Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCS - Departamento de Ciência do Solo >
DCS - Programa de Pós-graduação >
DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3773

Title: Qualidade do solo em sistemas de pastagens cultivada e nativa na sub-região da Nhecolândia, Pantanal Sul Mato-Grossense
Other Titles: Soil quality of cultivated and native pastures systems in the Nhecolandia sub-region, South Pantanal Wetlands
???metadata.dc.creator???: Cardoso, Evaldo Luis
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Silva, Marx Leandro Naves
???metadata.dc.contributor.referee1???: Pereira, José Aldo Alves
Curi, Nilton
Santos, Sandra Aparecida
Ferreira, Mozart Martins
Keywords: Fertilidade do solo
Solos - Conservação
Agricultura sustentável
Solos - Humo
Sustentabilidade
Environmental conservation
Sustainability
Soil fertility
???metadata.dc.date.submitted???: 12-Nov-2008
Issue Date: 18-Sep-2014
Citation: CARDOSO, E. L. Qualidade do solo em sistemas de pastagens cultivada e nativa na sub-região da Nhecolândia, Pantanal Sul Mato-Grossense. 2008. 154 p. Tese (Doutorado em Ciência do Solo)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2008.
???metadata.dc.description.resumo???: The Pantanal is one of the planet´s largest continuous wetlands areas and where fauna and flora of outstanding beauty and abundance develops. Favored by the richness of natural resources, beef cattle raising, conducted in extensive raising systems, constitutes the chief economic activity. However, the search for yield increases and greater competitivity of this cattle raising has lead to land clearing for cultivated pasture establishment, raising concerns about the sustainability of the Pantanal production systems. The objective of this work was to evaluate the soil quality of cultivated and native pastures systems in the Pantanal Wetlands in order to constitute a tool which can aid in the monitoring of its sustainability. In view of this, two independent studies were conducted: one in which the interrelationships among soil, flooding regime and landscape units in the Nhecolandia sub-region were evaluated, aiming to assist the sustainable management of native pasture of the Pantanal Wetland; and the other in which the alterations in soil chemical, physical and biological attributes of cultivated pasture in replacement of the native forest and in native pasture submitted to the continuous grazing system were evaluated, generating two indexes for the estimation of soil quality. From the planialtimetric survey of a 151 ha area, situated on a farm characteristic of the Nhecolandia sub-region, the physical and chemical attributes of the landscape units subject to different flooding regimes were evaluated, as follows: flood free (FF) - semideciduous forest and forested savannah; subject to occasional floodings (OF) - arboreal savannah and open grasslands with predominance of Elyonurus muticus; subject to periodical floodings (PF) - open grasslands with predominance of Axonopus purpusii and Andropogon spp, edge of ponds and temporary channels and lowlands. In native forest environments, Brachiaria decumbens cultivated pastures of different formation ages established in replacement of the native forests and native pasture under a continuous grazing system, without grazing for 3 years and without any grazing for 19 years (ecological reserve), also located on Nhecolandia farms, the chemical, physical and biological attributes of soil were evaluated and two soil quality indexes (SQI1 and SQI2) were generated. SQI1 was calculated from the deviations of the soil attributes of the cultivated and native pastures systems relative to the respective natural environments (reference); and SQI 2 was calculated from an additive model which considers the main soil functions and the quality indicators associated to them, weights being ascribed both to the functions and to the indicators. The predominant soil in the landscapes units is Quartzarenic Neosol (Entisol), with a hydromorphic character in the units subject to periodic floodings. With the exception of the semideciduous forest, the other landscape units presented very poor natural soil fertility. The units subject to occasional and periodic flooding were more susceptible to degradation of the physical attributes, possibly due to the more intense animal traffic. The interrelationships among soil, flooding regime and landscape units suggest that the occurrence and extent of the landscape units should be considered in the establishment of native grassland sustainable management strategies. The integrated analysis of the chemical, physical and biological attributes of soil of different environments of the Pantanal Wetlands gave evidence that the cultivated and native pastures systems promoted a significant reduction of soil quality, the most notable reductions being evidenced by the replacement of the native forest by cultivated pasture. The two soil quality indexes generated were effective in reflecting the variation of soil quality in the different Pantanal environments. Therefore, they are capable of being adopted in the sustainability monitoring of the production systems.
O Pantanal Mato-Grossense é uma das maiores extensões úmidas contínuas do planeta e onde se desenvolve uma fauna e flora de rara beleza e abundância. Favorecida pela riqueza dos recursos naturais, a pecuária de corte, conduzida em sistemas extensivos de criação, constitui a principal atividade econômica. Contudo, a busca por aumentos de produtividade e maior competitividade dessa pecuária tem levado a desmatamentos para implantação de pastagens, despertando preocupações quanto à sustentabilidade dos sistemas de produção do Pantanal. Objetivou-se, neste trabalho, avaliar a qualidade do solo de sistemas de pastagens cultivada e nativa no Pantanal, a fim de constituir ferramenta que possa auxiliar o monitoramento da sua sustentabilidade. Para tanto foram conduzidos dois estudos independentes: um em que se procurou avaliar as inter-relações solo, regime de inundação e unidades de paisagens na sub-região da Nhecolândia, visando subsidiar o manejo sustentável das pastagens nativas do Pantanal; e outro em que foram avaliadas as alterações nos atributos químicos, físicos e biológicos dos solos em sistemas de pastagem cultivada em substituição à floresta nativa e em pastagem nativa submetida ao sistema de pastejo contínuo, sendo gerados dois índices para estimativa da qualidade do solo. A partir do levantamento planialtimétrico de uma área de 151 ha, localizada em propriedade característica da sub-região da Nhecolândia, foram avaliados os atributos físicos e químicos de unidades de paisagem sujeitas a diferente regimes de inundação: livres de inundações (LI) - floresta semidecídua e cerradão; sujeitas à inundações ocasionais (IO) - campo cerrado e campo limpo com predominância de Elyonurus muticus; sujeitas à inundações periódicas (IP) - campo limpo com predominância de Axonopus purpusii e Andropogon spp, bordas de baías e vazantes e baixadas. Em ambientes de florestas nativas, pastagens de Brachiaria decumbens, implantadas em substituição às florestas nativas e com diferentes idades de formação, e pastagens nativas sob sistema com pastejo contínuo, vedadas por 3 anos e sem pastejo por 19 anos (Reserva), também localizadas em propriedades na Nhecolândia, foram avaliados os atributos químicos, físicos e biológicos do solo e gerados dois índices de qualidade do solo (IQS1 e IQS2). O IQS1 foi calculado a partir dos desvios dos atributos do solo dos sistemas de pastagens cultivada e nativa em relação aos respectivos ambientes naturais (referência); e o IQS2 foi calculado a partir de um modelo aditivo que considera as funções principais do solo e os indicadores de qualidade a elas associados, sendo atribuídos pesos tanto para as funções como para os indicadores. O solo predominante nas unidades de paisagem é Neossolo Quartzarênico, com caráter hidromórfico nas unidades sujeitas à inundações periódicas. À exceção da floresta semidecídua, as demais unidades de paisagem apresentaram fertilidade natural do solo muito baixa. As unidades sujeitas às inundações ocasional e periódica foram mais suscetíveis à degradação dos atributos físicos, possivelmente decorrente do maior pisoteio dos animais. As inter-relações solo, regime de inundação e unidades de paisagem sugerem que a ocorrência e extensão das unidades de paisagem devem ser consideradas no estabelecimento das estratégias de manejo sustentável das pastagens nativas. A análise integrada dos atributos químicos, físicos e biológicos do solo dos diferentes ambientes do Pantanal evidenciou que os sistemas de pastagens cultivada e nativa promoveram redução significativa da qualidade do solo, sendo as reduções mais expressivas evidenciadas na substituição da floresta nativa por pastagem cultivada. Os dois índices de qualidade do solo gerados foram eficientes em refletir a variação da qualidade do solo nos diferentes ambientes do Pantanal. Portanto, os mesmos são passíveis de adoção no monitoramento da sustentabilidade de sistemas de produção.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/3773
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DCS - Ciência do Solo - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_Qualidade do solo em sistemas de pastagens cultivada e nativa na sub-região da Nhecolândia, Pantanal Sul Mato-Grossense.pdf1.04 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback