Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/301

Título: Avaliação do Plano de Desenvolvimento Institucional das universidades federais do Consórcio Sul-Sudeste de Minas Gerais
Autor(es): Mizael, Glener Alvarenga
Orientador: Vilas Boas, Ana Alice
Coorientador(es): Pereira, José Roberto
Membro da banca: Cruz, Marcos Vinícius Gonçalves da
Oliveira, Elias Rodrigues de
Área de concentração: Organizações, Gestão e Sociedade
Assunto: Plano de desenvolvimento institucional
Planejamento estratégico
Universidades federais
Consórcio Sul-Sudeste de Minas Gerais
Institutional development plan
Strategic planning
Federal universities
South-Southeast Consortium of Minas Gerais
Data de Defesa: 13-Fev-2012
Data de publicação: 2012
Referência: MIZAEL, G. A. Avaliação do Plano de Desenvolvimento Institucional das universidades federais do Consórcio Sul-Sudeste de Minas Gerais. 2012. 128 p. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: As universidades federais, no contexto do Reuni, estão vivenciando um momento de expansão e grandes investimentos. Desse contexto macro, sete Ifes do Estado de Minas Gerais pactuam um acordo representado pelo Consórcio Sul-Sudeste das Universidades Federais com propostas de integração acadêmica e administrativa. Nesse sentido, a ação dos gestores públicos diante do desafio de realizar uma gestão que garanta a eficácia e eficiência organizacional deve-se pautar pelo instrumento de planejamento estratégico, representado pelo Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI, criado pelo Decreto 5.773/06. Logo, nesta pesquisa objetivou-se avaliar os limites e as possibilidades do PDI como um instrumento gerencial. A pesquisa é de caráter qualitativo, utilizando a triangulação metodológica (uso de duas técnicas: análise documental e aplicação de um questionário semiestruturado). A primeira etapa da pesquisa consistiu na análise documental dos PDIs publicados nos sítios das Ifes do Consórcio com o objetivo de avaliar o plano do ponto de vista burocrático com base nos estudos de Segenreich (2005). A segunda etapa da pesquisa consistiu a aplicação de um questionário semiestruturado aplicado aos servidores docentes e técnico-administrativos das Ifes. Da análise dos dados da primeira etapa observou-se que o PDI criado pela burocracia mediante o normativo ainda tem fortes influências burocráticas na sua elaboração, no quesito de obtenção de credenciamento pelas instituições e na obrigatoriedade da descrição dos eixos temáticos em sua composição. Numa visão gerencialista, o plano elaborado pelas Ifes é bem limitado, devendo passar por uma série de aperfeiçoamentos, pois ainda não demonstra um diagnóstico da realidade da instituição. Nesse sentido, o PDI não é bem consistente no que se refere à quantificação das metas, na descrição das ações, dos recursos necessários, dos prazos e dos responsáveis pela sua implementação. Da segunda etapa, os gestores possuem os seguintes desafios: aperfeiçoar os mecanismos de divulgação e transparência, motivar a comunidade acadêmica para o envolvimento no plano; integrar os novos servidores no processo de planejamento; associar o plano a gestão; romper com os limites burocráticos definidos no PDI e; interesse e apoio político da Administração das Universidades pela utilização do plano como uma ferramenta de apoio a gestão.
Federal Universities within the context of Reuni are experiencing a time of great expansion and investment. In this macro-context, seven Ifes (Federal Institutions of Higher Education) of Minas Gerais established an agreement represented by the South-Southeast Consortium of Federal Universities with proposals for academic and administrative integration. In this respect, the action of administrators of public institutions in face of the challenge of undertaking management which ensures organizational effectiveness and efficiency, should be guided by a strategic planning tool, as represented by the Institutional Development Plan - IDP, created by Decree 5.773/06. Therefore, the purpose of this study was to assess the limits and possibilities of the IDP as a management tool. Qualitative research was undertaken using methodological triangulation (using two techniques: documentary analysis and application of a semi-structured questionnaire). The first stage of the research was documental analysis of the IDPs published on the Ifes sites of the South-Southeast Consortium of Minas Gerais in order to evaluate the plan from the bureaucratic point of view based on the studies of Segenreich (2005). The second stage of the research was the application of a semi-structured questionnaire applied to teaching and technical-administrative public servants of Universities. Analysis of the data from the first stage showed that the IDP created by regulatory bureaucracy still has strong bureaucratic influences (red tape) in its development in the matter of obtaining accreditation by institutions and in the obligation of description of the central themes in its composition. From a managerial perspective, the plan prepared by Ifes is very limited; it must go through a series of improvements as it still does not provide a diagnosis of the reality of the institution. In this respect, the IDP is not very consistent in regard to the quantification of goals, description of actions, resource requirements, deadlines and those responsible for its implementation. From the second stage, managers have the following challenges: improving mechanisms for disclosure and transparency, motivation of the academic community for involvement in the plan; integration of new public servants in the planning process; associating the plan to management; breaking the bureaucratic limits defined in the IDP; and interest and political support from University Administration through use of the plan as a management support tool.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Administração, área de concentração em Organizações, Gestão e Sociedade, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/301
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO Avaliação do Plano de Desenvolvimento Institucional das universidades federais do Consórci.pdf1,04 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback