Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3500

Título: Impacto do uso do solo em área de proteção permanente da Sub-bacia Rio Ribeira de Iguape, SP
Título Alternativo: Impact of land use in areas of permanent protection of the Sub-basin of the Ribeira Iguape, SP
Autor(es): Iori, Piero
Orientador: Dias Júnior, Moacir de Souza
Coorientador(es): Lima, José Maria de
Silva, Reginaldo Barboza da
Área de concentração: Recursos Ambientais e Uso da Terra
Assunto: Física do solo
Solos - Qualidade
Cambissolo
Solos - Compactação
Solos - Erosão
Cambissol
Soil physical
Soil quality
Data de Defesa: 18-Fev-2010
Data de publicação: 3-Set-2014
Referência: IORI, P. Impacto do uso do solo em área de proteção permanente da sub-bacia Rio Ribeira de Iguape, SP. 2010. 91 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: As áreas laterais aos cursos d´água são consideradas áreas de preservação permanente que, segundo o Código Florestal (Lei n.° 4.771/65), devem ser mantidas intocadas e, caso estejam degradadas, deve-se prever a sua imediata recuperação. O uso indevido dos solos e a falta de tecnologias e manejos apropriados aos pedoambientes agrícolas e naturais, em especial nessas áreas de preservação permanente (APPs), têm alterado os atributos físicos, hídricos e mecânicos do solo e, por conseguinte, causando degradação de sua estrutura. Este trabalho foi realizado com o objetivo de, a partir da prospecção (quantificação e modelagem) de atributos físicos, hídricos e mecânicos do solo, avaliar a sustentabilidade da estrutura e identificar a influência do uso na resistência do solo à erosão em APPs, na sub-bacia rio Ribeira de Iguape, no estado de São Paulo. Foram delimitados quatro tratamentos, contendo os seguintes usos: a) cultivo de banana, b) pastagem degradada, c) uso silvipastoril, e d) área de mata nativa. O uso do solo modificou suas propriedades físicas, hídricas e mecânicas, conforme indicado pela relação de massa e volume dos constituintes do solo, resistência mecânica do solo, disponibilidade hídrica e pelo complexo sortivo do solo. Os altos valores de pressão de preconsolidação (p) apresentados no solo sob o cultivo de banana propiciou maior capacidade de suporte de carga. A resistência do solo ao cisalhamento e à penetração possibilitou distinguir o impacto dos distintos usos do solo. Os modelos de Wischmeier et al. (1971) e Roloff & Dernadin (1994) foram mais sensíveis na avaliação da erodibilidade do solo, os quais identificaram, de maneira geral, o uso do solo sob cultivo de banana como o de menor resistência à erosão.
The lateral areas of water courses are considered permanent preservation areas identified by the Forest Code (Law N° 4771/65), should be kept untouched and, if degraded, there should be an immediate recovery. The misuse of land, lack of appropriate technologies and management systems to detailed studies agricultural and natural resources, particularly in those areas of permanent preservation (APP), have changed the physical, water and soil mechanics, and therefore causing its structure degradation. The objectives of this study was from the survey (measurement and modeling) of physical attributes, water and soil mechanics, to assess the structure sustainability and identify the influence of soil resistance to erosion in APP, the sub-basin of the Ribeira Iguape River State of São Paulo. Four treatments were defined, containing the following uses: a) cultivation of bananas, b) degraded pasture, c) use silvopastoral, and d) area of native forest. Land use has changed its physical properties, hydraulic and mechanical, as indicated by the relationship of mass and volume of the constituents of soil, soil strength, water availability and the exchangeable cations in soil. The high values of precompression stress (p) given in the soil under banana cultivation has provided greater load support capacity. The soil resistance to shearing and penetration possible to distinguish the impact of different land uses. Models of Wischmeier et al. (1971) and Roloff & Dernadin (1994) were more sensitive in the assessment of soil erodibility, which identified a general land use in banana cultivation as the least resistance to erosion.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3500
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCS - Ciência do Solo - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Impacto do uso do solo em área de proteção permanente da Sub-bacia Rio Ribeira de Iguape, SP.pdf2,61 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback