Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3182

Title: Crescimento e características morfoanatômicas de Merremia tomentosa Hallier em condições de radiação
Other Titles: Growth and morphologic and anatomical characteristics of Merremia tomentosa Hallier, in radiation conditions
???metadata.dc.creator???: Pereira, Giuslan Carvalho
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Castro, Evaristo Mauro de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Castro, Daniel Melo de
Mansanares, Mariana Esteves
Keywords: Cerrado
Planta medicinal
Anatomia ecológica
Qualidade de luz
Intensidade de luz
Medical plant
Ecological anatomy
Ligth quality
Light intensity
???metadata.dc.date.submitted???: 20-Feb-2009
Issue Date: 22-Aug-2014
Citation: PEREIRA, G. C. Crescimento e características morfoanatômicas de Merremia tomentosa Hallier em condições de radiação. 2009. 64 p. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
???metadata.dc.description.resumo???: The use of medicinal plants has expanded in all continents. Among the Brazilian biomes the Cerrado has a great diversity of medicinal plants. One of the medicinal plants found in the Cerrado, the Merremia tomentosa is a depurative of blood, and has antimicrobial activity due to the presence of ursolic acid in its leaves. This plant presents socio-economic and ecological importance, thus, studies that aim greater understanding of their ecology are necessary. Light is an important resource for development and growth of plants, and that these phenotypically respond to changes in light intensity and quality. The main objectives in this study were to assess morphology, as growth and biomass allocation, and leaf anatomical characteristics of this species when subjected to conditions of light. Were mounted two separate experiments: the first evaluated the effect of the change of light intensity under the M. tomentosa with treatments, full sun, 30% and 70% of shading, and the second focuses on the effects of altering the quality spectrum, where the plants were grown under mesh color (red, blue and black) all with 50% of shading. Two separate experiments were mounted: the first evaluated the effect of the change of light intensity in the M. tomentosa with full sun treatments, 30% and 70% of shading, and the second evaluated the effects of changing the quality spectrum, where the plants were grown under mesh color (red, blue and black) all with 50% of shading. After 4 months under the meshes the biomass, were evaluated the shoot height (neck to the apex), number of leaves, length, width and the length / width of the leaves of the 4th node and anatomical characteristics in cross-sections performed in the median of leaves. It was observed that M. tomentosa shows morphological and anatomical plasticity related to different light conditions studied. In the intensity experiment, the plants to full sun had greater biomass, with smaller but thicker leaves, and the average of all examined tissues largest when compared to the 30% and 70% shading. The thickness of the tissue decreased with the increase of shading. Regarding the effect of quality of light, it was possible to observe that the plants that grew under the red mesh showed higher growth, however the anatomical alterations of M. tomentosa were small related to the spectral change. Due to the phenotypic plasticity displayed by this species is noted that even being a sun plant, it is capable to adapt to conditions in different environments due to its range of morphological and anatomical changes.
A utilização de plantas medicinais tem se expandido em todos os continentes. Dentre os biomas brasileiros, o Cerrado possui grande diversidade de plantas medicinais. Uma das plantas medicinais encontradas no Cerrado, a Merremia tomentosa, é um depurativo do sangue e possui atividade antimicrobiana, devido à presença do ácido ursólico em suas folhas. Esta planta tem importância sócio-econômica e ecológica, sendo necessários estudos que visam maior compreensão de sua ecologia. A luz é um recurso importante para o desenvolvimento e o crescimento das plantas, as quais respondem fenotipicamente às alterações na qualidade e na intensidade luminosa. Os principais objetivos para a realização deste trabalho foram avaliar aspectos morfológicos, como crescimento e alocação de biomassa, e as características anatômicas da folha desta espécie quando submetidas às condições de luz. Foram montados dois experimentos distintos: no primeiro, avaliou-se o efeito da alteração da intensidade luminosa sob a M. tomentosa com os tratamentos, pleno sol, 30% e 70% de sombreamento e, no segundo, avaliaram-se os efeitos da alteração da qualidade espectral, em que as plantas foram cultivadas sob malhas coloridas (vermelho, azul e preto) todas com 50% de sombreamento. Após 4 meses sob as malhas, foram avaliados biomassa, altura da parte aérea (colo ao ápice), número de folhas, comprimento, largura e relação comprimento/largura das folhas do 4° nó e características anatômicas em secções transversais realizadas na região mediana das folhas. Foi observado que M. tomentosa apresenta plasticidade anatômica e morfológica em relação às diferentes condições de luminosidade estudadas. No experimento de intensidade, as plantas a pleno sol apresentaram maior biomassa, com folhas menores, porém, mais espessas, tendo a média de todos os tecidos analisados sido maiores quando comparada a 30% e a 70% de sombreamento. A espessura dos tecidos reduziu com o aumento do sombreamento. Em relação ao efeito da qualidade de luz, foi possível observar que as plantas que cresceram sob a malha vermelha apresentaram maior crescimento, porém, foram pequenas as alterações anatômicas de M. tomentosa em relação à mudança espectral. Pela plasticidade fenotípica apresentada por esta espécie, nota-se que, mesmo sendo uma planta de sol, ela é capaz de se adaptar a condições de diferentes ambientes devido à amplitude de suas alterações morfológicas e antômicas.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3182
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO_Crescimento e características morfoanatômicas de Merremia tomentosa Hallier em condições de radiação.pdf760.76 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback