Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38148
metadata.artigo.dc.title: Abordagens da estratégia inovativa de imitação (cópia) na indústria de vestuário
metadata.artigo.dc.title.alternative: Approaches of the innovative imitation (copy) strategy in the clothing industry
metadata.artigo.dc.creator: Jacob, Kamila Gabriela
Tavares, Bruno
Silva, Evaldo Henrique
Antonialli, Luiz Marcelo
metadata.artigo.dc.subject: Imitação produtiva
Inovação tecnológica
Indústria de confecção de vestuário
Productive imitation
Tecnologic innovation
Clothing industry
metadata.artigo.dc.publisher: Universidade Federal Fluminense
metadata.artigo.dc.date.issued: Mar-2014
metadata.artigo.dc.identifier.citation: JACOB, K. G. et al. Abordagens da estratégia inovativa de imitação (cópia) na indústria de vestuário. Revista Eletrônica Sistemas & Gestão, Niterói, v. 9, n. 1, p. 156-166, mar. 2014.
metadata.artigo.dc.description.resumo: A cópia ou imitação produtiva não é recente, tendo sido discutida por autores clássicos, tais como Schumpeter (1911) e Nelson e Winter (1982). Não obstante, a bibliografia especializada tem abordado o fenômeno a partir de óticas específicas. Visando contribuir quanto à compreensão acerca da complexidade deste fenômeno, utiliza-se neste trabalho correntes econômicas e da teoria de administração para fundamentar e viabilizar a compreensão do ponto de vista de seus distintos agentes. Para tanto, realizou-se uma pesquisa bibliográfica de modo a contextualizar teoricamente o tema e, para a coleta de dados, realizaram-se entrevistas semiestruturadas com 17 agentes (empresários, representantes das instituições de apoio e do poder público local) de um arranjo produtivo local de confecções em Minas Gerais. Para a análise, lançou-se mão da análise de conteúdo, especificamente com a técnica de análise categorial temática. Os resultados corroboram as abordagens teóricas, ao mesmo tempo em que evidenciam que, isoladamente, nenhuma perspectiva por si abarca a complexidade do fenômeno. Destaca-se que sua prática é criticada em âmbito local, dados efeitos perversos para a estratégia das empresas, entretanto, seus efeitos são favoráveis ao promover o reforço das tendências. Em síntese, o estudo aponta para a necessidade de um entendimento mais aprofundado do fenômeno.
metadata.artigo.dc.description.abstract: Copying or productive imitation is not recent, having been argued by classic authors, such as Schumpeter (1911) and Nelson and Winter (1982). However, the specialized bibliography has discussed the phenomenon from specific views. Aiming to contribute to the understanding concerning the complexity of this phenomenon, economic concepts and the theory of administration are used in this project to base and to make possible the understanding of the point of view of its distinct agents. For this, a bibliographical research was made in order to theoretically contextualize the subject and, for the collection of data, semistructured interviews with 17 agents (businessmen, representatives of the institutions of support and the local public power) of a local productive arrangement of confections in Minas Gerais had taken place. For the analysis, content analysis was used specifically with the technique of thematic categorical analysis. The results corroborate the theoretical approaches, but at the same time they show that, individually, no perspective by itself covers the complexity of the phenomenon. It is highlighted that the imitation practice is criticized in local scope, given its perverse effects for the strategy of the companies, however its effects are favorable when promoting the reinforcement of trends. In synthesis, the study points out the necessity of a deeper comprehension of the phenomenon.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38148
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DAE - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons