Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/36890
metadata.teses.dc.title: Species or environment: what drives ecosystems processes in tropical forests?
metadata.teses.dc.title.alternative: Espécies ou ambiente: o que guia os processos ecossistêmicos nas florestas tropicais?
metadata.teses.dc.creator: Coelho, Polyanne Aparecida
metadata.teses.dc.creator.Lattes: http://lattes.cnpq.br/1538825349345637
metadata.teses.dc.contributor.advisor1: Santos, Rubens Manoel dos
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co1: Dexter, Kyle
metadata.teses.dc.contributor.referee1: Souza, Fernanda Coelho de
metadata.teses.dc.contributor.referee2: Morel, Jean Daniel
metadata.teses.dc.contributor.referee3: Higuchi, Pedro
metadata.teses.dc.contributor.referee4: Rezende, Vanessa Leite
metadata.teses.dc.subject: Forest dynamics
Atlantic Forest
Caatinga
Dinâmica florestal
Mata Atlântica
metadata.teses.dc.date.issued: 23-Sep-2019
metadata.teses.dc.description.sponsorship: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
metadata.teses.dc.identifier.citation: COELHO, P. A. Species or environment: what drives ecosystems processes in tropical forests? 2019. 51 p. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2019.
metadata.teses.dc.description.resumo: Os processos ecossistêmicos fornecidos pelas florestas tropicais são de grande relevância para a vida na Terra. O Brazil é um país com extensa cobertura vegetal e grande heterogeneidade ambiental, abrigando assim grande biodiversidade dentro de seus domínios fitogeográficos. Para melhor entender os processos ecossistêmicos ao longo do tempo, os Projetos Ecológicos de Longa Duração são uma importante ferramenta, onde uma área é periodicamente revisitada e tem suas informações biológicas atualizadas. Vinculando tais informações com características climáticas, edáficas e de biodiversidade, produz-se uma série de importantes informações sobre a funcionalidade dos ecossistemas, ajudando a entender e prever mudanças da vegetação ao longo do tempo. O presente trabalho buscou entender o papel do clima, solo e biodiversidade (taxonômica e filogenética) na explicação de quatro processos ecossistêmicos: estoque de biomassa acima do solo (AGB), produtividade lenhosa acima do solo (AGWP), mortalidade e recrutamento da comunidade arbórea, ao longo de um gradiente de estacionalidade climática no sudeste do país. Considerou-se duas escalas de trabalho: uma a nível de fragmento e outro a nível de parcela, onde em um mesmo fragmento existem várias parcelas. Houve uma tendência de os maiores valores de AGB e AGWP serem encontrados na Floresta Ombrófila, o maior recrutamento na Floresta Estacional Decidual e maior mortalidade na Floresta Estacional Semidecidual. As diferentes escalas mostraram importância distinta entre os fatores estudados. Na escala maior, além das variáveis ambientais, variáveis de composição florística também se mostraram explicativas para AGB e mortalidade, enquanto que na escala menor, tanto as variáveis de biodiversidade taxonômica quanto filogenética foram importantes. Considera-se que o uso de escalas menores, principalmente em ambientes mais heterogêneos, consegue captar maior fineza de interações, podendo fornecer explicação mais detalhada para os processos estudados. De forma geral, em nosso estudo, as variáveis ambientais foram mais explicativas que as variáveis ligadas a biodiversidade e nós acreditamos que isso aconteça porque, trabalhando em um gradiente de estacionalidade, onde as diferenças nas características ambientais entre os tipos florestais já definem a ocorrência das espécies encontradas em cada um deles. Mesmo assim, especialmente na escala menor, as variáveis de biodiversidade ajudam na explicação de parte dos processos ecossistêmicos.
metadata.teses.dc.description.abstract: The ecosystem processes provided by tropical forests are of central importance to life on Earth. Brazil is a country with extensive vegetation coverage and great environmental heterogeneity, thus harbouring great biodiversity within its phytogeographical domains. To better understand the ecosystem processes along the time, the Long Lasting Ecological Projects are a very important tool, where an area is periodically revisited with biological information updated. Linking these data with climate, soil and biodiversity characteristics provides a set of important information about ecosystem functionality, which helps to understand and predict vegetation changes along the time. The present work sought to understand the role of climate, soil and biodiversity (taxonomic and phylogenetic) in the explanation of four ecosystem processes: aboveground biomass (AGB) storage, aboveground wood productivity (AGWP), mortality and recruitment of tree communities, along a seasonal gradient in the southeast of Brazil. Two work scales were considered: one at the fragment level (Site) and another at the plot level, being that in a Site there are several Plots. There was a tendency for higher values of AGB and AGWP in Evergreen Moist Forest, higher recruitment in Deciduous Tropical Forest and higher mortality in the Semideciduous Tropical Forest. The different scales showed different importance among the factors studied. On the larger scale, in addition to the environmental variables, floristic composition variables were also explanatory for AGB and mortality, while on the smaller scale, both taxonomic and phylogenetic biodiversity variables were important. We considered that the use of smaller scales, especially in more heterogeneous environments, can capture greater fineness of interactions, being able to provide more detailed explanation for the studied processes. Generally, in our study, environmental variables were more explicative of ecosystem process than biodiversity and we believe that it occurs because we worked in a seasonality gradient, where the difference in environmental characteristics among the forest types already define the presence of the species found in each of them. Even so, especially on a smaller scale, biodiversity variables can account for some of the variation in ecosystem processes.
metadata.teses.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/36890
metadata.teses.dc.publisher: Universidade Federal de Lavras
metadata.teses.dc.language: eng
Appears in Collections:DCF - Engenharia Florestal - Doutorado (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_Species or environment: what drives ecosystems processes in tropical forests?.pdf1,16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.