Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3329

Título: Formulação de rações para suínos em terminação utilizando valores de digestibilidade ileal verdadeira de aminoácidos
Título Alternativo: Utilization of satandarized ileal digestibility values of amino acids in finishing swine diets formulation
Autor(es): Silva, Marcus Leonardo Figueiredo
Orientador: Fialho, Elias Tadeu
Membro da banca: Sousa, Raimundo Vicente de
Lima, José Augusto de Freitas
Saad, Flávia Maria de Oliveira Borges
Murgas, Luis David Solis
Área de concentração: Nutrição de animal
Assunto: Lisina
Digestibilidade ileal
Suínos
Ileal digestibility
Swine
Lysine
Data de Defesa: 13-Jun-2006
Data de publicação: 29-Ago-2014
Referência: SILVA, M. L. F. Formulação de rações para suínos em terminação utilizando valores de digestibilidade ileal verdadeira de aminoácidos. 2003. 65 p. Dissertação (Mestrado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2003.
Resumo: Este trabalho avaliou o metabolismo de nutrientes, desempenho e características de carcaça de suínos em terminação submetidos a rações formuladas com valores de digestibilidade ileal verdadeira de aminoácidos e mesma relação entre lisina:EM. O experimento foi conduzido no Setor de Suinocultura de Departamento de Zootecnia da UFLA. Os tratamentos experimentais consistiram de quatro rações: T1- milho e farelo de soja; T2- milho, farelo de soja, farelo de amendoim e farelo de algodão; T3- milho, farelo de soja, farinha de carne e ossos e farinha de peixe; T4- sorgo, farelo de arroz desengordurado e farelo de soja. No ensaio de metabolismo foram utilizados 12 suínos machos castrados híbridos comerciais com peso médio de 71,46 ± 3,74 kg alojados em gaiolas metabólicas e distribuídos num delineamento inteiramente casualizado por períodos. Não foi observado efeito (P>0,05) sobre o coeficiente de digestibilidade da matéria seca, nitrogênio ingerido, nitrogênio excretado na urina, retenção de nitrogênio, energia digestível, energia metabolizável e balanço de energia. Houve efeito significativo sobre o coeficiente de digestibilidade da proteína bruta. T2 e T3 foram melhores que T1 e T4. A excreção de nitrogênio nas fezes foi menor no T3 em relação ao T1 e T4. O T2 apresentou valores intermediários para estas variáveis. No ensaio de desempenho foram utilizados 64 suínos machos castrados híbridos comerciais com peso médio de 61,92 + 3,10 kg alojados aos pares em baias experimentais, distribuídos num delineamento em blocos ao acaso. Não foi observado efeito (P>0,05) sobre o consumo e ganho de peso dos animais em nenhum dos tratamentos avaliados. 32 suínos machos castrados híbridos comerciais com peso médio de 92,81 + 2,09 kg avaliados de acordo com o Método Brasileiro de Classificação de Carcaças (ABCS, 1973). Não foi observado efeito (P>0,05) sobre o rendimento de carcaça, espessura de toucinho, percentagem de carne magra, área de olho de lombo e relação gordura/carne, em nenhum dos tratamentos avaliados. Conclui-se que o uso de valores de digestibilidade ileal verdadeira de aminoácidos destes ingredientes alternativos em rações para suínos em terminação é viável tecnicamente.
An experiment was conducted in the swine production sector of the Animal Science Department of the Federal University of Lavras (UFLA), MG, aiming to verify the nutrient metabolism, performance and carcass characteristics of pigs in finishing phase fed rations formulated with corn, soybean meal and alternative ingredients in order to have the same content in true digestible aminoacids. The experimental treatments consisted of four rations formulated on the basis of T1 - corn and soybean meal, T2 corn, soybean meal, meat and bone meal and fish meal, T4 - sorghum, defatted rice bran and soybean meal. 64 commercial hybrid barrows means 61,92 * 3,10 kg of LW housed in pairs in pens which constituted the experimental units allocated into a completely randomized block design were utilized. No effect on the digestibility of dry matter, intake of nitrogen, urinary nitrogen, nitrogen retention, digestible energy, metabolizable energy and enegy balance was found. It was observed effect (P<0,05) on digestibility of crude protein being that T2 and T3 was better than T1 and T4. Effect (P<0,05) was found on the faecal nitrogen that was lower in T3 than T1 and T4. The tratament T2 shown intermediate values for faecal nitrogen. No effect (P>0,05) on the performance and carcass characteristics in any of the treatments evaluated was found. Acorded to the results, rations for finishing pigs based on these alternative ingredients, with the same amount of true digestible lysine, shown to be tecnically viable.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3329
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Formulação de rações para suínos em terminação utilizando valores de digestibilidade ileal verdadeira de aminoácidos.pdf316,74 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback