Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/37566
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSchiavi, Laís Salviano de Oliveira-
dc.date.accessioned2019-11-07T18:45:30Z-
dc.date.available2019-11-07T18:45:30Z-
dc.date.issued2019-11-07-
dc.date.submitted2019-09-17-
dc.identifier.citationSCHIAVI, L. S. de O. Produção e avaliação de desempenho físico-mecânico de fibrocimento produzido com fibras de celulose tratadas a plasma. 2019. 130 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Biomateriais)–Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/37566-
dc.description.abstractFiber cements are cementitious matrix composites that have fibers as a dispersed phase, developed to improve the mechanical strength of the ceramic matrix.The use of cellulose fiber in these composites is extremely advantageous since these fibers have high tensile strength, can be easily acquired in nature or reused from agro-industrial waste.On the other hand, the durability of these fibers in the cementitious matrix can be affected by different factors, among which is the mineralization that they may suffer due to the presence of cement hydration products that may migrate inside (lumen).Thus, it was developed in this work the surface modification of pulp fiber bundles (pulps) through of plasma treatment.Sulfur hexafluoride (SF6) was used to increase cellulose hydrophobicity, decrease moisture absorption and improve the physical-mechanical properties of fiber cementand a mixture of hexamethyldisiloxane (HMDSO) / oxygen / argon gas was used, HMDSO being the precursor of the reaction, at different concentrations.This last treatment allowed the deposition of films on cellulose with distinct characteristics that promoted a better matrix / fiber interaction.In general, all the tested treatments allowed some kind of improvement for the extruded fiber cement, being the best mechanical properties, higher MOR and Tenacity, observed in those with silicon in its composition after accelerated aging cycles and better physical properties, lower water absorption and lower porosity, for fiber cement produced surface modified cellulose with 0,30 TorrSF6.pt_BR
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG)pt_BR
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Lavraspt_BR
dc.rightsacesso abertopt_BR
dc.subjectCompósitos cimentíciospt_BR
dc.subjectTratamento por plasmapt_BR
dc.subjectOrganosiliconept_BR
dc.subjectComposto fluoradopt_BR
dc.subjectCementitious compositespt_BR
dc.subjectPlasma treatmentpt_BR
dc.subjectOrganosiliconpt_BR
dc.subjectFluorinated compoundpt_BR
dc.titleProdução e avaliação de desempenho físico-mecânico de fibrocimento produzido com fibras de celulose tratadas a plasmapt_BR
dc.title.alternativeProduction and evaluation of physical-mechanical performance of fibrocement produced with plasma treated cellulose fiberspt_BR
dc.typedissertaçãopt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Engenharia de Biomateriaispt_BR
dc.publisher.initialsUFLApt_BR
dc.publisher.countrybrasilpt_BR
dc.contributor.advisor1Vaz, Lívia Elisabeth Vasconcelos de Siqueira Brandão-
dc.contributor.advisor-co1Mendes, Rafael Farinassi-
dc.contributor.referee1Vaz, Lívia Elisabeth Vasconcelos de Siqueira Brandão-
dc.contributor.referee2Mori, Fábio Akira-
dc.contributor.referee3Rangel, Elidiane Cipriano-
dc.description.resumoFibrocimentos são compósitos de matriz cimentícia que possuem fibras como fase dispersa, desenvolvidos para melhorar a resistência mecânica da matriz cerâmica. A utilização da fibra de celulose nesses compósitos é extremamente vantajosa uma vez que, essas fibras possuem alta resistência à tração, podem ser facilmente adquiridas na natureza ou reaproveitadas de resíduos agroindustriais. Por outro lado, a durabilidade dessas fibras na matriz cimentícia pode ser afetada por diferentes fatores, dentre os quais destaca-sea mineralização que essas podem sofrer devido a presença de produtos de hidratação do cimento que podem migrar para o seu interior (lúmen). Assim, desenvolveu-se nesse trabalho a modificação superficial de feixes de fibras de celulose (polpas)por meiodo tratamento por plasma. Utilizou-se hexafluoreto de enxofre (SF6),que permitiu aumentar a hidrofobicidade da polpa de celulose, diminuir a absorção de umidade e melhorar as propriedades físico-mecânicas dos fibrocimentos e utilizou-se uma mistura de gases hexametildissiloxano (HMDSO)/oxigênio/argônio, sendo o HMDSO percursor da reação, em diferentes concentrações. Esse último tratamento possibilitou a deposição de filmes sobre a polpa de celulosecom características distintas que promoveram uma melhor interação matriz/fibra. No geral, todos os tratamentos testados possibilitaram algum tipo de melhoria para os fibrocimentos extrudados, sendo as melhores propriedades mecânicas, maior MOR e tenacidade, observadas naqueles com silício em sua composição após ciclos de envelhecimento acelerado e melhores propriedades físicas, menor absorção de água e menor porosidade, para os fibrocimentos produzidos com polpa de celulose modificada superficialmente com 0,30 Torr de SF6.pt_BR
dc.publisher.departmentDepartamento de Ciências Florestaispt_BR
dc.subject.cnpqTecnologia de Celulose e Papelpt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3811450078934155pt_BR
Appears in Collections:DCF - Engenharia de Biomateriais – Mestrado (Dissertações)



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.