Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39775
metadata.artigo.dc.title: Soil shear strength under non-irrigated and irrigated short duration grazing systems
metadata.artigo.dc.title.alternative: Resistência ao cisalhamento de um solo sob pastejo rotacionado com e sem irrigação
metadata.artigo.dc.creator: Carvalho, Rita de Cássia Ribeiro
Rocha, Wellington Willian
Pinto, José Cardoso
Pires, Bruno da Silva
Dias Junior, Moacir de Souza
Nunes, Ayeska Hubner Braga
metadata.artigo.dc.subject: Soil compaction
Pasture
Animal trampling
Compactação do solo
Pastagem
Pisoteio animal
metadata.artigo.dc.publisher: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (SBCS)
metadata.artigo.dc.date.issued: Jun-2010
metadata.artigo.dc.identifier.citation: CARVALHO, R. de C. R. et al. Soil shear strength under non-irrigated and irrigated short duration grazing systems. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, MG, v. 34, n. 3, p. 631-638, May/June 2010. DOI: 10.1590/S0100-06832010000300004.
metadata.artigo.dc.description.resumo: A produtividade da pastagem pode sofrer redução devido à compactação do solo exercida pelo pisoteio animal. Assim, alterações físicas e mecânicas constituem importantes indicadores para seu manejo. Objetivou-se neste estudo: traçar e comparar as envoltórias de resistência ao cisalhamento de um Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico submetido a diferentes manejos e uso; calcular a coesão aparente desse solo; detectar se o manejo provocou alteração física nesse solo; e propor, usando propriedades da física do solo, um índice de correção para cálculo da Taxa de lotação para pastagens. As atividades de campo ocorreram no período de março de 2006 a março de 2007 na Fazenda Experimental da Fundação de Ensino Superior de Passos, unidade associada à Universidade do Estado de Minas Gerais. Foram utilizados 6 hectares, sendo: 2 ha de mata, 2 ha de pastagem irrigada e 2 ha de pastagem não irrigada. A forrageira usada foi a Brachiaria brizanta cv MG-5 Vitória. A área da pastagem foi dividida em piquetes. Dois lotes distintos de animais foram usados: um para a área irrigada e outro para a área não irrigada. Nas áreas, foram coletadas amostras indeformadas de solo, as quais foram submetidas ao ensaio de cisalhamento direto. As envoltórias de resistência ao cisalhamento em uma tensão de 6 kPa para pastagem irrigada apresentaram tensão cisalhante superior à da pastagem não irrigada. A pastagem irrigada e mata natural apresentaram tensão cisalhante superior à da pastagem não irrigada na tensão de 6 kPa. Na tensão de 33 kPa não foram encontradas diferenças na resistência ao cisalhamento entre os manejos e uso. A coesão aparente foi responsável pelas possíveis alterações da estrutura do solo. Os valores para fator de correção foram muito próximos a 1, o que pode indicar uma possível compactação em períodos de manejo prolongados.
metadata.artigo.dc.description.abstract: Pasture productivity can drop due to soil compaction caused by animal trampling. Physical and mechanical alterations are therefore extremely important indicators for pasture management. The objective of this research was to: draw and evaluate the Mohr failure line of a Red Yellow Latossol under different pasture cycles and natural forest; calculate apparent cohesion; observe possible physical alterations in this soil; and propose a correction factor for stocking rates based on shear strength properties. This study was conducted between March/2006 and March/2007 on the Experimental Farm of Fundação de Ensino Superior de Passos, in Passos, state of Minas Gerais. The total study area covered 6 ha, of which 2 ha were irrigated pasture, 2 ha non-irrigated pasture and 2 ha natural forest. Brachiaria brizantha cv. MG-5 Vitória was used as forage plant. The pasture area was divided into paddocks. The Mohr failure line of samples of a Red Yellow Latossol under irrigated pasture equilibrated at a tension of water content of 6 kPa indicated higher shear strength than under non-irrigated pasture. The shear strength under irrigated pasture and natural forest was higher than under non-irrigated pasture. At a tension of water content of 33 kPa no difference was found in shear strength between management and use. Possible changes in soil structure were caused by apparent cohesion. The values of the correction factor were close to 1, which may indicate a possible soil compaction in prolonged periods of management.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/39775
metadata.artigo.dc.language: en_US
Appears in Collections:DCS - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons