Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33064
metadata.teses.dc.title: Carreira outsider: um estudo sobre o processo de rotulação da carreira de músico em Minas Gerais, Brasil. 2018
metadata.teses.dc.creator: Barros, Leandro Eduardo Vieira
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Cappelle, Mônica Carvalho Alves
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Vieira, Adriane
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Rezende, Daniel Carvalho de
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Carvalho, Flaviana Andrade de Pádua
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Oliveira, Sidinei Rocha de
metadata.teses.dc.subject: Carreira outsider
Interacionismo simbólico
Músicos
Career outsider
Symbolic interactionism
Musicians
metadata.teses.dc.date.issued: 26-Feb-2019
metadata.teses.dc.identifier.citation: BARROS, L. E. V. Carreira outsider: um estudo sobre o processo de rotulação da carreira de músico em Minas Gerais, Brasil. 2018. 133. Tese (Doutorado em Administração) – Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2018.
metadata.teses.dc.description.resumo: O estudo sobre carreiras tornou-se interesse em diferentes áreas do conhecimento (Administração, Psicologia e Sociologia); no entanto, muitas vezes, com pesquisas voltadas para os modelos de percurso profissional e para a dicotomia entre indivíduo e organização. Tais estudos deixam, assim, uma lacuna sob o olhar subjetivo da carreira e da interação social do indivíduo no desenvolvimento de sua profissão. Nesse contexto, o objetivo geral da tese é identificar como ocorre o processo de rotulação da carreira outsider para músicos e quais as implicações sociais e profissionais de se ter uma carreira outsider nos municípios de São João del-Rei e Tiradentes. Quanto o posicionamento epistemológico, a pesquisa baseou-se na perspectiva interpretativista com pensamento sociológico no interacionismo simbólico. A abordagem foi qualitativa, com as técnicas de coleta de dados: observação, entrevista com roteiro semiestruturado e técnica projetiva. Os sujeitos foram definidos por acessibilidade e o número de respostas por saturação. Para a análise dos dados, foi utilizada a análise de temática. Pelos resultados, demonstra-se que o primeiro contato do indivíduo com a música foi na socialização primária, ou seja, na família, ou na segunda socialização, isto é, amigos e igreja. A partir do contato com a música, começaram a surgir as primeiras oportunidades para fazer show de forma remunerada. Os músicos que não tiveram essa oportunidade se apresentavam de forma gratuita para se tornarem conhecidos na região, ressaltando-se que a maioria são autodidatas. Após essa inserção inicial, o músico inicia o investimento na carreira, por meio de página em rede, clip, vídeo e em instrumentos. Todos relatam que têm o sonho de serem reconhecidos em nível nacional, mas afirmam que o sucesso na carreira está associado de forma direta com o investimento financeiro. Ademais, ressaltam que existem muitos músicos que estão fazendo sucesso, mas não possuem um talento musical. Isso por que o músico, ao fazer uso da tecnologia, pode afinar sua voz. A tecnologia é utilizada também no processo de divulgação da carreira. É evidenciada a dificuldade na gestão da carreira, em especifico, no processo de venda dos shows. Frente às dificuldades da carreira, alguns já pensaram em deixar a profissão, mas, por outro lado, gostam da autonomia que possuem para organizar sua agenda de trabalho. No contexto de interação social, a OMB (Ordem dos Músicos do Brasil) tem uma atuação incipiente na defesa dos interesses da carreira do músico, existindo uma forte concorrência no mercado, o que leva a reduzir o valor do cachê do músico; desse modo, são autônomos e passam por dificuldades financeiras. O mercado influencia o estilo musical; assim, pode-se notar que nem todos os músicos começaram tocando ou gostam do gênero sertanejo. O processo de contratação é informal e a indicação para show permanece de maneira significativa. Os músicos gostam da interação com a plateia e consideram que seu objetivo é levar alegria para o público. Alguns músicos enfrentam pressões da família e dos companheiros para deixarem a carreira. A idade e a beleza são consideradas fatores importantes para o sucesso. Os horários de trabalho são irregulares, com realização de mais de um show por dia. Em função das suas especificidades, a carreira é relacionada às características negativas pela sociedade, o que evidencia o processo de rotulação. Conclui-se que a carreira de músico é considerada outsider pela sociedade, pelos amigos e pelas famílias em função das suas características de exercício de sua profissão. Por fim, a limitação trata-se que o método utilizado não permite generalizações, mas foi eficiente para responder aos objetivos propostos. Para novas pesquisas sugere-se o estudo das dimensões objetiva e subjetiva da carreira e sua interação com os atores sociais envolvidos.
metadata.teses.dc.description.abstract: The study of careers became an interest topic in different areas of knowledge (Administration, Psychology and Sociology); however, researches often focus on professional career models and the dichotomy between individual and organization. Such studies thus leave a gap regarding the subjective view of career and social interaction of the individual in the development of his/her profession. In this context, the general objective of this thesis is to identify how the labeling process of the outsider career for musicians occurs and what are the social and professional implications of having an outsider career in the municipalities of São João del Rei and Tiradentes. Regarding the epistemological positioning, the research based on the interpretative perspective with sociological thinking on the symbolic interactionism. The approach was qualitative, with the following techniques of data collection: observation, interview with semi-structured script and projective technique. The subjects were defined by accessibility and the number of responses by saturation. For the analysis of the data, thematic analysis was used. From the results, it is demonstrated that the first contact of the individual with music was during the primary socialization, that is, in the family, or in the second socialization, that is, friends and church. After the contact with music, the first opportunities to do remunerated shows began to appear. The musicians who did not have this opportunity presented themselves free of charge to become known in the region, emphasizing that most are self-taught. After this initial insertion, the musician initiates the investment in the career, through network page, clip, video and instruments. All of them report that they have a dream of being recognized nationally but affirm that career success is directly associated with financial investment. In addition, they emphasize that there are many musicians that has been d oing success, but they do not possess a musical talent. This is because the musician, when making use of technology, can tune the voice. The technology is also used in the process of spreading the career. It is evidenced the difficulty in the management of the career, particularly in the process of selling the shows. Faced with career difficulties, some have thought about leaving the profession, but on the other hand, they like the autonomy they have to organize their work schedule. In the context of social interaction, the OMB (Brazilian Order of Musicians) has an incipient role in defending the interests of the musician's career, and there is a strong competition in the market, which reduces the amount of the musician's cache; in this way, they are autonomous and experience financial difficulties. The market influences the musical style; thus, it may be noted that not all musicians started playing or like the country genre. The hiring process is informal and the indication for show remains in a meaningful way. The musicians like the interaction with the audience and consider that their goal is to provide happiness to the audience. Some musicians face pressures from family and partners to leave the career. Age and beauty are considered important career factors. Working hours are irregular, with performance of more than one show per day. Due to its specificities, the career is related to negative characteristics of the society, which evidences the labeling process. It has been concluded that the career of musician is considered outsider by the society, friends and relatives due its professional practice characteristics. Finally, the main limitation is that the method used does not allow generalizations although it was efficient to respond to the proposed objectives. For further research it is suggested to study the objective and subjective dimension of the career and their interaction with the social actors involved
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33064
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DAE - Administração - Doutorado (Teses)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.