Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28533
Título : Essential oils on the control of stem and ear rot in maize
Título(s) alternativo(s): Óleos essenciais no controle da podridão do colmo e da espiga em milho
Autor: Teixeira, Glauco Antonio
Alves, Eduardo
Amaral, Douglas Carvalho
Machado, José da Cruz
Perina, Fabiano José
Palavras-chave: Stenocarpella maydis
Zea mays
Alternative control
Electron microscopy
Controle alternativo
Microscopia eletrônica
Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Data da publicação: Nov-2013
Referência: TEIXEIRA, G. A. et al. Essential oils on the control of stem and ear rot in maize. Ciência Rural, Santa Maria, v. 43, n. 11, p. 1945-1951, nov. 2013.
Resumo : A podridão-do-colmo e espiga, causada por Stenocarpella maydis, é responsável por graves perdas na produção de milho. O tratamento de sementes com fungicidas pode provocar danos ambientais. Por isso, este estudo objetivou avaliar o efeito de óleos essenciais extraídos de Cymbopogon winterianus (citronela), Thymus vulgaris (tomilho), Cymbopogon citratus (capim-limão), Corymbia citriodora (eucalipto), Cinnamomum zeylanicum (canela) e Syzygium aromaticum (cravo-da-Índia) sobre o desenvolvimento de S. maydis in vitro. Além disso, sementes de milho foram tratadas com esses óleos essenciais para determinar seus possíveis modos de ação e efeitos. Os óleos de S. aromaticum, C. zeylanicum e T. vulgaris inibiram o desenvolvimento do fungo nas concentrações maiores que 0,025%. Os óleos de S. aromaticum e C. zeylanicum mostraram taxas de germinação de sementes de 89,0% e 84,5%, as quais foram maiores que a testemunha. Esses óleos reduziram a incidência do patógeno nas sementes para 39,0% e 28%, respectivamente. Além disso, esses óleos, bem como o óleo de T. vulgaris, produziram menor redução do estande de milho. O exame de microscopia eletrônica de varredura revelou que os óleos de S. aromaticum and T. vulgaris agiram diretamente sobre os conídios, impedindo a germinação. Os resultados deste trabalho sugerem que os óleos de S. aromaticum, C. zeylanicum e T. vulgaris são alternativas potenciais para o tratamento de sementes de milho no controle de S. maydis.
Abstract: Stem and ear rot caused by Stenocarpella maydis are responsible for severe losses in maize production. Treatment of seeds with fungicides may induce environmental damage. Hence, this study aimed to evaluate the effects of essential oils extracted from Cymbopogon winterianus, Thymus vulgaris, Cymbopogon citratus, Corymbia citriodora, Cinnamomum zeylanicum, and Syzygium aromaticum on the development of in vitro S. maydis. In addition, maize seeds were treated with these essential oils to determine their possible mode of action and effects. The oils from S. aromaticum, C. zeylanicum, and T. vulgaris inhibited fungal development at concentrations higher than 0.025%. The oils from S. aromaticum and C. zeylanicum showed seed germination rates of 89.0% and 84.5%, which were higher than that of the control. The oils from S. aromaticum and C. zeylanicum reduced the pathogen incidence in the seeds to 39.0% and 28.0%, respectively. Further, these oils as well as that from T. vulgaris produced lower reduction of maize stand. Scanning electron microscopy examination revealed that essential oils from S. aromaticum and T. vulgaris acted directly on the conidia, impeding germination. The fi ndings suggest that the oils from S. aromaticum, C. zeylanicum, and T. vulgaris are potential alternatives for maize seed treatment in the control of S. maydis.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28533
Idioma: en_US
Aparece nas coleções:DFP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Essential oils on the control of stem and ear rot in maize.pdf173,57 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons