Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33234
metadata.teses.dc.title: Arborização urbana e redes de distribuição de energia elétrica: o caso da região metropolitana de Belo Horizonte
metadata.teses.dc.title.alternative: Urban forestry and energy systems: the case of the metropolitan area of Belo Horizonte
metadata.teses.dc.creator: Braga, Rafael Malfitano
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/8336660241306064
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Venturin, Nelson
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Souza, Marina Moura de
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Melo, Lucas Amaral de
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Borges, Luís Antônio Coimbra
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Silva, Alessandra Teixeira
metadata.teses.dc.subject: Arborização urbana
Redes de distribuição de energia
Árvores - Poda
Urban forestry
Energy systems
Trees - Pruning
metadata.teses.dc.date.issued: 19-Mar-2019
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
metadata.teses.dc.identifier.citation: BRAGA, R. M. Arborização urbana e redes de distribuição de energia elétrica: o caso da região metropolitana de Belo Horizonte. 2019. 99 p. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2019.
metadata.teses.dc.description.resumo: O processo de concentração populacional promove alterações no ambiente com impactos na qualidade de vida. A arborização urbana torna -se essencial e sua implantação e manutenção devem ser criteriosas, a fim de evitar conflitos. Objetivou-se, neste trabalho, analisar a interação entre arborização urbana e redes de distribuição de energia, estudar o crescimento pós-poda das dezesseis principais espécies plantadas na arborização urbana, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, com o intuito de propor uma adequação do regime de podas e avaliar o efeito de fatores ambientais, de manejo e da árvore no desenvolvimento das brotações. Verificou-se que os fatores mais relevantes foram o tipo de rede de eletrificação e a manutenção das árvores. O porte da espécie e a resistência mecânica da madeira são determinantes na demanda por manutenções, para assegurar uma relação harmônica com a rede elétrica. Em decorrência do predomínio de redes desprotegidas, deve-se atentar para a associação entre a escolha da espécie arbórea e a respectiva demanda por manutenção. Para o estudo das brotações, foram selecionados seis indivíduos por espécie e acompanhado o crescimento mensal dos cinco maiores brotos nos pontos podados, criando-se dois cenários, considerando os valores da mediana e do terceiro quartil dos dados de crescimento. Procedeu-se à análise de agrupamento dos dados de crescimento, definindo-se grupos de regime de poda, de acordo com a similaridade de hábito de crescimento das espécies. Realizaram-se também análises de correlação e regressão linear para fatores climáticos, intensidade de poda, DAP, estado fitossanitário, intensidade de luz na copa e área permeável no solo. Constatou-se que as espécies arbóreas estudadas apresentam resposta diferenciada de crescimento das brotações pós-poda, podendo ser reunidas em grupos de regimes de manejo de podas, variando entre seis e 24 meses. Os fatores ambientais, do indivíduo arbóreo e de manejo podem afetar a brotação.
metadata.teses.dc.description.abstract: The process of populational growth causes alterations to the environment and impacts the quality of life. Urban forestry becomes essential, but its implementation and maintenance must follow some criteria to avoid conflicts. This work aimed at analyzing the interaction between urban forestry and energy systems and studying post-pruning growth of the sixteen main tree species in the Metropolitan Area of Belo Horizonte to propose an adjustment to pruning methods and assess the effects of environmental, management and tree factors on shoot development. The most relevant factors were the type of electric system and the maintenance of trees. The size of the species and the mechanical resistance of the wood are important to determine the demand for maintenance and ensure a harmonic relationship between the plant and the electric system. Due to the number of unprotected energy systems, considering the association between the tree species and their demand for maintenance is important. To study shoots, six individuals were selected from each species and the monthly growth of the five biggest post-prune shoots was followed to create two scenarios considering median values and data from the third quartile of growth. We analyzed the growth data and defined groups of pruning frequency, according to the similarities in species growth. Correlation and linear regression analyses were also performed for climatic factors, pruning intensity, DBH, phytosanitary conditions, luminosity in the crown, and permeable area in the soil. The tree species in this study had different responses regarding postpruning shoot growth and can be divided into groups of pruning management regimes that range between six and 24 months. The tree individuals, and environmental and management factors may affect tree sprouting.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/33234
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: por
Appears in Collections:DCF - Engenharia Florestal - Doutorado (Teses)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.