Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/327

Título: Organogênese e embriogênese somática de híbrido de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla
Autor(es): Batista, Tânia Regina
Orientador: Paiva, Luciano Vilela
Membro da banca: Santos, Breno Régis
Stein, Vanessa Cristina
Área de concentração: Biologia Molecular
Assunto: Eucalipto
Organogênese
Embriogênese
Micropropagação
Cultivo de meristema in vitro
Cultura de tecido
Eucalyptus
Organogenesis
Embriogenesis
Micropropagation
Data de Defesa: 2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Referência: BATISTA, T. R. Organogênese e embriogênese somática de híbrido de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla. 2012. 68 p. Dissertação (Mestrado em Biologia Molecular)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: Tendo em vista a crescente demanda por produtos derivados de florestas plantadas, um método que acelere a produção de mudas de eucalipto, em espaço reduzido e com produtividade alta se torna interessante. Neste cenário, a micropropagação in vitro aparece como uma alternativa viável sendo que técnicas como a organogênese e a embriogênese somática figuram entre as mais promissoras. Estas se tornam importantes quando aliadas à transformação genética de plantas, na busca da produção de genótipos mais produtivos, atendendo, desta maneira, a demanda por produtos de florestas plantadas. Assim, o desenvolvimento deste trabalho teve por objetivo o estabelecimento de protocolos de regeneração em larga escala de um híbrido comercial de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla a partir de explantes de tecidos maduros ex vitro e estabelecidos in vitro. Para o trabalho de organogênese, folhas e meristemas foram inoculados em meios de indução de calos e permaneceram no escuro por 30 dias. Após este período os calos foram transferidos para meios de regeneração e mantidos em sala de crescimento. A avaliação da presença de calos, presença de plantas e área do calo coberta por plantas foi realizada por meio de atribuição de notas por três avaliadores. Como melhores resultados, temos que para a organogênse de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla a utilização de 0,001862 mg..L-1 ANA e 0,1101 mg..L-1 TDZ ou de apenas acrescido de água de coco, seguindo de 0,12754 mg.L-1 de ANA e 0,249972 mg.L-1 de BAP. Para a etapa de embriogênese, meristemas foram retirados de matrizes mantidas em viveiro, e inoculados em meio MS na ausência e suplementados com distintas concentrações de dicamba. Após avaliação realizada aos 90 dias, o melhor resultado alcançado foi com a utilização de 0,25 mg.L-¹ de dicamba para a formação de embriões de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla.
With a view to increasing of demand for products derived from plantation forests, a method to accelerate the production of seedlings of eucalyptus in a small space and with high productivity becomes interesting. In this scenario, the in vitro micropropagation appears as a viable alternative and techniques such as organogenesis and somatic embryogenesis are among the most promising. These, become important when combined with the genetic transformation of plants, looking for the production of more productive genotypes, having thus the demand for products of planted forests. Thus, the development of this work was focused on the establishment of protocols for the somatic embriogenesis, organogenesis and regeneration of a commercial hybrid of Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla from explants derivatives from mature tissues in vivo and in vitro established. For the work of organogenesis, leaves and meristems were inoculated in a medium of induction and remained in the dark for 30 days. After this period, the calli were transfered to the regeneration media and maintained in a grow room. The evaluation of the presence of callus, regeneration of plants and area of the callus covered by plants was performed by score by three examiners. As best results, we have for the organogenesis for Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla were the using of 0,009 µM NAA and 0,5 µM TDZ in absence of the coconut water, followed by 0,71 µM NAA and 1,1 µM BAP. For the stage of embryogenesis, meristems were removed of the matrix maintained in the nursery and inoculated on MS medium supplemented with the absence and different concentrations of dicamba. After evaluation at 90 days, the best result was achieved with the use of 0.25 mg.L-¹ of dicamba to the formation of embryos of Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fisiologia Vegetal, área de concentração em Biologia Molecular, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/327
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Agronomia/Fisiologia Vegetal - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO Organogênese e embriogênese somática de híbrido de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla.pdf878,01 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback