Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2719

Título: Expressão de genes em Phytophthora nicotianae que codificam proteínas indutoras de respostas de defesa em plantas
Título Alternativo: Phytophthora nicotianae genes expression that encode induced-protein response defense in plants
Autor(es): Costa, Paula de Souza Cabral
Orientador: Paiva, Luciano Vilela
Membro da banca: Campos, Magnólia Araújo
Souza, Alessandra Alves de
Pfenning, Ludwig Heinrich
Souza, Alessandra Alves de
Área de concentração: Biologia Molecular
Assunto: PCR quantitativo
Efetores
Citros
Quantitative PCR
Effectors
Data de Defesa: 11-Out-2007
Data de publicação: 13-Ago-2014
Referência: COSTA, P. de S. C. Expressão de genes em Phytophthora nicotianae que codificam proteínas indutoras de respostas de defesa em plantas. 2007. 56 p. Tese (Doutorado em Fisiologia Vegetal)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
Resumo: O estudo da interação citros-Phytophthora nicotianae foi focalizado dentro do projeto Milênio de Citros, tendo sido gerado um banco de ESTs de Phytophthora nicotianae isolado IAC 095 (PP/CitEST) após indução in planta e subcultivo in vitro por 40 vezes. Os objetivos deste trabalho foram adequar metodologia para cultivo e separação de fases do ciclo de vida de Phytophthora nicotianae de citros e analisar a expressão de seus genes que codificam proteínas extracelulares indutoras de respostas de defesa em plantas, usando PCR quantitativo (qRT-PCR). Frutos de laranja foram inoculados com discos contendo micélio de P. nicotianae. Após a infecção, o patógeno foi purificado em meio de cultura contendo antibióticos e 4 fases do seu ciclo de vida foram obtidas: Zoósporos, Hifa, Hifa com os esporângios cheios e Hifa com os esporângios vazios. cDNA foi sintetizado a partir de mRNA obtido das fases e a expressão gênica foi analisada por meio de qRT-PCR. A condição adequada para o cultivo de P. nicotianae de citros in vitro, visando à separação de fases do seu ciclo de vida, é em meio de cenoura líquido distribuído em erlenmeyers, a 25º C sob luz constante. Para cinco dos oito genes estudados (CBEL, Ric1, Bip, Car e Transglutaminase) o perfil de expressão foi similar, apresentando maior expressão nas fases de hifa e hifa com esporângios vazios. A proteína Megaspermina foi mais expressa em zoósporos do que em hifa, esporângios cheios e vazios. Por outro lado, as proteínas 14-3-3 e Sintaxina foram mais expressos em hifa do que nas outras fases estudadas.
The study of the Citros-Phytophthora nicotianae interaction was focused into the Citros Milenium project, and it has generated an ESTs database of Phytophthora nicotianae IAC 095 strain (PP/CitEST) after in planta induction and in vitro subculture for 40 times. The objectives of this study were to adequate the methodology to growth and citros Phytophthora nicotianae separation of life cycle phases and analyze its genes expression that codify extracellular proteins inductors of defense response in plants, using a quantitative PCR (RT-PCR). Orange fruits were inoculated with discs containing P. nicotianae mycelia. After infection, the pathogen was purified during the culture containing antibiotics and 4 phases of its life cycle it was obtained: Zoospores, mycelia, mycelia with empty sporangium. cDNA was synthesized from the mRNA obtained from the phases and the gene expression was analyzed by the qRT-PCR. The adequate condition to cultivate the citros P. nicotianae in vitro, aiming the phases separation of its life cycle, is among liquid carrot distributed in erlenmeyers, a 25º C under a constant light. For five out of the eight studied genes (CBEL, Ric1, Bip, Car and Transglutaminase) the expression profile was similar, presenting a higher expression in mycelia and mycelia with empty sporangium phases. The Megaspermina protein was more expressed in zoosporos than in mycelia, empty and full sporangium. On the other hand, the proteins 14-3-3 and Sintaxina were more expressed in mycelia than the other studied phases.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2719
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Expressão de genes em Phytophthora nicotianae que codificam proteínas indutoras de respostas de defesa em plantas.pdf371,79 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback