Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2776

Título: Painéis laminados e particulados à base de madeiras tropicais da Amazônia
Autor(es): Lima, Nerci Nina
Orientador: Mendes, Lourival Marin
Coorientador(es): Mori, Fábio Akira
Membro da banca: Tonoli, Gustavo Henrique Denzin
Savastano Júnior, Holmer
Fiorelli, Juliano
Área de concentração: Processamento e Utilização da Madeira
Assunto: Madeira
Painel de madeira
Chapa de partículas
Wood
Data de Defesa: 25-Mar-2011
Data de publicação: 2014
Referência: LIMA, N. N. Painéis laminados e particulados à base de madeiras tropicais da amazônia. 2011. 207 p. Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia da Madeira)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: Diante da grande demanda por madeiras, tanto pelas indústrias de madeira serradas como de painéis de madeira reconstituídos, espécies alternativas vêm sendo pesquisadas, no intuito de suprir as espécies mais utilizadas como também conhecer o seu potencial tecnológico. Este trabalho foi realizado com o objetivo de conhecer o potencial de três espécies tropicais da Amazônia, Cordia goeldiana, Brosimum parinarioides e Parkia gigantocarpa, no aproveitamento da produção de painéis laminados e particulados com a inclusão da madeira de Pinus sp. Os painéis compensados foram confeccionados com cinco lâminas de 2,0 mm de espessura e colados com resina fenol-formaldeído e duas gramaturas, 280 e 320 g/m², em linha dupla, no total de 22 tratamentos. Os painéis puros de faveira apresentaram maiores valores de propriedades físicas e os compostos por freijó e amapá obtiveram maiores valores de propriedades físicas e mecânicas. Para os painéis LVL, foram produzidos com nove lâminas de 2,0 mm de espessura e colados com resina resorcinol-formaldeído, no total de 6 tratamentos. Os painéis produzidos com madeiras amazônicas apresentaram melhor desempenho. Os painéis de madeira aglomerada foram produzidos nas proporções de 0%, 25%, 50%, 75% e 100%, colados com resina ureia-formaldeído, no total de treze tratamentos. A inclusão da madeira de Pinus sp. na composição dos painéis não influenciou as propriedades físicas e mecânicas dos painéis, exceto para a ligação interna. Para os painéis compostos por cimento-madeira nas proporções de 0%, 25%, 50%, 75% e 100%, tendo como ligante o cimento Portland CPV ARI PLUS, para a madeira de freijó, os resultados não foram claros, contudo, a inclusão da madeira de amapá apresentou melhor desempenho.
Due to a great demand for wood of both by saw wood and panel industries, alternative species have been researched with the aim to supply most used species and to know their technological potential. This worked aimed to study the potential of three tropical species from Amazônia, Cordia goeldiana, Brosimum parinarioides and Parkia gigantocarpa, for their use in plywood and LVL veneer panels and particle production for conventional particleboard and cement wood production with Pinus sp. wood inclusion. Physical and mechanical properties of each product were analyzed. Plywood panels were made with five 2 mm-thick veneers and glued with phenol-formaldehyde resin in two glue spread amounts 280 e 320 g/m² (double line) totalizing twenty two treatments. Faveira panels presented higher values for physical properties and the ones comprised of freijó and amapá had higher mechanical properties. For LVL panel production, nine 2mm-thick veneers were used and they were glued with resorcinic-formaldehyde was used, totalizing 6 treatments. Panels made from Amazonian species presented better quality. Particleboards were produced with the following proportions of Amazonian and Pinus sp. woods: 0, 25, 50, 75 and 100%. The inclusion of Pinus sp. wood in panel composition did not influence physical and mechanical properties of panels, except for internal bonding. Cement-wood panels were also produced in 0, 25, 50, 75 and 100% proportions of Amazonian woods in relation to Pinus sp. woods. Portland CPV ARI PLUS cement was used as binder, totalizing twelve treatments. For freijó wood, the results were not clear. However, inclusion of amapá wood had better result.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2776
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Painéis laminados e particulados à base de madeiras tropicais da Amazônia.pdf1,98 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback