Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Mestrado (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/381

Title: Fatores determinantes da adoção de certificações socioambientais em propriedades cafeeiras
???metadata.dc.creator???: Silva, Eduardo Cesar
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Castro Junior, Luiz Gonzaga de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Calegario, Cristina Lelis Leal
Carvalho, Heloísa Rosa
Carvalho, Gladyston Rodrigues
???metadata.dc.description.concentration???: Gestão de Negócios, Economia e Mercados
Keywords: Regressão logística
Visão baseada em recursos
Sul de Minas
Cafeicultura
Minas Gerais
Logistic regression
Resource-based view
South of Minas
Coffee growing
???metadata.dc.date.submitted???: 2013
2012
Issue Date: 2013
???metadata.dc.description.sponsorship???: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES
Citation: SILVA, E. C. Fatores determinantes da adoção de certificações socioambientais em propriedades cafeeiras. 2012. 103 p. Dissertação (Mestrado em Gestão de Negócios, Economia e Mercados)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
???metadata.dc.description.resumo???: The coffee growing is a major agricultural activities in Brazil, with the Minas Gerais State being responsible for about 50% of the national harvest. The coffee activity generates income for many farmers families, mostly small landowners. For this reason, it is important to monitor sector trends for the activity to remain competitive. In the last two decades, one of the main trends are the production and certified coffees consumption. Certification is granted by non-governmental organizations to producers that comply with certain social and environmental standards. As benefits, it guarantees access to new markets, higher prices and better utilization of productive resources. Therefore, is of great interest to study the factors which make the coffee growers fittest to adopt the certification, with the main objective of the study to identify these factors. The survey was conducted with 144 coffee farmers in South of Minas Gerais, divided equally between certified and uncertified. The results show that some characteristics of coffee growers and of the property increase the probability of certification adoption. The age and participation of coffee growers in courses and events, participation in the coffee family income, the level of crop productivity and use of information on the property had significant and positive results to explain the certification use. These results extend the existing knowledge about the certifications of coffee growing and can guide actions to expand the number of certified producers.
A cafeicultura é uma das principais atividades agrícolas do Brasil, com o Estado de Minas Gerais sendo responsável por cerca de 50% da safra nacional. A atividade cafeeira gera renda para inúmeras famílias de agricultores, em sua maioria, pequenos proprietários de terra. Por essa razão, é importante acompanhar as tendências do setor, para que a atividade continue competitiva. Nas últimas duas décadas, uma das principais tendências são a produção e o consumo de cafés certificados. A certificação é concedida por organizações não governamentais, aos produtores que cumprem com determinados padrões sociais e ambientais. Como benefícios, ela garante o acesso a novos mercados, preços mais elevados e melhor utilização dos recursos produtivos. Por isso, é de grande interesse estudar os fatores que tornam os cafeicultores mais aptos a adotarem a certificação, sendo o objetivo principal do estudo identificar esses fatores. A pesquisa foi feita com 144 cafeicultores do Sul de Minas Gerais, divididos igualmente entre certificados e não certificados. Os resultados mostram que algumas características do cafeicultor e da propriedade aumentam a probabilidade de adoção da certificação. A idade do cafeicultor, a participação do mesmo em cursos e eventos, a participação da cafeicultura na renda familiar, o nível de produtividade da lavoura e utilização de informática na propriedade apresentaram resultados significativos e positivos para explicar o uso da certificação. Esses resultados ampliam o conhecimento existente sobre as certificações da cafeicultura e podem orientar ações de ampliação do número de produtores certificados.
Description: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Administração, área de concentração em Gestão de Negócios, Economia e Mercados, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/381
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DAE - Administração - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO Fatores determinantes da adoção de certificações socioambientais em propriedades cafeeiras.pdf729.13 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback