Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/29448
metadata.teses.dc.title: Influência de diferentes composições de lâminas de Schizolobium amazonicum e Pinus oocarpa para produção de compensados multilaminados
metadata.teses.dc.title.alternative: Influence of different structural compositions of Schizolobiumamazonicum and Pinus oocarpa for multi-laminated plywood production
metadata.teses.dc.creator: Matos, Antonio Claret de
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/6462188216139320
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Guimarães Junior, José Benedito
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Ferreira, Juliana Ceccato
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Mendes, Lourival Marin
metadata.teses.dc.subject: Compensados multilaminados
Compensados de madeira
Ureia formaldeído
Fenol formaldeído
Multilayered compensated
Plywood
Urea formaldehyde
Phenol formaldehyde
metadata.teses.dc.date.issued: 11-Jun-2018
metadata.teses.dc.identifier.citation: MATOS, A. C. de. Influência de diferentes composições de lâminas de Schizolobium amazonicum e Pinus oocarpa para produção de compensados multilaminados. 2018. 45 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Biomateriais)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2018.
metadata.teses.dc.description.resumo: O presente trabalho tem como objetivo avaliar as propriedades físicas e mecânicas de compensados multilaminados confeccionados com madeira de Schizolobiumamazonicum (paricá) e Pinus oocarpa (pinus), com utilização de diferentes adesivos. Os compensados foram produzidos com cinco lâminas, obedecendo à laminação cruzada, variando as camadas de lâminas entre as espécies de paricá (PA) e pinus (PI). Foram avaliados também os adesivos ureia formaldeído (UF) e fenol formaldeído (FF), na gramatura de 150g/m 2 . O ciclo de prensagem utilizado foi o de pressão 0,98 MPa; temperatura de 150 o C e tempo de prensagem igual a 10 minutos. Foram feitas análises de densidade básica, físicas e composição química da madeira para ambas as espécies. Para os painéis foram feitas análises físicas de densidade aparente,umidade de equilíbrio, e absorção de água. Para determinação das propriedades mecânicas foram feitos ensaios de flexão paralela e perpendicular às fibras da capa,bem como ensaio de cisalhamento na linha de cola. Os resultados dos ensaios físicos dos compensados analisados demonstraram que há interferência de cada espécie de madeira, bem como do adesivo, sobre as propriedades físicas de densidade aparente e umidade de equilíbrio dos painéis. Os resultados do ensaio de flexão tanto paralela quanto perpendicular às fibras mostram influência da estrutura das lâminas sobre os resultados de MOE e MOR obtidos. Para o caso da flexão perpendicular às fibras houve também influência significativa da interação entre o adesivo e a madeira. Os ensaios de cisalhamento na linha de cola indicaram influência da estrutura das lâminas, adesivo e interação entre eles. Todos os valores de tensão de ruptura média de cisalhamento obtidos a partir de painéis atenderam ao requisito mínimo estabelecido pelas Normas européias e NBR ISO 12466-2.
metadata.teses.dc.description.abstract: This research main goal was to evaluate mechanical and physical properties of multilaminated plywood made of Schizolobiumamazonicum (paricá) and Pinus oocarpa (pinus) with different adhesives. Plywood panels were made with five layers, cross-lamination, and layers variation between paricá and pinus wood. We also evaluated urea formaldehyde (UF) and phenol formaldehyde (FF) adhesives (150 g/m 2 ). The pressure used was 0,98 MPa; temperature of 150° C and press time equal to 10 minutes. We have analyzed basic density and chemical composition of both wood species. For the panels, we have performed physical analyzesofspecific gravity, equilibrium moisture content, and water absorption. For the determination of the mechanical properties, we made tests static bending parallel and perpendicular to the fiber, as well as glue line shear strength. Physical properties results showed there is interference of each wood species, as well as the adhesive, overspecific gravity and equilibrium moisture content of the panels. Results of parallel and perpendicular static bending, reported influence of layers structure over MOE and MOR values. For perpendicular static bending we also had significative interaction between adhesives and wood. Essays of glue line shear strength had demonstrated influence of layers structure, adhesive and interaction between them. All values of glue line shear strength reached the minimum requisite of 1.0MPa, according to European and Brazilian Standards.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/29448
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DCF - Ciência e Tecnologia da Madeira - Mestrado (Dissertações)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.