Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28278
Título: Anatomia comparada do xilema secundário de clones de Eucalyptus sp. (Myrtaceae)
Título(s) alternativo(s): Comparative anatomy of secondary xylem of clones of Eucalyptus sp. (Myrtaceae)
Autor : Ferreira, Cassiana Alves
Lattes: http://lattes.cnpq.br/5846395860091077
Primeiro orientador: Mori, Fábio Akira
Primeiro coorientador: Ribeiro, Alessandra de Oliveira
Segundo coorientador: Urbinati, Claudia Viana
Primeiro membro da banca: Urbinati, Cláudia Viana
Segundo membro da banca: Lira, Marinês Ferreira Pires
Terceiro membro da banca: Ribeiro, Alessandra de Oliveira
Quarto membro da banca: Mota, Graciene da Silva
Palavras-chave: Eucalipto – Anatomia
Eucalipto – Genótipos
Eucalyptus – Anatomy
Eucalyptus – Genotypes
Data da publicação: 16-Dez-2017
Agência(s) de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Ensino Superior (CAPES)
Referência: FERREIRA, C. A. Anatomia comparada do xilema secundário de clones de Eucalyptus sp. (Myrtaceae). 2017. 91 p. Tese (Doutorado em Botânica Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2017.
Resumo: Apesar de a anatomia do xilema secundário dos vegetais ser de grande importância para a identificação de espécies madeireiras desprovidas de órgãos vegetativos, a comunidade acadêmica sempre utilizou a anatomia com cautela, uma vez que a plasticidade morfológica que os elementos celulares podem sofrer, seja em função da idade da planta ou do ambiente ao qual está submetida, pode mascarar sua identidade. No entanto, hoje, após diversos estudos, já é possível identificar algumas alterações morforlógicas em função da idade da planta ou do ambiente, ficando então a pergunta: com o domínio dos conhecimentos dessas variações é possível separar os genótipos de Eucalyptus com base apenas em parâmetros anatômicos da madeira? Neste contexto, o presente estudo foi realizado com o objetivo de identificar parâmetros anatômicos que possam segregar os genótipos, bem como relacioná-los ao ambiente que habitam, verificando, ainda, a variação radial da estrutura anatômica. O material utilizado para o presente estudo foi coletado em três municípios do estado de Minas Gerais e as análises anatômicas seguiram as recomendadas pelo comitê IAWA para anatomia da madeira; para análise do ângulo microfibrilar a metodologia adotada foi a luz polarizada e, para mensurar o ângulo da placa de perfuração, utilizou-se o método de elementos de vaso individualizados. Os parâmetros anatômicos que segregaram os genótipos de Eucalyptus foram tipo de parênquima axial, camadas de crescimento, presença de tilose e conteúdos nas células radiais. Foram estabelecidas no presente estudo relações entre a biometria das fibras e o ângulo microfibrilar, bem como entre os parâmetros dos elementos traqueais e a inclinação da placa de perfuração, em função do genótipo.
Abstract: Although the anatomy of the secondary xylem of the plants is of great importance for the identification of wood species devoid of vegetative organs, the academic community has always used the anatomy with careful, since the morphological plasticity that the cellular elements may suffer, is due to age the plant or the environment to which it is subjected, can mask its identity. However, today after several studies it is already possible to identify some morphological alterations as a function of the age of the plant or environment, and the question arises: with the knowledge of theses variations it is possible to separate Eucalyptus genotypes based only on parameters of wood anatomy? In this context, the present study aims to identify anatomical parameters that can segregate the genotypes, as well as relate them to the environment in which they inhabit, in order to verify the influence of the environment under these parameters. The material used for the present study was collected in three city of the state of Minas Gerais and the anatomical analyzes followed those recommended by the IAWA committee for wood anatomy, for microfibrillary angle analysis the methodology adopted was polarized light and to measure the angle of the perforate plate was used the method of individualized vessel elements. The anatomical parameters that segregated the Eucalyptus genothypes were the types of axial parenchyma, growth layers, presence of tilose and contents in the radial cells. The relationships between fiber biometry and the microfibrillary angle were established in the present study, as well as the relationships between the parameters of the tracheal elements and the inclination of perforate plate, according to the genotype.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28278
Publicador: Universidade Federal de Lavras
Idioma: por
Aparece nas coleções:DBI - Botânica Aplicada - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Anatomia comparada do xilema secundário de clones de Eucalyptus sp. (Myrtaceae).pdf2,16 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.