Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3101

Título: Crescimento vegetativo e anatomia caulinar de cafeeiros enxertados
Título Alternativo: Vegetative growth and anatomy cuttings of grafted coffee
Autor(es): Dias, Fabio Pereira
Orientador: Mendes, Antônio Nazareno Guimarães
Coorientador(es): Carvalho, Samuel Pereira de
Membro da banca: Carvalho, Carlos Henrique Siqueira de
Castro, Daniel Melo de
Área de concentração: Fitotecnia
Assunto: Enxertia
Café
Coffea
Crescimento vegetativo
Raízes (Botânica)
Anatomia
Vegetative growth
Roots (Botany)
Coffee
Anatomic
Data de Defesa: 20-Fev-2006
Data de publicação: 21-Ago-2014
Referência: DIAS, F. P. Crescimento vegetativo e anatomia caulinar de cafeeiros enxertados. 2006. 89 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2006.
Resumo: Visando obter informações sobre o desenvolvimento e as características anatômicas do caule de cafeeiros (Coffea arabica L.) enxertados em porta-enxerto Apoatã IAC 2258 (Coffea canephora), foram instalados e conduzidos esses ensaios, de outubro de 2003 a maio de 2005. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições, montado em esquema de parcelas subdivididas no tempo. Foram utilizadas: sete cultivares de C. arabica, três tipos de mudas (enxertada, auto-enxertada e pé franco), duas testemunhas do porta-enxerto Apoatã, pé franco e auto-enxertada, avaliadas em quatro épocas. Foram analisados altura de planta, diâmetro de caule, área foliar, massa seca da parte aérea, massa seca do sistema radicular, número de ramos plagiotrópicos e número de nós nos ramos plagiotrópicos. Os resultados obtidos permitiram verificar que a muda enxertada não é superior à muda de pé franco para todas as características avaliadas, independentemente da cultivar. O porta-enxerto Apoatã IAC 2258 não apresenta mais massa seca de raiz que as plantas enxertadas e pé franco de C. arabica na fase de muda, mas, quando avaliadas aos 16 meses após o plantio, este foi superior às plantas de C. arabica, enxertadas ou não. As características anatômicas não evidenciam sinais de incompatibilidade anatômica entre as cultivares analisadas e o porta-enxerto Apoatã IAC 2258.
Aiming to get informations on the development and anatomical characteristics of coffee cuttings (Coffea arabica L.) grafted in Apoatã IAC 2258 (Coffea canephora) rootstocks, the experiments were carried out between october 2003and may 2005. The experiment was randomized complete block design, whit four replications and time split-plot arrangement. Were utilized seven C. arabica cultivars, three kinds of seedlings (grafted, self grafted and ungrafted), two Apoatã rootstocks control, ungrafted and self grafted evaluated in four period of time. The experiments were evaluated for plant height, stem diameter, leaf area, aerial parts dry matter, root system dry matter, plagiotropic shoots number and plagiotropic shoots nodes number. The results obtained let verify that grafted seedling was not superior to the ungrafted one for all the evaluated characteristics, regardless of the cultivar. Apoatâ IAC 2258 rootstock did not show higher root dry matter than grafted plant and Coffea arabica ungrafted in seedling stage, but when evaluated 16 months latter, after planting, that was in C. arabica grafted or not grafted. Anatomic caracteristics did not show signals of anatomic incompatibility between analysed cultivars and Apoatã IAC 2258 rootstock.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3101
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Crescimento vegetativo e anatomia caulinar de cafeeiros enxertados.pdf831,25 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback