Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2696

Título: Associação de bactérias diazotróficas na assimilação e transporte de nitrogênio em plantas jovens de seringueira (Hevea spp)
Título Alternativo: Association of diazotrophic bacteria on assimilation and transport of nitrogen in young rubber tree plants (Hevea spp)
Autor(es): Diniz, Patrícia Fabian de Araújo
Orientador: Oliveira, Luiz Edson Mota de
Coorientador(es): Moreira, Fátima Maria de Souza
Membro da banca: Delu Filho, Nelson
Camargos, Liliane Santos de
Bonome, Lisandro Tomás da Silva
Área de concentração: Fisiologia Vegetal
Assunto: Aminoácidos
Glutamina sintetase
FBN
GABA
Amino acids
Glutamine synthetase
Data de Defesa: 12-Ago-2011
Data de publicação: 13-Ago-2014
Referência: DINIZ, P. F. de A. Associação de bactérias diazotróficas na assimilação e transporte de nitrogênio em plantas jovens de seringueira (Hevea spp). 2011. 253 p. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: A utilização de microrganismos que propiciem uma melhor nutrição da seringueira pode ser uma alternativa para obtenção de porta-enxertos precoces e com redução no uso de insumos químicos. O objetivo do trabalho foi promover o isolamento e caracterização de bactérias diazotróficas associadas à seringueira, buscando-se avaliar a contribuição desses microrganismos sobre o desenvolvimento de plantas jovens de seringueira, além de conhecer seus efeitos sobre o comportamento bioquímico e enzimático das plantas e sua influência sobre o metabolismo do nitrogênio (N), através da análise de compostos nitrogenados presentes na seiva do xilema. Outras quatro estirpes de bactérias diazotróficas pertencentes aos gêneros Herbaspirillum, Azospirillum e Burkholderia foram também avaliadas. Foram constituídos tratamentos controle em baixo nível de N (2mM) e em nível ideal de N (8mM), ambos sem inoculação, além dos tratamentos inoculados e suplementados com 2 mM de N. Encontrou-se 19 isolados presentes nas amostras de solo da rizosfera da seringueira. A caracterização das colônias indicou 17 isolados produtores de muco bastante elástico, gram negativos, com formato celular de bastonete, imóveis e possuindo 2 glóbulos de poli-β-hidroxibutirato, um em cada extremidade do bastonete. O sequenciamento parcial do gene 16S rDNA revelou cinco isolados pertencentes ao gênero Beijerinckia, sendo três pertencentes à espécie B. indica e dois à espécie B.derxii, além de um isolado pertencente ao gênero Bacillus. Bactérias pertencentes ao gênero Beijerinckia foram eficientes em produzir ácido 3-indol-acético na presença do triptofano. As plantas inoculadas mostraram ganhos em altura e diâmetro dos caules, maior peso fresco de raízes laterais, maior comprimento da raiz principal, maior área foliar, comparadas ao controle suplementado com 2mM de N. A inoculação favoreceu o aumento da matéria seca foliar, matéria seca da parte aérea, matéria seca radicular e matéria seca total, maior eficiência relativa e altos teores de clorofilas. Todas as bactérias promoveram um aporte de N. Pela análise de compostos nitrogenados transportados na seiva do xilema das plantas, concluiu-se que a seringueira transloca, principalmente, os aminoácidos glutamina e GABA para a parte aérea. Nitrato e ureídeos foram transportados na seiva do xilema em maiores quantidades que o amônio, em todos os tratamentos. Uma pequena influência da inoculação sobre a atividade da sintetase da glutamina nas raízes foi detectada. Além disso, as plantas inoculadas apresentaram maiores concentrações de proteínas e aminoácidos nas folhas.
The use of microorganisms that provide better nutrition of rubber tree can be an alternative to obtain rootstocks early and with reduced use of chemical inputs.This study aimed to promote the isolation and characterization of diazotrophic bacteria associated with rubber trees, seeking to estimate the contribution of these microorganisms on the growth and development of rubber tree seedlings, besides knowing their effects on the enzymatic and biochemical behavior of plants and their influence on nitrogen (N) metabolism, through the analysis of nitrogen compounds in the xylem sap. Four others strains of diazotrophic bacteria from the genus Herbaspirillum, Azospirillum and Burkholderia were also evaluated. For this, treatments consisted of control in low level of N (2mM) and in ideal level of N (8mM), both uninoculated, besides those inoculated and supplemented with 2 mM of N. Nineteen isolated were found in soil samples of rhizosphere from rubber tree. The characterization of the colonies indicated seventeen isolates producing a very elastic mucus, negative gram, rod-shaped cell, immobile and owning two globules of poly-β-hydroxybutyrate, one each end of the rod-shaped cell. The partial sequencing of 16S rDNA gene indicated that five of these isolates belong to the genus Beijerinckia, three belonging to B. indica species and two to B.derxii species, besides one isolated belongs to the genus Bacillus. Bacteria belonging to the genus Beijerinckia were efficient in producing indole-3-acetic acid in the presence of tryptophan. The inoculated plants showed gains in height and diameter of the stems, greater fresh weight of lateral roots, longer length of main root, greater leaf area compared to the control supplemented with 2mM of N. The inoculation promoted the increase in leaf dry matter, shoot dry matter, root dry matter and total dry weight, and higher relative efficiency and high levels of chlorophyll. All bacteria promoted a supply of nitrogen. The analysis of nitrogen compounds transported in xylem sap of the plants, it was concluded that rubber tree translocates, mainly, the amino acids glutamine and GABA to the shoot. Ureides and nitrate were transported in the xylem sap in larger quantities than ammonium in all treatments. A small influence of inoculation on the activity of glutamine synthetase was detected in the roots. In addition, inoculated plants showed higher concentrations of protein and amino acids in leaves.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2696
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Não há arquivos associados para este Item.

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback