Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38231
metadata.artigo.dc.title: Crescimento de girassol em função da inoculação de sementes com bactérias endofíticas
metadata.artigo.dc.creator: Santos, Juliana Fernandes dos
Sacramento, Bárbara Lima do
Mota, Katia Nubia Azevedo Barros
Souza, Jorge Teodoro de
Azevedo Neto, André Dias de
metadata.artigo.dc.subject: Helianthus annuus L.
Bacillus sp.
Enterobacter cloacae
Mineral nutrition
Water deficit
Nutrição mineral
Défice hídrico
metadata.artigo.dc.publisher: Universidade Federal de Goiás
metadata.artigo.dc.date.issued: 2014
metadata.artigo.dc.identifier.citation: SANTOS, J. F. dos et al. Crescimento de girassol em função da inoculação de sementes com bactérias endofíticas. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 44, n. 2, p. 142-150, abr./jun. 2014.
metadata.artigo.dc.description.resumo: O girassol é uma cultura de grande importância mundial, devido ao óleo de excelente qualidade que se extrai de suas sementes e aos grãos in natura que são consumidos de diversas formas. No entanto, a seca é um dos principais fatores ambientais que limitam sua produtividade. Conduziu-se um experimento em condições controladas de casa-de-vegetação, em delineamento experimental inteiramente casualizado, para determinar o efeito da inoculação de bactérias endofíticas (Bacillus sp. e Enterobacter cloacae) sobre o crescimento e teores de nutrientes e de solutos orgânicos, em folhas e raízes de girassol sob défice hídrico. Aos 35 dias após a emergência, foram avaliados a altura, diâmetro do caule e biomassas fresca e seca da parte aérea e das raízes, bem como os teores de N, P, K, carboidratos solúveis, prolina livre, aminoácidos livres e proteínas solúveis. O défice hídrico reduziu o crescimento do girassol, independentemente de inoculação. Entretanto, em condições ideais de umidade do solo, a combinação de ambas as bactérias endofíticas incrementou o crescimento do girassol. O défice hídrico também aumentou os teores de N e K, nas folhas, bem como o teor de solutos orgânicos, na parte aérea, sendo este aumento mais pronunciado nas plantas inoculadas. Os dados sugerem que a inoculação de bactérias endofíticas pode aumentar a capacidade de as plantas sob estresse hídrico realizarem o ajustamento osmótico pelo maior acúmulo de solutos orgânicos, quando comparadas com as plantas não inoculadas.
metadata.artigo.dc.description.abstract: The sunflower crop has a great importance worldwide, due to the oil of excellent quality extracted from its seeds and in natura grains that are consumed in various ways. However, drought is one of the main environmental factors that limit its yield. An experiment was carried out under controlled greenhouse conditions, in a completely randomized experimental design, in order to determine the effect of endophytic bacteria inoculation (Bacillus sp. and Enterobacter cloacae) on the growth and contents of nutrients and organic solutes, in sunflower leaves and roots under water deficit. Plant height, stem diameter, fresh and dry biomass of shoot and roots, as well as contents of N, P, K, soluble carbohydrates, free proline, free amino acids and soluble proteins, were determined at 35 days after the plant emergence. The water deficit reduced plant growth regardless inoculation. However, under optimum conditions of soil moisture, the combination of both endophytic bacteria increased the sunflower growth. The water deficit also increased the N and K contents in leaves, as well as the organic solutes content in shoots, especially in inoculated plants. These results suggest that the inoculation of endophytic bacteria may increase the capacity of drought stressed plants to perform the osmotic adjustment through a higher accumulation of organic solutes, when compared to plants not inoculated.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/38231
metadata.artigo.dc.language: pt_BR
Appears in Collections:DFP - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons