica to the feira... from oasis to Shoppingleu”: the path of metaphors of Jubileu in Congonhas (MG)
Autor(es): Pimentel, Thiago Duarte
Carrieri, Alexandre de Pádua
Pimentel, Mariana Pereira Chaves
Brito, Mozar José de
Assunto: Teoria organizacional
Metáforas
Identidade
Organizational theory
Metaphors
Identity
Data de publicação: 2011
Referência: PIMENTEL, T. D. et al. "Da basílica à feira... do oásis ao Shoppingleu": a trajetória das metáforas do Jubileu em Congonhas (MG). Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro, v. 45, n. 1, p. 45-66, jan./fev. 2011.
Resumo: Partindo da agenda de pesquisa em metáfora organizacional defendida por Cornelissen e outros (2008), este trabalho visa explorar a relação entre a elaboração de metáforas e a identidade dos espaços, físico e simbólico, a partir das propostas de análise da identidade do espaço e da análise das embodied metaphors. Para tanto, fezse uma síntese do desenvolvimento do tema até chegar na atual agenda de pesquisa. A análise do discurso serviu para a análise do corpus de 22 entrevistas semiestruturadas realizadas numa feira de um evento religioso em Congonhas (MG). Foram obtidos três grupos de metáforas relacionadas a três espaços distintos, cada um deles com seu traço distintivo e sua característica identitária própria. Pode-se observar que os elementos materiais, além de serem indexadores por excelência da produção de sentidos metafórica, cumprem um papel fundamental de fornecer significados num domínio ontológico. Adicionalmente, conforme afirma Smith (1999), observou-se que as metáforas elaboradas parecem seguir uma trajetória espaço-temporal condizente com as mudanças institucionais.
Abstract: Starting from the research agenda on organizational metaphor defended by Cornelissen and others (2008), this paper aims to explore the relation between metaphor making of and the physical and symbolic spatial identity, from the proposals for analysis of spatial identity and embodied metaphors. To this end, a summary of the subject’s development to the current research agenda was made. Discourse analysis was used to analyze the corpus of 22 semistructured interviews conducted at a religious event fair in Congonhas (MG). We obtained three groups of metaphors related to three different spaces, each space with its distinctive feature and its own identity characteristics. It is noted that, besides being indicators par excellence in the metaphor meaning production, material elements play a key role to provide meanings in an ontological domain. In addition, as argued by Smith (1999), it was noted that elaborate metaphors seem to follow a time-space trajectory that is consonant with institutional changes.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/265
Idioma: other
Aparece nas coleções: DAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Da basílica à feira... do oásis ao Shoppingleu a trajetória das metáforas do Jubileu em Congonhas (MG).pdf143,38 kBAdobe PDFVer/abrir

Este item está licenciado com Licença Creative Commons
Creative Commons

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback