Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3529

Título: Psocoptera em cavernas do Brasil: riqueza, composição e distribuição
Título Alternativo: Psocoptera in caves of Brasil: richness, composition and distribution
Autor(es): Carmo, Thaís Oliveira do
Orientador: Ferreira, Rodrigo Lopes
Coorientador(es): Silva, Marconi Souza
Membro da banca: Silveira, Luís Cláudio Paterno
Área de concentração: Ecologia e Conservação de Paisagens Fragmentadas e Agroecossistemas
Assunto: Ecologia
Insetos cavernícolas
Diversidade
Fauna cavernícola
Cave insect
Ecology
Diversity
Cave fauna
Data de Defesa: 4-Dez-2009
Data de publicação: 4-Set-2014
Referência: CARMO, T. O. do. Psocoptera em cavernas do Brasil: riqueza, composição e distribuição. 2009. 98 p. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: The Order Psocoptera is widely distributed throughout the world, but there are few studies concerning this order, and such information is still scarce in Brazil. Furthermore, there is no specific work concerning the relations of these insects with the Brazilian cave environment. Therefore, to increase the knowledge about this order, this study aimed to verify which families and genera of Psocoptera are associated to Brazilian caves, where these insects are commonly found inside the caves, and if richness is influenced by the lithology of the caves or the biome in which they are found. For that, 192 caves were sampled in 70 municipalities of fifteen Brazilian states, located in the Caatinga, the Cerrado and Mata Atlântica biomes. A total of 148 species belonging to 38 genera were identified, distributed in 21 families. New records for families and genera of the order Psocoptera in the country and in caves were found in this work. The families Prionoglarididae and Trichopsocidae were recorded for the first time in Brazil. Sixteen genera of other families also had their first record in the country, and eleven genera and 29 families had their first record in caves. Furthermore, a new genus (belonging to Prionoglarididae) and 21 new species (belonging to Prionoglarididae and Psyllipsocidae) were found. These insects were collected in the entire extension of the caves, but most were found near the entrances, which reinforce their importance as components of the para-epigean communities. Most of the collections occurred in the Cerrado and limestone caves. The type of rock forming the caves and the biome where it is inserted had shown no influence in the richness of psocids found in caves in the country. Since this study is the first concerning the families and genera of Psocoptera associated with cave environments in Brazil, many of the presented information are important records of organisms of this order not only in caves, but also in the country.
A Ordem Psocoptera apresenta ampla distribuição em todo o mundo, porém poucos são os trabalhos que abordam essa ordem, sendo que essas informações são ainda mais escassas no Brasil. Até o momento não existe nenhum trabalho específico que aborde a relação destes insetos com o ambiente cavernícola brasileiro. Portanto, para aumentar o conhecimento acerca dessa ordem, este trabalho relacionou os psocópteros com as cavernas do Brasil. O presente estudo buscou conhecer quais famílias e gêneros de Psocoptera ocorrem em cavernas brasileiras, onde esses insetos são comumente encontrados no interior das cavernas, e se a riqueza é influenciada pela litologia das cavernas ou pelo bioma em que as mesmas estão inseridas. Para tal, foram inventariadas 192 cavernas, em 70 municípios de quinze estados brasileiros, inseridas nos biomas Caatinga, Cerrado e Mata Atlântica. Foram identificadas 148 espécies, pertencentes a 38 gêneros, distribuídas em 21 famílias. Novos registros de ocorrência para famílias e gêneros da ordem Psocoptera no país e em cavernas foram encontrados nesse trabalho. As famílias Prionoglarididae e Trichopsocidae foram registradas pela primeira vez no Brasil, dezesseis gêneros de outras famílias também tiveram seu primeiro registro no país, e onze famílias e 29 gêneros tiveram seu primeiro relato de ocorrência em cavernas. Além desses novos registros, um novo gênero (pertencente à Prionoglarididae) e 21 novas espécies (pertencentes à Prionoglarididae e Psyllipsocidae) foram encontrados. Esses insetos foram coletados em toda extensão das cavernas, mas a grande maioria foi encontrada nas proximidades das entradas das mesmas, podendo ser importantes componentes das comunidades para-epígeas. A maior parte das coletas ocorreu no bioma Cerrado e em cavernas calcárias. O tipo de rocha formadora da caverna e o bioma onde a mesma está inserida não influenciam na riqueza dos psocópteros encontrados em cavernas do país. Como o presente trabalho é o primeiro a abordar especificamente as famílias e gêneros de Psocoptera associadas aos ambientes cavernícolas brasileiros, muitas das informações apresentadas constituem importantes registros de organismos dessa ordem não só em cavernas brasileiras, mas também no país.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3529
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Ecologia Aplicada - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Psocoptera em cavernas do Brasil riqueza, composição e distribuição.pdf1,03 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback