Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEN - Departamento de Entomologia >
DEN - Artigos publicados em periódicos >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2866

Título: Parasitismo de larvas da mosca-minadora Liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae) pelo parasitóide Opius sp. (Hymenoptera: Braconidae) na cultura da batata com faixas de feijoeiro intercaladas
Título Alternativo: Parasitism level of the leaf miner, liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae), by the parasitoid opius sp. (Hymenoptera: Braconidae), on potato plants intercropped with common bean
Autor(es): Pereira, Danilo Isaac da Paixão
Souza, Júlio César de
Santa-Cecília, Lenira Viana Costa
Reis, Paulo Rebelles
Souza, Moisa de Abreu
Assunto: Larvas - Controle Biológico
Solanum tuberosum
Phaseolus vulgaris
Mosca minadora
Publicador: UFLA
Data de publicação: 2002
Referência: PEREIRA, D. I. da P. et al. Parasitismo de larvas da mosca-minadora Liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae) pelo parasitóide Opius sp. (Hymenoptera: Braconidae) na cultura da batata com faixas de feijoeiro intercaladas. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 26, n. 5, p. 955-963, set./out. 2002.
Resumo: O feijoeiro (Phaseolus vulgarisL.) no sul de Minas Gerais, em qualquer época de plantio, tem praticamente apenas suas folhas cotiledonares e pouquíssimos f olíolos de folhas definitivas, baixeiras, infe s tadas pela mosca-minadora Liriomyza huidobrensisBlanchard (Diptera: Agromyzidae) ,e o índice de par asitismo de s uas la rvas por Opius sp. (Hymenoptera: Braconidae) chega a ser de 100%. Dessa forma, aval i ou-se o efeito do plantio de faixas de feijoeiros com a cultura da batata (Solanum tuberosumL.) na relação parasitóide/praga. O experimento foi instalado em junho de 1997 no plantio de inverno, época de maior ocorrência da mosca-minadora, no município de Alfenas, com a cultivar Achat. O del ineamento experime ntal foi em faixas, num total de seis, cada qual com 30 x 5 m (comprimento x largura), divid idas em 10 subparcelas de 3 m e dispostas no campo em dois conjuntos: um de quatro faixas distantes a 0,5; 5; 10 e 15 m da faixa de feijoeiros e outro de duas faixas, sendo esse úl timo conjunto separado do primeiro por 150 m de cul tura da própria batata, visando a eliminar qualquer influência do feijoeiro. A faixa de feijoeiros plantada ju nto ao primeiro conjunto foi deigual comprimento por 3 m de largura, contendo seis linhas de plantio. Os dois conju ntos de faixas foram comparados entre si quanto ao índice de parasitismo da praga, e dentro do pr i meiro conjunto avaliou-se até que distância houve influência do feijoeiro . Foram coletadas 12 folhas aleatoriamente de cada subparcela, semanalmente, até o fim do ciclo da cultura. A partir dessas folhas coletaram -se as pupas do minador e posteriormente avaliou-se o número de adultos da mosca e de seu parasitóide emergido delas . Verificou-se um aume nto de aproximadamente 192,0% no índice de paras i tismo na faixa que recebeu o feijoeiro, quando comparado àquela que não o recebeu. Não houve diferença significativa no parasitismo entre as faixas de batata distantes a 0,5; 5; 10 e 15m das faixas de fei joeiros. Os resultados obtidos mostraram que a i mplantação de fa ixas de feijoeiros em lavouras de batata é viável para r eduzir a infestação e danos causados pela mosca-minadora.
Abstract: The bean plant (Phaseolus vulgarisL.), in southern M inas Gerais State, in any period of the year, have practically only its cotiledonary leaves and few leaflets infested by the leaf miner Liriomyza huidobrensisBlanchard (Diptera: Agromyzidae), being that the parasitism level of its larvae by Opius sp. (Hym enoptera: Braconidae) gets up to 100%. Thus, the effect of bean strips in a potato culture (Solanum tuberosum L) on the parasitoid/pest relationship was evaluated. The experiment was set up in June 1997, at the winter planting, time of greatest occurrence of the leaf miner, in Alfenas county, with the cultivar Achat. The experimental design was that in strips, in a total of six, each of 30 x 5m (length x width), divided into 10 subplots of 3m and a rranged in the field in two sets: one with four strips 0.5, 5, 10 and 15 m away from the bean plants strip and the other with two strips, being this last set separated from the bean plant by 150 m of culture of the potato itself. The bean plants strip planted close to the first set was of equal length and had a wid th of 3 m, containing six planting lines. The two sets of strips were compared between them as to the parasitism level of the pest and within the first set, it was evaluated how far there was influence of the bean plant. Twelve leaves were randomly collected from each split plot, weekly, until the end of the cycle of the crop. From these leaves, the pupae of the miner were col lected and later the number of adult flies and their parasitoids emerged from them was evaluated. An increase of around 212% was verified at the parasitism level in the strip that received the bean plant as compared to that which did not. There was no significant difference on parasitism among potato strips 0.5, 5, 10 and 15 m away from the bean plants strip. The above-quoted mixture pr oved to be a feasible practice to decrease both the infestation and damage caused by the insect.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/2866
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DEN - Artigos publicados em periódicos
Ciência e Agrotecnologia

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
ARTIGO_Parasitismo de larvas da mosca-minadora Liriomyza huidobrensis Blanchard (Diptera: Agromyzidae) pelo parasitóide Opius sp. (Hymenoptera: Braconidae) na cultura da batata com faixas de feijoeiro intercaladas.pdf55,18 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback