Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEN - Departamento de Entomologia >
DEN - Programa de Pós-graduação >
DEN - Entomologia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2739

Título: Biodiversidade de Muscidae (Diptera), Braconidae (Hymenoptera) e Chrysopidae (Neuroptera) (Insecta) nas serras de Carrancas, Cipó e Canastra, MG
Título Alternativo: Biodiversity of Muscidae (Diptera), Braconidae (Hymenoptera) and Chrysopidae (Neuroptera) (Insecta) collected in the Carrancas, Cipó and Canastra mountain ranges, MG
Autor(es): Silva, Cláudio Gonçalves da
Orientador: Souza, Brígida
Membro da banca: Louzada, Júlio Neil Cassa
Carvalho, César Freire
Menezes Júnior, Ayres de Oliveira
Costa, Renildo Ismael Félix da
Silva, Alysson Rodrigo Fonseca
Área de concentração: Entomologia Agrícola
Assunto: Biodiversidade
Insetos
Levantamento
Biogeografia
Fitofisionomias
Biodiversity
Insects
Rising
Biogeography
Phytophysionomies
Data de Defesa: 5-Mar-2008
Data de publicação: 13-Ago-2014
Referência: SILVA, C. G. Biodiversidade de Muscidae (Diptera), Braconidae (Hymenoptera) e Chrysopidae (Neuroptera) (Insecta) coletados nas serras de Carrancas, Cipó e Canastra, MG. 2008. 103 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo realizar o levantamento e conhecer as diversidades inventarial e diferencial de muscídeos (Diptera), braconídeos (Hymenoptera) e crisopídeos (Neuroptera) (Insecta), nas fitofisionomias: florestal, do cerrado e do campo rupestre, nas Serras de Carrancas, Cipó e Canastra, Minas Gerais, Brasil. As coletas foram efetuadas nos meses de julho/agosto de 2004 (inverno) e janeiro/fevereiro de 2005 (verão). Os muscídeos e braconídeos foram amostrados por meio de armadilhas do tipo Malaise as quais, em número de nove, foram montadas em cada uma das áreas de estudo, sendo três por fitofisionomia. A primeira foi disposta a 30 metros da borda e as demais a 50 metros uma da outra, em direção ao interior da área de estudo. A amostragem de Chrysopidae consistiu na busca por insetos adultos durante o período de 72 horas nos mesmos períodos e fitofisionomias onde foram coletados os braconídeos e os muscídeos. Os espécimens capturados foram encaminhados para o Laboratório de Recepção e Triagem de Material do Departamento de Entomologia da Universidade Federal de Lavras, onde foram quantificados e montados. Aqueles pertencentes às famílias Muscidae e Braconidae foram encaminhados para identificação nos laboratórios da UFPR e UEL, respectivamente. Entre os 478 espécimens capturados, aqueles pertencentes à família Chrysopidae foram os mais abundantes, porém, maior riqueza foi constatada entre os braconídeos. Em formações vegetais abertas foram encontradas maior riqueza e abundância e na Serra do Cipó constatou-se maior diversidade entre os grupos estudados. Maior similaridade foi constatada em função da formação vegetacional. Com base em estimadores de riqueza, supõe-se que com o aumento do esforço amostral poderiam ser adicionadas novas espécies. Áreas de preservação ambiental cumprem seu papel na conservação da biodiversidade.
This work was aimed to perform the survey and to know both the inventorial and differential diversities of muscids (Diptera), braconids (Hymenoptera) and chrysopids (Neuroptera) (Insecta), in the phytophysionomies: forest, savanna area and rupestrian field on the Cipó and Canastra ranges, Minas Gerais, Brazil. The collections were performed in the months of July/August of 2004 (winter) and January/February of 2005 (summer). Both muscids and braconids were sampled by Malaise traps which, in the number of nine, were mounted in each of the study areas, that is, three per phytophysionomies, the first one placed at 30 meters ways from the border and the others at 50 meters apart from each other, towards the interior of the study area. The sampling of Chrysopidae consisted in the search for adult insects over the 72-hour period in the same periods and phytophysionomies, where both the braconids and muscids were collected. The captured specimens were carried into the Material Reception and Screening Laboratory of the Entomology Department of the Federal University of Lavras, where they were quantified and mounted. Those ones belonging to the families Muscidae and Braconidae were taken to the identification in the laboratories of the UFPR and UEL, respectively. Out of the 478 captured specimens, the ones belonging to the family Chrysopidae were the most abundant, but, among the braconids, a greater wealth was found. In open plant associations was found increased wealth and abundance and on the Cipó Range, a greater diversity among the groups studied was observed. Increased similarity was noticed as related to the plant association. On the basis of wealth estimators, it is supposed that with increasing sampling effort, new species could be added. Environmental preservation areas fulfill their role in biodiversity conservation.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2739
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DEN - Entomologia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Biodiversidade de Muscidae (Diptera), Braconidae (Hymenoptera) e Chrysopidae (Neuroptera) (Insecta).pdf580,31 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback