Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Engenharia Florestal - Doutorado (Teses) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4068

Title: Gestão ambiental nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia
Other Titles: Environmental management in the Federal Intitutes of Education, Science and Technology
???metadata.dc.creator???: Borges, Aurélio Ferreira
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Rezende, José Luiz Pereira de
???metadata.dc.contributor.referee1???: Amâncio, Robson
Borges, Luis Antônio Coimbra
Macedo, Renato Luiz Grisi
Borém, Rosângela Alves Tristão
Kalsing, Vera Simone Schaefer
???metadata.dc.description.concentration???: Ciências Florestais
Keywords: Gestão ambiental
Formação ambiental
Preocupação ambiental
Ambientalização curricular
Environmental management
Environmental education
Environmental concerN
Environmental awareness curriculum
???metadata.dc.date.submitted???: 15-Feb-2011
Issue Date: 29-Sep-2014
Citation: BORGES, A. F. Gestão ambiental nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia. 2011. 228 p. Tese (Doutorado em Engenharia Florestal)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
???metadata.dc.description.resumo???: O presente trabalho se compõe de quatro capítulos, sendo seu objetivo central identificar o perfil ambiental dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IF), quando analisadas as práticas de gestão ambiental. Para atingir esse objetivo, no Capítulo I, foi desenvolvida uma entrevista por intermédio de questionário, o qual foi respondido por 230 Campi do Brasil, de forma a poder diagnosticar práticas de gestão ambiental nesse setor. Com base na avaliação do grau de implementação de determinadas vertentes e práticas de gestão ambiental foi traçado o perfil ambiental dos IF. Concluiu-se que não há gestão ambiental nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia que preencha os requisitos da sustentabilidade e que o Índice de Avaliação Ambiental dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IADAIFE) para 4 Campi foi muito fraco e para 78 Campi foi fraco. O objetivo do Capítulo II foi caracterizar a Formação Ambiental que receberam os graduandos do IF Goiano, Campus Rio Verde, sobre questões ambientais. No presente trabalho, foi desenvolvida a adaptação para o português brasileiro do Questionário de Formação Ambiental (QFA), que permitiu a avaliação da Formação Ambiental de estudantes universitários. Após ter sido traduzido com a ajuda de um professor perito na língua espanhola, o QFA foi administrado a duas amostras: uma de graduandos cujas atividades escolares iniciaram a partir do segundo período do curso (N=166) e outra de avaliadores (N=13). Os resultados revelaram que a Formação Ambiental obtida pelos estudantes da amostra do IF Goiano, Campus Rio Verde, nos currículos dos cursos de graduação, é variável segundo o curso de graduação que frequentaram. O objetivo do capítulo III foi estudar a preocupação ambiental dos graduandos do IF Goiano, Campus Rio Verde, analisando as variáveis sociodemográficas curso de graduação, gênero e idade dos estudantes. Após sua aplicação em amostra de 153 graduandos do IF Goiano, Campus Rio Verde, foram confirmados significativa preocupação ambiental e consistência interna da escala. O objetivo do Capítulo IV foi analisar a ambientalização na matriz curricular e nos planos de ensino das disciplinas dos cursos de graduação do IF Goiano, Campus Rio Verde. Buscou-se identificar a presença de indicadores para dez características de um curso de graduação ambientalizado. Foram analisados dez cursos de graduação que o Campus Rio Verde ofereceu à comunidade. O número de disciplinas que apresentou preocupação com a característica 1 para um curso de graduação ambientalizado foi expressivo para o curso de Tecnologia em Gestão Ambiental (66,6%), ou seja, das 54 disciplinas que foram analisadas 36 delas estudaram a relação sociedade-natureza.
This work consists of four chapters, and its central objective to identify the environmental profile of the Federal Institutes of Education, Science and Technology (FI), when analyzing the environmental management practices. To achieve this goal, in Chapter I, was developed through an interview questionnaire which was answered by 230 Campuses in Brazil, in order to diagnose environmental management practices in this sector. Based on the assessment of the degree of implementation of certain aspects and environmental management practices was traced the environmental profile of the IF. It was concluded that no environmental management in the Federal Institutes of Education, Science and Technology that meets the requirements of sustainability and the Environmental Evaluation Index of the Federal Institutes of Education, Science and Technology (IADAIFE) for 4 Campuses was very weak and 78 Campuses was weak. The purpose of Chapter II was to characterize the Environmental Training of undergraduates who received FI Goiano, Campus Rio Verde, on environmental issues. In this study, we developed the adaptation to Portuguese Brazilian Environmental Training Questionnaire (FFQ), which allowed the evaluation of Environmental Training of college students. After being translated with the help of an expert teacher in Spanish, the FFQ was administered to two samples: one for undergraduate students whose activities started in the second period of the course (N = 166) and another of raters (N = 13 ). The results revealed that the Environmental Training students obtained samples of the FI Goiano, Campus Rio Verde in the curriculum of undergraduate courses, varies according to the undergraduate who attended. The purpose of Chapter III was to study the environmental concern of the undergraduates FI Goiano, Campus Rio Verde, examining sociodemographic variables undergraduate level, gender and age of students. After its implementation in a sample of 153 undergraduates from FI Goiano, Campus Rio Verde were confirmed significant environmental concern and internal consistency of the scale. The purpose of Chapter IV was to analyze the environmental awareness in the curriculum and the curriculum of undergraduate courses of the FI Goiano, Campus Rio Verde. We tried to identify the presence of indicators for ten characteristics of an undergraduate course environmentalized. We analyzed ten undergraduate courses that the campus offered the Rio Verde community. The number of subjects that showed a preoccupation with the characteristic for an undergraduate course environmentalized was significant for the course in Environmental Management of Technology (66.6%), or 54 of the 36 subjects who were studied for their company nature.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4068
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
???metadata.dc.language???: pt_BR
Appears in Collections:DCF - Engenharia Florestal - Doutorado (Teses)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE_ Gestão ambiental nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia.pdf1.36 MBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.


View Statistics

 


DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback