Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28641
metadata.teses.dc.title: Avaliação de técnicas de conservação de água em lavoura comercial de tomate de mesa
metadata.teses.dc.title.alternative: Evaluation of soil water conservation technicque for a salad tomato crop
metadata.teses.dc.creator: Nascimento, João Marcelo Silva do
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/4358455547813361
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Lima, Luiz Antônio
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Diotto, Adriano Valentim
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Colombo, Alberto
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Lima, Pedro Luiz Terra
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Silva, Antônio Carlos da
metadata.teses.dc.subject: Agricultura irrigada
Gerenciamento da irrigação
Tomateiro - Irrigação
Mulching
Irrigated agriculture
Schedule irrigation
Tomatoes - Irrigation
metadata.teses.dc.date.issued: 21-Feb-2018
metadata.teses.dc.identifier.citation: NASCIMENTO, J. M. S. do. Avaliação de técnicas de conservação de água em lavoura comercial de tomate de mesa. 2018. 109 p. Tese (Doutorado em Recursos Hídricos em Sistemas Agrícolas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2018.
metadata.teses.dc.description.resumo: O tomateiro é uma cultura exigente em água e está entre as hortaliças mais consumidas no Brasil. A busca por alternativas que melhorem sua produtividade e capazes de reduzir o uso da água no ciclo da cultura é essencial para a produção agrícola e para o meio ambiente. Assim, foram montados três experimentos para avaliar a influência do “mulching” (cobertura plástica) e do gotejamento subsuperficial nas variáveis de produção e eficiência no uso da água no tomateiro. No primeiro, procurou-se comparar duas taxas de aplicação de água (TA1 e TA2) em combinação com uso de plástico e sem plástico com gotejamento subsuperficial. Foi estudado o efeito nas variáveis de produção, umidade do solo e eficiência do uso da água do tomateiro. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado fatorial (DIC) com fatorial 2x2 com nove repetições. Observou-se que o teor de água no solo ficou em limites toleráveis, exceto entre 90 e 100 DAT. Não houve diferença estatística para as variáveis de produção. A taxa de aplicação TA1 apresentou valor estatisticamente superior de eficiência no uso da água para produção total (39,53 kg m -3 ) e comercial (35,47 kg m -3 ). No segundo experimento, foram testadas a irrigação por pulsos (6 aplicações por irrigação) e a irrigação contínua em combinação com o gotejamento superficial e subsuperficial. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado (DIC) com fatorial 2x2 com seis repetições. O potencial mátrico do solo apresentou comportamento similar em função das profundidades 0,10, 0,30 e 0,50m. Não houve diferença estatística significativa para as variáveis de produção. Não foram observadas diferenças estatísticas significativas ao aplicar água de modo contínuo, em 6 pulsos por irrigação, superficial ou subsuperficial. O teor de água no solo permaneceu acima da capacidade de campo, o que pode prejudicar a aeração do solo e desenvolvimento do sistema radicular. No terceiro experimento, foram comparadas duas taxas de aplicação de água (TA1 e TA2) em combinação com o gotejamento superficial e subsuperficial. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado fatorial (DIC) com fatorial 2x2 com seis repetições. Notou-se que a condutividade elétrica do extrato de saturação permaneceu com valores abaixo do limite (2,5 dS m -1 ). A cultura não apresentou sinais de estresse salino. Não foram observadas diferenças estatísticas significativas nas variáveis de produção. A taxa de aplicação de água TA1 apresentou valor estatisticamente superior à taxa TA2 na eficiência no uso da água para produção total (20 kg m -3 ) e comercial (18 kg m -3 ). De maneira geral, após avaliar os resultados dos três experimentos, é possível concluir que menores taxas de aplicação de água favorecem a eficiência de uso de água pelo tomate. O uso do “mulching” como alternativa ao emprego de gotejamento enterrado foi eficaz, mas é preciso investigar seu impacto na redução do uso de mão de obra e poluição do solo. O emprego da irrigação por pulsos não trouxe vantagens claras, provavelmente, porque os experimentos, diferentes dos citados em literatura, foram realizados durante período chuvoso.
metadata.teses.dc.description.abstract: The tomato is a water demanding crop among the most purchased vegetables in Brazil. The search for alternatives that improve its yield, able to reduce the use of water is essential for agricultural and the environment. Thus, three experiments were set up with the objectives to evaluate influence of plastic cover and subsurface drip on the production and efficiency variables in the use of water in salad tomato field. In the first one, we attempted to compare two water application rates (TA1 e TA2) in conjunction with plots using plastic and subsurface dripping and their effect on production variables, soil moisture and tomato water use efficiency. A completely randomized factorial design (DIC) with 2x2 scheme and nine replications was used. It was observed that the water content in the soil remained within tolerable limits for irrigation management, except in the maturation period, between 90 and 100 DAP. There was no statistical difference for production variables. The water application TA1 presented a statistically superior value of water use efficiency for total (39.53 kg m -3 ) and market (35.47 kg m -3 ) production. In the second experiment, pulsed irrigation (6 applications) and continuous irrigation were compared in conjunction with surface and subsurface drip irrigation. A completely randomized factorial design (DIC) with factorial 2x2 with six replications was used. The soil matric potential presented similar behavior as function of soil depths 0.10; 0.30 and 0.50m. There was no significant statistical difference for production variables. No significant statistical differences were observed in applying water continuously, in 6 pulses per irrigation, superficial or subsurface. Soil water content remained above field capacity moisture during the experimental period, which may restrict soil aeration and root system development. In the third experiment, two irrigation rates (TA1 and TA2) were compared in combination with surface and subsurface drip irrigation. A completely randomized factorial design (DIC) with factorial 2x2 with six replications was used. It was noted that the electrical conductivity of the saturation extract remained below the limit (2.5 dS m -1 ). Plants showed no signs of saline stress. No significant statistical differences were observed for production variables. The water application TA1 presented a statistically superior value when compared to TA2 in water use efficiency for total (20 kg m -3 ) and market (18 kg m -3 ) production. In general, after evaluating results of all three experiments, it is possible to conclude that lower irrigation application rates result in larger water use efficiency. Mulching use revealed to be a suitable alternative for subsurface drip irrigation, but it impacts on reduction of labor and soil pollution must be investigated. Pulse irrigation didn´t show advantages because all experiments were carried out during rainy season.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/28641
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DEG - Recursos Hídricos em Sistemas Agrícolas - Doutorado (Teses)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.