Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3159
Título: Resposta da comunidade de formigas (Hymenoptera: Formicidae) à intensidade de uso da terra na Floresta Amazônica
Autor : Silva, Willian Lucas Paiva da
Primeiro orientador: Zanetti, Ronald
Primeiro membro da banca: Silveira, Luis Cláudio Paterno
Ferreira, Ronara de Souza
Área de concentração: Entomologia Agrícola
Palavras-chave: Biodiversidade
Floresta tropical
Qualidade ambiental
Biodiversity
Rainforest
Environmental quality
Data da publicação: 22-Ago-2014
Agência(s) de fomento: Global Environment Facility (GEF)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ)
Referência: SILVA, W. L. P. Resposta da comunidade de formigas (Hymenoptera: Formicidae) à intensidade de uso da terra na Floresta Amazônica. 2014. 54 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Entomologia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O modelo de desenvolvimento adotado na região amazônica está baseado na especulação de terras ao longo de estradas, na expansão agropecuária, na extração madeireira e no desenvolvimento de cidades. Este modelo é sustentado pela mudança de uso da terra, que traz consigo danos à biodiversidade e comprometimento da qualidade ambiental. A região de Benjamim Constant, no estado do Amazonas, se caracteriza por ser uma região com pouca intervenção humana e representa uma área de grande biodiversidade, sob ameaça desse modelo de desenvolvimento. O estudo foi realizado em cinco sistemas de uso da terra em Benjamim Constant, AM: floresta primária, floresta secundária antiga (áreas com mais de cinco anos de abandono), floresta secundária nova (áreas com menos de cinco anos de abandono), agricultura e pastagem, com o objetivo de investigar como a intensificação do uso da terra afeta a comunidade de formigas, as quais são amplamente utilizadas como indicadores ecológicos. Para isso, a estrutura da comunidade de formigas foi estudada e as seguintes hipóteses foram testadas: i) a riqueza de espécies de formigas diminui com o aumento da intensidade de uso da terra e ii) a composição de espécies de formigas é modificada pelo aumento da intensidade de uso da terra. As formigas foram coletadas utilizando-se a metodologia de Winkler. Os resultados indicaram que quanto maior a intensidade de uso da terra menor é a riqueza. A composição de espécies de formigas é modificada com o aumento da intensidade de uso da terra, ocorrendo uma diminuição na frequência de formigas habitualmente encontradas nos sistemas florestais em áreas de pastagem e agricultura. As formigas foram consideradas boas indicadoras das mudanças causadas pela intensificação do uso da terra na floresta amazônica.
The development model adopted in Amazon region is based on land speculation along the roads, agricultural expansion, logging and urban development. This model is supported by change of land use, which harms biodiversity and compromising environmental quality. Benjamin Constant, AM, Brazil is characterized as a region with little human intervention, and great biodiversity under threat from this development model. The study was conducted in five land use systems in Benjamin Constant: primary forest, old secondary forest (areas with more than five years of abandonment), young secondary forest (areas with less than five years of abandonment), agriculture and pasture. The aim was investigating how the intensification of land use affects the community of ants, which are widely used as ecological indicators. For this, the community structure of ants was studied and the following hypotheses were tested: i) the richness of ant species decreases with the increase of intensity of land use, ii) the composition of ant community is different between systems land use. Ants were collected using the Winkler methodology. The results indicated that the greater the intensity of use of lower ground is wealth. There is a change in composition of ant communities between systems. Ants were considered good indicators of changes caused by intensification of land use in Amazon rainforest.
metadata.teses.dc.description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Entomologia, área de concentração em Entomologia Agrícola, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3159
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DEN - Entomologia - Mestrado (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.