Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3255

Título: Consumo de suplementos minerais protéicos para bovinos de corte mantidos a pasto
Título Alternativo: Consumption of Mineral Protein Supplements for Beef Cattle Keeped Graze
Autor(es): Rezende, Lucas Alberto Teixeira de
Orientador: Evangelista, Antônio Ricardo
Membro da banca: Muniz, Joel Augusto
Pérez, Juan Ramón Olalquiaga
Rocha, Gudesteu Porto
Área de concentração: Nutrição de ruminantes
Assunto: Bovino de corte
Consumo
Amiréia
Uréia
Blocos multinutricionais
Brachiaria brizantha
Desempenho
Custos
Beef cattle
Consumption
Amirea
Urea
Multinutrient block
Performance
Cost
Data de Defesa: 25-Ago-2006
Data de publicação: 26-Ago-2014
Referência: REZENDE, L. A. T. de. Consumo de suplementos minerais protéicos para bovinos de corte mantidos a pasto. 2005. 40 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: O presente trabalho foi realizado com objetivo de avaliar o uso de suplementos à base de nitrogênio não protéico (NNP), nas formas de: uréia, amiréia e bloco multinutricional, para bovinos de corte mantidos a pasto, por meio da análise de desempenho e custos. O experimento foi realizado na Fazenda Taboão, município de Bom Sucesso, e as análises laboratoriais, no Laboratório de Pesquisa Animal (DZO), da Universidade Federal de Lavras. Foram utilizados 40 animais machos, sem raça definida, não castrados, com peso médio inicial de 378,87 Kg, em sistema de pastejo contínuo em Brachiaria brizantha cv. Marandu, agrupados em 4 piquetes, cada um com 10 animais, recebendo em cochos coletivos os respectivos tratamentos. O período de realização compreendeu 104 dias, de abril a julho de 2004. Os tratamentos utilizados foram: sal mineral (SM-controle), suplemento protéico contendo amiréia (AM), suplemento protéico contendo uréia (UR) e bloco multinutricional comercial (BL). Os tratamentos com amiréia e uréia, foram formulados para teor protéico semelhante ao bloco multinutricional (35% PB). O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com repetição dentro do bloco, onde os 40 animais, foram divididos em 5 blocos de acordo com o peso vivo inicial e sorteados nos 4 tratamentos, sendo 2 animais/bloco/tratamento. Os resultados de disponibilidade e composição bromatológica, consumo e desempenho dos animais, nos 90 dias do período experimental, foram analisados em dois sub-períodos: 0 a 45 e 45 a 90 dias. No primeiro sub-período, não houve efeito significativo dos tratamentos (P>0,05) no desempenho dos animais. Já no segundo sub-período, apenas o bloco multinutricional apresentou efeito significativo (P<0,05), com valores de ganho de peso menores do que os demais tratamentos, sendo 0,60; 0,59; 0,61 e 0,22 Kg/animal/dia, respectivamente, o ganho de peso médio diário, para os tratamentos com sal mineral, amiréia, uréia e bloco multinutricional. Diante das condições edafo-climáticas, época e duração do experimento, a suplementação apenas com sal mineral mostrou-se a técnica mais vantajosa em relação aos custos.
The present work was carried out with the objective to evaluate the use of supplements compost with nonprotein nitrogen (NPN) at forms: urea, amirea and multinutrient block, for beef cattle keeped graze, across the analysis of performance and costs. The experiment was carried out in Taboão farm, Bom Sucesso county, and the laboratory analysis, in Animal Research Laboratory of Animal Science Department of Federal University of Lavras. It was used 40 animals, without defined breed, not castrated, with initial average weight of 378,87 Kg, in continuous grazing system in Brachiaria brizantha cv. Marandu, organized in 4 paddocks, witch one with 10 animals, received in collective hod the respective treatments. The period of realization understood 104 days from April to July 2004. The treatments utilized were: mineral salt (MS), protein supplement containing amirea (AM), protein supplement containing urea (UR) and trade multinutrient block (BL). The treatments with amirea and urea, were formulated for the similar protein content of the block (35% CP). The experimental design used was randomized blocks with repetition inside the block, in witch the 40 animals were divided in 5 blocks, in function of the initial weight and then they were allocated randomly in the 4 treatments, been 2 animals/block/treatment. The results of available and bromatologic composition, consumption and performance of the animals, at 90 days of experimental period, were analyzed in two sub-periods: 0 to 45 and 45 to 90 days. At first sub-period, there was not significant effect among the treatments (P>0,05) in animal performance. But in second sub-period, just the multinutrient block show significant effect (P<0,05), with weight gain least than other treatments, been: 0,60; 0,59; 0,61 and 0,22 Kg/animal/day, respective, the medium daily weight gain, to the treatments with mineral salt, amirea, urea and multinutrient block. Countenance the edafo-climatics conditions, the period and duration of the experiment, the supplementation only with mineral salt demonstrate be the technique more advantageous in costs relation.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3255
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Consumo de suplementos minerais protéicos para bovinos de corte mantidos a pasto410,08 kBUnknownVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback