Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/32490
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorNeves, Bianca Maciel Soares Pimenta-
dc.date.accessioned2019-01-21T16:20:27Z-
dc.date.available2019-01-21T16:20:27Z-
dc.date.issued2019-01-21-
dc.date.submitted2018-11-09-
dc.identifier.citationNEVES, B. M. S. P. Relação macho e fêmea e presença de substrato no comportamento reprodutivo de tilápia nilótica (Oreochromis niloticus). 2019. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/32490-
dc.descriptionArquivo retido, a pedido da autora, até janeiro de 2020.-
dc.description.abstractThe reproductive behavior of Nile Tilapia (Oreochromis niloticus) involves the selection of partners for mating and nesting for spawning, with tilapia being a species that exhibits polygyny behavior. The present work tested three male:female (1: 1, 1: 2 and 1: 3) relationships that were equally distributed in the aquariums with and without substrate, totaling 4 replications of these sexual proportions (treatments) in each condition (with and without substrate). For the sexual ratio 1:1 were used 16 animals, the sexual ratio 1:2 24 animals and 1:3, 32 animals, totaling 72 animals in 24 aquariums (60 L). The study had a duration of 21 days, the first 10 to observe the reproductive behavior and the other 11 days to observe the construction of the nests. The observations of the reproductive behavior were made through video cameras and recorded in an etogram that was made from scan sampling, according to the chronological hierarchy of the behaviors, such data were collected according to the method of Altmann (1974), the nests area were quantified and recorded on the 21st day of study. The results were evaluated through analysis of factorial variance, the frequency of occurrence of reproductive behaviors were influenced by the presence of substrate and male: female relationships, as well as, if there was interaction between these factors. The tukey test was used to compare the means of the treatments, with or without the presence of substrate, after which a nest construction analysis was performed. For this analysis, the multiple linear regression model was used to relate the variable area response, with dependent variable relationship. It is concluded that understanding the behavior of different male: female sex relations for the production of Nile Tilapia are important when it comes to reproduction. The relationships showed different behaviors, being the most aggressive the relationship with 1 male and 1 female, but this same sexual relation had a higher demand rate for nest investment, since the sexual relation 1 male and 2 females showed a higher rate of nest construction which may be indicative of courtship between the animals, since the study showed that both male and female construct nests. The nested area correlated with sexual intercourse presented a low correlation which shows that it is not indicative of the parameters reproduction.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Lavraspt_BR
dc.rightsacesso abertopt_BR
dc.subjectOreochromis niloticuspt_BR
dc.subjectTilápia-do-nilo - Comportamento reprodutivopt_BR
dc.subjectTilápia-do-nilo - Comportamento agonísticopt_BR
dc.subjectTilápia-do-nilo - Escolha da fêmeapt_BR
dc.subjectTilápia-do-nilo - Reproduçãopt_BR
dc.subjectNile Tilapia - Reproductive Behaviorpt_BR
dc.subjectNile Tilapia - Agonistic behaviorpt_BR
dc.subjectNile Tilapia - Choice of femalept_BR
dc.subjectNile Tilapia - Reproductionpt_BR
dc.titleRelação macho e fêmea e presença de substrato no comportamento reprodutivo de tilápia nilótica (Oreochromis niloticus)pt_BR
dc.typedissertaçãopt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciências Veterináriaspt_BR
dc.publisher.initialsUFLApt_BR
dc.publisher.countrybrasilpt_BR
dc.contributor.advisor1Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de-
dc.contributor.advisor-co1Murgas, Luis Solis-
dc.contributor.referee1Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de-
dc.contributor.referee2Murgas, Luis David Solis-
dc.contributor.referee3Giné, Gáston Andrés Fernandez-
dc.description.resumoO comportamento reprodutivo da Tilápia-do-Nilo (Oreochromis niloticus) envolve a seleção de parceiros para o acasalamento e construção de ninhos para a desova, sendo a tilápia uma espécie que apresenta comportamento de Poliginia. Buscando entender os comportamentos que envolvem a escolha dos casais para a reprodução, o presente trabalho testou três relações macho:fêmea (1:1, 1:2 e 1:3) que foram distribuídas igualmente nos aquários com e sem substrato, totalizando 4 repetições destas proporções sexuais (tratamentos) em cada condição (com e sem substrato). Para a proporção sexual 1:1 foram utilizados 16 animais, a proporção sexual 1:2 24 animais e a 1:3, 32 animais, totalizando 72 animais em 24 aquários (60 L). O estudo teve a duração de 21 dias, sendo os 10 primeiros para observação do comportamento reprodutivo e os outros 11 dias para observação da construção dos ninhos. As observações do comportamento reprodutivo foram feitas por meio de câmeras de vídeos e registrados em um etograma que foi confeccionado a partir de observações do tipo varredura (scan sampling), de acordo com a hierarquia cronológica dos comportamentos, tais dados foram coletados segundo o método de Altmann (1974), a área dos ninhos foram quantificadas e registradas no 21º dia de estudo. Os resultados foram avaliados através de análises de variância fatorial, a frequência de ocorrência dos comportamentos reprodutivos foram influenciados pela presença de substrato e pelas relações macho:fêmea, bem como, se houve interação entre estes fatores. O teste de tukey foi utilizado para comparar as médias dos tratamentos , com ou sem a presença de substrato, posteriormente foi realizado análise de construção de ninhos, para essa análise foi utilizado o modelo de regressão linear múltiplo para relacionar a variável resposta área, com a variável dependente relação. Conclui-se que compreender o comportamento de diferentes relações sexuais macho:fêmea para a produção de Tilápia do Nilo são importantes quando se trata da reprodução. As relações mostraram diferentes comportamentos, sendo a mais agressiva a relação com 1 macho e 1 fêmea, porém esta mesma relação sexual apresentou maior taxa de procura para investimento em ninho, já a relação sexual 1 macho e 2 fêmeas apresentou maior taxa de construção de ninho o que pode ser um indicativo de cortejo entre os animais, já que o estudo mostrou que tanto o macho quanto a fêmea constroem os ninhos. A área dos ninhos correlacionada à relação sexual apresentou baixa correlação o que mostra não ser um indicativo dos parâmetros.pt_BR
dc.publisher.departmentDepartamento de Medicina Veterináriapt_BR
dc.subject.cnpqMedicina Veterináriapt_BR
Aparece nas coleções:DMV - Ciências Veterinárias - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.