Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3357
Título: Produtividade de híbridos de milho, derivados de populações So, e associação com distancia genética baseada em microssatélites
Título(s) alternativo(s): Grain yield of single cross maize hybrids, derived from S0 populations, and relationship with genetic distance based on microsatellite markers
Autor : Amorim, Édson Perito
Primeiro orientador: Souza, João Cândido de
Primeiro membro da banca: Santos, João Bosco dos
Paterniani, Maria Elisa Ayres Guidetti Zagatto
Von Pinho, Renzo Garcia
Guimarães, Cláudia Teixeira
Área de concentração: Genética e Melhoramento de Plantas
Palavras-chave: Milho
SSR
Divergência genética
Heterose
Melhoramento vegetal
Zea mays L
Maize
Plant breeding
Heterosis
Genetic divergence
Data da publicação: 29-Ago-2014
Referência: AMORIM, E. P. Produtividade de híbridos de milho, derivados de populações So, e associação com distancia genética baseada em microssatélites. 2005. 97 p. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a viabilidade de se produzir híbridos inter e intrapopulacionais a partir de populações S0 de híbridos simples comerciais e correlacionar as distâncias genéticas obtidas por meio de microssatélites (SSR) entre os parentais com a produtividade de grãos e heterose dos híbridos. Foram utilizadas três populações S0 oriundas dos híbridos simples comercias P30F45, Dow657 e DKB333B obtendo-se 163 híbridos, sendo 110 interpopulacionais e 53 intrapopulacionais. A avaliação dos híbridos foi realizada no ano agrícola 2003/2004, em Lavras e Lambari, MG, em delineamento látice simples 13 x 13, utilizando-se como testemunhas os três híbridos comerciais e suas S0. Foram avaliados os caracteres altura de planta, altura de espiga, número de espigas, peso de espigas despalhadas e produtividade de grãos. Os dois híbridos mais e menos produtivos dos cruzamentos inter e intrapopulacionais foram selecionados e seus genitores mantidos a partir da autofecundação da segunda espiga de cada planta S0, genotipados com 47 SSR. Com isso, 48 linhagens parentais S1 foram identificadas e selecionadas para as análises. Foi estimada a distância modificada de Roger (DMR) entre cada par de linhagens S1. As correlações entre as distâncias genéticas entre as linhagens parentais e a produtividade de grãos e heterose dos híbridos foram obtidas por meio da correlação de Spearman. Foram identificados híbridos S0 interpopulacionais superiores às testemunhas, em ambos os locais. Em relação aos híbridos S0 intrapopulacionais, não se identificou nenhum superior à média dos híbridos comerciais utilizados como testemunhas. Cabe destacar que foram identificados híbridos S0 intrapopulacionais com produtividade média de grãos superior a 10 t ha-1, o que pode ser considerada como uma ótima produtividade. A distância genética média entre todas as linhagens S1 foi 0,75, variando entre 0,40 e 0,89, indicando a existência de grande variabilidade genética entre as linhagens. A correlação entre DMR e produtividade de grãos foi alta e significativa para os cruzamentos interpopulacionais (r = 0,84, P £ 0,01) e baixa e não significativa (r = 0,18, P ³ 0,05) nos cruzamentos intrapopulacionais.
This work was carried out with the objective of evaluate the viability of producing inter and intrapopulation hybrids of maize from S0 populations of single cross hybrid, and to correlate the genetic distances obtained from microsatellites markers among the parents and the grain yield and heterosis of the hybrids. Three S0 populations from the single cross hybrids (P30F45, Dow657 and DKB333B) were used. One hundred and sixty three hybrids, being 110 inter and 53 intrapopulation crosses were obtained. All 163 inter and intrapopulation hybrids, were evaluated using commercial hybrids and their S0 as checks in Lavras and Lambari with a single 13 x 13 lattice design. Plant and ear height, number of ears, unhusked ears yield and grain yield were measured. The two best and the two poorest hybrids from the inter and intrapopulation crosses were selected. Their parents were maintained by selfing of the second ear of each S0 plant, and were genotyped with 47 microssatellite markers (SSR). Then, 48 S1 inbred lines were identified and selected for the analysis. Genetic distances were calculated from SSR data for all possible pair of S1 inbred lines using modified Rogers´ distance (MRD). Spearman rank correlation coefficients were estimated between the genetic distance with grain yield and heterosis for all hybrids. Interpopulation hybrids more productive than the commercial hybrid and their S0 checks were identified in both places. There were not identified intrapopulation hybrids more productive than the checks due probably to the few number of hybrids, only 53 against 110 interpopulation hybrids. Intrapopulation hybrids with average grain yield of 10 t ha-1 were identified, and could be considered of high productivity. The average genetic distance among all S1 inbred lines was 0.75, varying between 0.40 and 0.89, indicating the existence of great genetic variability among the inbred lines. The correlation between MRD and grain yield were high and significant for the interpopulation crosses (r = 0,84 P £ 0,01) and low and not significant (r = 0,18, P ³ 0,05) in the intrapopulation crosses.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3357
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Doutorado (Teses)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.