Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEG - Departamento de Engenharia >
DEG - Programa de Pós-graduação >
DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3302

Título: Efeito da força de desprendimento e da maturação dos frutos de cafeeiros na colheita mecanizada
Título Alternativo: Effect detachment force and coffee fruits maturation in mechanized harvesting
Autor(es): Silva, Flávio Castro da
Orientador: Silva, Fábio Moreira da
Membro da banca: Carvalho, Gladston Rodrigues
Alves, Marcelo de Carvalho
Área de concentração: Máquinas e Automação Agrícola
Assunto: Café
Colheita mecanizada
Força de desprendimento
Data de Defesa: 7-Ago-2008
Data de publicação: 28-Ago-2014
Referência: SILVA, F. C. da. Efeito da força de desprendimento e maturação dos frutos de cafeeiros na colheita mecanizada. 2008. 106 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
Resumo: A regulagem das colhedoras de café tem sido feita empiricamente, variando-se vibração e velocidade por tentativas e erros, buscando-se o melhor desempenho operacional. Para se obter o melhor desempenho operacional da colheita mecânica do cafeeiro, há a necessidade de se estabelecer indicadores objetivos de referência. Um possível indicador para a determinação da vibração adequada em função da velocidade operacional pode ser a força de desprendimento dos frutos do cafeeiro. Em vista do crescente interesse dos cafeicultores em relação à colheita mecanizada e seletiva do café, este trabalho foi realizado com o objetivo de determinar a força de tração necessária para o desprendimento dos frutos de café em diferentes estádios de maturação ao longo do período de colheita em algumas das cultivares mais comuns no Brasil, bem como em oito progênies resistentes à ferrugem, oriundas do cruzamento entre ´Catuaí´ e ´Híbrido de Timor´, para futuro lançamento no mercado. O presente trabalho foi realizado em três fazendas do estado de Minas Gerais: Fazenda Cafua, no município de Ijaci; fazenda Capetinga, no município de Boa Esperança e fazenda Campos Altos, no município de Campos Altos. Na primeira fase deste trabalho, buscou-se determinar a força de desprendimento dos frutos de café por meio de um dinamômetro portátil construído justamente para este fim. A força de desprendimento das cultivares foi avaliada em quatro estádios de maturação: verde, cereja, passa e seco. Na segunda fase deste trabalho, buscou-se analisar a eficiência da colhedora modelo KTR® Advance ao longo do período de safra, em três níveis de vibração: 13,34, 15,00 e 16,66 Hz, à velocidade de 1.614 m.h-1. Concluiu-se que a força de desprendimento dos frutos é estatisticamente diferente entre os estádios de maturação, bem como entre as cultivares e as progênies analisadas. Observou-se que a força de desprendimento dos frutos verdes alcançou valores 73% superiores aos frutos cereja e que esta diferença pode ser um fator importante para a colheita seletiva e mecanizada dos frutos do cafeeiro. Verificou-se que o sistema "neuro-fuzzy" foi capaz de descrever o desempenho operacional da colhedora, constatando-se um aumento de eficiência de colheita com o aumento da vibração e do índice de maturação da cultura. Concluiu-se também que houve diferença significativa no volume colhido, sendo 34,65% e 32,17% inferiores, quando comparados com a maior vibração.
The regulation of coffee harvesters has been empirically fact varying vibration and speed up trials and errors, looking up the best operational performance. To achieve the best operational performance the mechanical harvesting of coffee, there is need to establish indicators for reference purposes. One possible indicator to establish the vibration appropriate to the operating speed may be the detachment force of coffee fruits. Given the growing interest that cafeicultores come with mechanized and selective coffee, this study aimed to determine the force traction needed for the detachment of coffee fruits at different stages of maturity during the harvest in some of the most common cultivars in Brazil and in eight progenies resistant to rust from the crossing Catuaí and Timor hybrids for future launch market. This work was carried out at three farms in the state of Minas Gerais. Cafua farm in the municipality of Ijací, Capetinga farm in the municipality of Boa Esperança and Campos Altos farm in the municipality of Campos Altos. In the first phase in this work trying to determine the detachment force of the coffee fruits through a portable dynamometer built precisely for this purpose. The detachment force of cultivars was evaluated in four maturity stages: green, cherry, passes and dry. In the second phase of this work trying to analyse the efficiency of the harvester model KTR® Advance during the harvest in three levels of vibration: 13.34, 15.00 and 16.66 Hz with speed of 1614 m.h-1. It was concluded that the detachment force of fruit is statistically different between the stages of maturation and between cultivars and progeny considered. It was observed that the detachment force of fruit green values reached 73% higher than the cherry fruit and that this difference can be an important factor for the selective and mechanized harvest the coffee fruits. It was found that the 'Neuro-fuzzy' system was able to describe the operational performance of the harvester, noting an increase of efficiency collection with increasing vibration and the rate of culture maturation. It was concluded that there was a significant difference in the volume collected, with 34.65 and 32.17% lower when compared with the larger vibration.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3302
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Efeito da força de desprendimento e maturação dos frutos de cafeeiros na colheita mecanizada.pdf1,85 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback