Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4021

Título: Produção de alho vernalizado em função de doses de cálcio, magnésio e silício
Título Alternativo: Yield the garlic from meristems culture under nutrition Ca, Mg and Si
Autor(es): Petrazzini, Lauro Luís
Orientador: Souza, Rovilson José de
Coorientador(es): Carvalho, Janice Guedes de
Membro da banca: Pereira, Ademir José
Resende, Luciane Vilela
Área de concentração: Produção Vegetal
Assunto: Allium sativum
Nutrição mineral
Rendimento
Mineral nutrition
Crop
Data de Defesa: 26-Fev-2010
Data de publicação: 25-Set-2014
Referência: PETRAZZINI, L. L. Produção de alho vernalizado em função de doses de cálcio, magnésio e silício. 2010. 31 p. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2010.
Resumo: Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a resposta à aplicação de doses de cálcio e magnésio e doses de silicato de cálcio em alho vernalizado proveniente de cultura de meristemas. Foram conduzidos dois experimentos em condições de campo no Setor de Olericultura da Universidade Federal de Lavras, no período de 12/02/2008 a 23/08/2008. A cultivar utilizada foi a ´Roxo Pérola de Caçador´, tendo os bulbos sementes sido provenientes de cultura de meristemas submetidos à vernalização por 50 dias, a 4ºC. No primeiro experimento avaliaram-se crescimento, desenvolvimento, produção comercial e porcentagem de bulbos superbrotados da cultura em função de diferentes doses de cálcio (0, 250, 500 e 750 kg ha-1) e magnésio (0, 50, 100 e 150 kg ha-1). No segundo trabalho, foram avaliadas as mesmas características, em função de diferentes doses de silício (0, 200, 400, 600 e 800 kg ha-1). Houve interação entre os fatores cálcio e magnésio estudados. As dosagens de 150 kg ha-1 e 500 kg ha-1 de cálcio proporcionaram as melhores medias de produção comercial. A massa media de bulbos respondeu linearmente ao aumento da dosagem de cálcio. O aumento das doses de silicato de cálcio proporcionou maior produtividade total e comercial. Houve aumento de produtividade na massa de bulbos da classe 7 e matéria seca da parte comercial.
The objected of this work was to evaluate the response to different doses of calcium, magnesium and doses of siliciun in vernalized garlic originated from tissue culture. Two different experiments were conducted under field conditions at Lavras Federal University, during the period of 12/02/2008 to 23/08/2008. The tested cultivar was "Roxo Pérola de Caçador". Bulbs were obtained from meristems culture and submitted to the vernalization technique for 50 days at 4ºC. On the first experiment there were evaluated growth, development, commercial production, percentage of supersprung bulbs related to different calcium doses (0, 250, 500 e 750 kg ha-1) and magnesium (0, 50, 100 e 150 kg ha-1). On the second experiment, the same characteristics were evaluated according to different doses of siliciun (0, 200, 400, 600 e 800 kg ha-1).Interaction happened between calcium and magnesium. The calcium doses of 150 kg ha-1 and 500 kg ha-1 showed best commercial production average. Bulbs average mass answered as a linear rising when calcium doses were increased. The increasing doses of calcium silicate showed better commercial and total production, benefits for bulbs mass from 7 class and dry mass were observed.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4021
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Produção de alho vernalizado em função de doses de cálcio, magnésio e silício.pdf129,28 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback