Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAE - Departamento de Administração e Economia >
DAE - Programa de Pós-graduação >
DAE - Administração - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/391

Title: Padrões morais de decisões de gestores: um estudo sobre o comportamento administrativo
???metadata.dc.creator???: Procópio, Marcos Luis
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Lima, Juvêncio Braga de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Cappelle, Mônica Carvalho Alves
Mafra, Flávia Luciana Naves
Pardini, Daniel Jardim
Paiva, Kely César Martins de
???metadata.dc.description.concentration???: Organizações, Gestão e Sociedade
Keywords: Comportamento administrativo
Tomada de decisão
Moralidade
Padrão moral
Eficiência organizacional
Administrative behavior
Decision-making
Morality
Moral standard
Organizational efficiency
???metadata.dc.date.submitted???: 23-May-2012
Issue Date: 2013
???metadata.dc.description.sponsorship???: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq
Citation: PROCÓPIO, M. L. Padrões morais de decisões de gestores: um estudo sobre o comportamento administrativo. 2012. 508 p. Tese (Doutorado em Organizações, Gestão e Sociedade)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
???metadata.dc.description.resumo???: The present study sought to investigate how the administrative behavior is morally oriented when decisions are made by managers at work. Although rare, the theme of morality in management decision making is not new in the Management field. Renowned authors such as Barnard (1979), Etzioni (1988), Selznick (1971) and Simon (1979) demonstrated that managers do not act in a morally “neutral” way, ie, not decide what course of action to take based on factual and technical analyzes of their decision reality only. However, due to the high theoretical fragmentation and the frequent mismatch among the various concepts that are already present in these previous studies, it was opted here for the construction of a new theoretical framework of reference that can integrate and systematize the main theoretical elements of this debate, theoretical framework which foundations are in the Max Weber and John Dewey ideas and that converges to the moral standard concept, as present in the deliberative action of the managers. It was opted here for a panoramic view of management morality, vision that focused on the transorganizational moral standards that characterize and identify the administrative customs, both in literature which expresses what has been called “modern western management” as well in concrete decision-makings of managers from various organizations. More specifically, this study is subdivided in two stages or steps. The first was characterized as a bibliographic research from which it was sought to identify and describe the transorganizational moral standard that strongly guides the deliberative actions of managers according to the literature which represents the “orthodox” or “tradition” of western management thought. The second was characterized as a qualitative and exploratory empirical field research, conducted with managers of private organizations, public ones and third sector ones, whose objective was the identification and description of the transorganizational moral standards that characterize, according to decision-making cases provided by these managers in unstructured interviews, the management customs in their respective contexts of activity. The method used in this second phase of research was the inductive method of qualitative analysis of decision-making cases, method which was inspired by the pioneering work of Waters, Bird and Chant (1986) and Bird and Waters (1987) about moral standards in the management of private organizations. In terms of results, it became clear, both from the bibliographic research as from the empirical field research, that the organizational efficiency ranked as the transorganizational moral standard which most strongly characterized management morality in the private management context. As regards public administration, was evidenced, during the empirical research, that both expansion and maintenance of decision-maker’s political power figured as the transorganizational moral standards most representative of management practices in that context. Finally, with regard to the third sector management, no transorganizational moral standard capable to identify the existing management morality there could be found in the empirical phase of research.
O presente estudo buscou investigar como o comportamento administrativo é moralmente orientado quando decisões são tomadas pelos gestores no trabalho. Embora raro, o tema da moralidade na tomada de decisão gerencial não é inédito no campo da Administração. Autores consagrados como Barnard (1979), Etzioni (1988), Selznick (1971) e Simon (1979) demonstraram que os administradores não agem de um modo moralmente “neutro”, ou seja, não decidem que rumo de ação tomar baseados em análises exclusivamente factuais e técnicas da sua realidade decisória. Todavia, frente à grande fragmentação teórica e à frequente incompatibilidade entre os diversos conceitos que já se encontram presentes nesses estudos anteriores, optou-se aqui pela construção de um novo marco teórico de referência capaz de integrar e sistematizar os principais elementos teóricos deste debate, marco este cujas fundações encontram-se nas ideias de Max Weber e de John Dewey e que conflui para o conceito de padrão moral, tal como presente na ação deliberativa dos gestores. Optou-se aqui por uma visão panorâmica da moralidade gerencial, visão essa que privilegiou os padrões morais transorganizacionais que caracterizam e identificam os costumes administrativos, tanto na literatura que expressa aquilo que foi denominado “moderna administração ocidental” (MAO) como também em práticas decisórias concretas de gestores de diversas organizações. Mais especificamente, esta pesquisa se subdividiu em duas fases ou etapas. A primeira se caracterizou como uma pesquisa bibliográfica a partir da qual se buscou identificar e descrever o padrão moral transorganizacional que mais fortemente orienta as ações deliberativas dos gestores segundo a literatura que representa a “ortodoxia” ou a “tradição” do pensamento gerencial ocidental. A segunda se caracterizou como uma pesquisa de campo empírico, de caráter qualitativo e exploratório, realizada junto a gestores de organizações privadas, públicas e do terceiro setor, cujo objetivo foi a identificação e descrição dos padrões morais transorganizacionais que caracterizam, segundo os relatos de casos decisórios fornecidos por esses gestores em entrevistas não estruturadas, o costume gerencial em seus respectivos contextos de atuação. O método utilizado nesta segunda fase da pesquisa foi o método indutivo de análise qualitativa de casos decisórios, método este que foi inspirado nos trabalhos pioneiros de Waters, Bird e Chant (1986) e de Bird e Waters (1987) acerca dos padrões morais na gestão de organizações privadas. Em termos de resultados, evidenciou-se, tanto a partir da pesquisa bibliográfica quanto a partir da pesquisa de campo empírico, que a eficiência organizacional figurou como o padrão moral transorganizacional que mais fortemente caracterizou a moralidade gerencial no universo da administração de empresas privadas. No que diz respeito à administração pública, evidenciou-se, na fase empírica do estudo, que a ampliação e a manutenção do poder político dos agentes decisores figuraram como os padrões morais transorganizacionais mais representativos das práticas de gestão naquele contexto. Finalmente, no que diz respeito à administração de organizações do terceiro setor, nenhum padrão moral transorganizacional capaz de identificar a moralidade gerencial lá existente pode ser encontrado na fase empírica da pesquisa.
Description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Administração, área de concentração em Organizações, Gestão e Sociedade, para obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/391
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DAE - Administração - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE Padrões morais de decisões de gestores um estudo sobre o comportamento administrativo.pdf1.76 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback