Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2697

Título: Fontes suplementares de zinco para gatos adultos.
Título Alternativo: Sources of supplemental zinc for adult cats.
Autor(es): França, Janine
Orientador: Saad, Flávia Maria de Oliveira Borges
Membro da banca: Bertechini, Antônio Gilberto
Logato, Priscila Vieira Rosa
Sousa, Raimundo Vicente de
Área de concentração: Nutrição de Monogástricos
Assunto: Fontes suplementares de zinco
Dose terapêutica
Gatos adultos
Source supllemental zinc
Dose therapeutical
Cats adult
Data de Defesa: 20-Dez-2006
Data de publicação: 13-Ago-2014
Referência: FRANÇA, J. Fontes suplementares de zinco para gatos adultos. 2006. 75 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: Com o objetivo de avaliar, fontes suplementares do elemento zinco para gatos adultos, foi conduzido um experimento no Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA). Utilizaram-se 24 gatos adultos, machos e fêmeas, SRD, com peso médio de 3,56 kg, num período de 56 dias. As variáveis analisadas foram: absorção aparente de zinco das fontes em estudo, baseadas na curva plasmática do elemento; coeficientes de retenção de zinco das fontes testadas, baseados na excreção fecal e urinária de zinco; coeficientes de retenção do zinco das dietas testadas; deposição de zinco no pêlo e na pele e histologia da pele. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com 4 tratamentos e 6 repetições, totalizando 24 unidades experimentais, para todos os parâmetros avaliados, com exceção da retenção de zinco das fontes (3 tratamentos, 6 repetições; 18 unidades experimentais) e biópsia de pele (4 tratamentos, 4 repetições; 16 unidades experimentais). Para as concentrações de zinco no plasma seguiu-se o mesmo delineamento, porém com o uso de parcela subdividida no tempo. Os tratamentos experimentais consistiram em T1: ração comercial + 30 mg de Zn (quelatado); T2: ração comercial + 30 mg de Zn (sulfato de zinco); T3: ração comercial + 30 mg de Zn (óxido de zinco) e T4: tratamento controle, ração comercial sem fonte suplementar de zinco. Não houve diferença significativa quanto à digestibilidade, consumo e excreção fecal da ração comercial utilizada (P>0,05). Quanto à excreção fecal de zinco as fontes quelatada e o óxido de zinco apresentaram menor excreção (P<0,05). O óxido de zinco apresentou menor excreção urinária de zinco (P<0,05), sendo os demais tratamentos semelhantes entre si (P>0,05), apresentando também uma maior retenção no organismo em relação às outras fontes de zinco testadas (P<0,05). Quanto ao zinco na pele a fonte quelatada foi superior aos outros tratamentos (P<0,05) e semelhante ao sulfato de zinco quanto à concentração de zinco no pêlo, porém superior aos demais tratamentos (P<0,05). Para as observações histológicas de pele não houve diferença entre os tratamentos. Conclui-se que as fontes quelatadas e inorgânicas possuem pontos diferentes de absorção e atendem a tecidos diferenciados no organismo.
The aim of this research was to evaluate different sources of supplemental zinc for adult cats. This work was conduced in the Department of Zootecnia of the Federal University of Lavras (UFLA). Using 24 adult cats, male and female, no defined race, with weight average of 3,56 kg along 56 days. Analyzed variables were zinc apparent absorption based in the plasmatic curve, coefficients of zinc retention based in the fecal and urinary excretion, coefficients of retention of zinc, zinc deposition in the coat and the skin and histology of the skin. A randomized experimental design with 4 treatments and 6 repetitions was conduced to study all parameters in exception the zinc retention (3 treatments, 6 repetitions; 18 experimental units) and biopsies of skin (4 treatments, 4 repetitions; 16 experimental units). For zinc concentrations in plasma the delineation followed the same design however in subdivided parcel along the time. The experimental treatments consisted of T1: commercial ration + 30 mg of Zn (chelated); T2: commercial ration + 30 mg of Zn (zinc sulphate); T3: commercial ration + 30 mg of Zn (zinc oxide) and T4: control treatment (commercial ration without supplemental zinc). There were not significant effects of the different levels of zinc in digestibility, consumption and fecal excretion (P>0,05). In relation of fecal excretion the chelated zinc and oxide zinc showed the low results (P<0,05). Among treatments zinc oxide showed the minor urinary excretion (P<0,05) and other treatments do not present difference among themselves (P>0,05), and zinc oxide also showed the bigger retention in the organism in relation to the other zinc sources (P<0,05). For the zinc in the skin the chelated was superior to the other treatments (P>0,05) and similar to zinc sulphate when analyzed the zinc concentration in the coat. For biopsies of skin there was not difference among treatments. In conclusion the chelated and inorganic sources showed different sites of absorption and served distinct tissues in organism.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2697
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Fontes suplementares de zinco para gatos adultos.pdf524,92 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback