Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4152

Título: Avaliação genotípica de linhagens de arroz de terras altas via metodologia de modelos mistos
Título Alternativo: Evaluation genotypic of the lines dryland rice using mixed models methodology
Autor(es): Santos, Vanderley Borges dos
Orientador: Soares, Antônio Alves
Coorientador(es): Resende, Marcos Deon Vilela de
Membro da banca: Reis, Wagner Pereira
Morais, Orlando Peixoto de
Carvalho, Samuel Pereira de
Área de concentração: Produção Vegetal
Assunto: Oryza sativa
REML/BLUP
Modelo misto
Adaptabilidade
Estabilidade
Análise de deviance
Mixed model
Adaptability
Estability
Deviance
Data de Defesa: 10-Jul-2009
Data de publicação: 29-Set-2014
Referência: SANTOS, V. B. dos. Avaliação genotípica de linhagens de arroz de terras altas via metodologia de modelos mistos. 2009. 153 p. Tese (Doutorado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: In crop breeding for plants, lines are constantly evaluated in different environments in order to verify the differential in response to various environmental changes. Thus, the selection should be based on statistical models and biometrics, the most accurate possible so that programs are effective. An alternative is the method of mixed models, known as Restricted Maximum Likelihood / Best Linear Unbiased Prediction, or REML / BLUP, which estimates values genotypic and phenotypic no. Using genotypic values, it is possible to estimate the selection and accuracy selection, genetic progress and studies of stability and adaptability associated with productivity in a single measure on the same scale and character assessed. Thus, this work was carried out to study the evaluation of genetic lines of upland rice, tested in the trials of VCU in Minas Gerais in the period 1997 to 2008, using methodology of mixed models. We used data of 107 cultivars and lines of 11 local and 11 years farming, from the breeding program developed by UFLA, Epamig and Embrapa Arroz e Feijão. Was used the analysis of deviance to verify the significance of the effects of genotypes and their interactions with sites and years. For the evaluation of stability and adaptability, was used the methods of the harmonic mean of genotypic values (HMGV) and performance on the genotypic values (PRGV), respectively. To estimate stability, adaptability and productivity while using the method of harmonic means performance on the genotypic values (HMPRGV). The genetic gain was estimated using the genotypic mean values of cultivars and breeding lines tested in each season. The accuracy of genotypic values was verified using the accuracy of selection. It was found by analysis of deviance, that the effects of genotypes, genotype x sites and genotypes x years were statistically significant, indicating differences between the genotypes and their behavior in different environments. The genotypic correlations through environments, estimated by rgl, rga, rgl_a, rga_l, rgl_ma, rga_ml and rgla showed magnitudes that ranged from medium to high, suggesting the predominance of simple interaction, but with a different ranking of genotypes across locations. Stood out as the most stable cultivars and lines Curinga-3, CNA 8983, Guarani, BRSMG Caravera and CNA 8824. Regarding lines upgraded and more and more stable grain yield, while it highlighted the BRSMG Caravera, Curinga-3, MG 1089, MG 1097 and CNA 8436. The cumulative total genetic gain in the period was - 42.87 kg ha-1, resulting in average annual gain of - 0.12%. It is concluded that: (i) the use of the methodology of mixed models, using statistics from HMGV, PRGV and HMPRGV, proved to be easily applied and useful in the evaluation of testing for VCU, especially in the selection and disposal of strains (ii) the accuracy is the primary selective assessment of statistical precision of experimental tests of VCUs, (iii) the average genotypic progress over the years for yield, which occurred from 1997 to 2008, was practically null, however, the cultivars released in this period were higher than those that preceded them, and (iv) the cultivated BRSMG Caravera was high and was presented the highest stability, adaptability and grain yield simultaneously, indicating that its cultivation in Brazil is a large insurance diversity of environments.
Em programas de melhoramento genético de plantas, linhagens são constantemente avaliadas em diversos ambientes, com o propósito de verificar o comportamento diferencial em resposta às diversas variações ambientais. Para tanto, a seleção deve ser baseada em modelos estatísticos e biométricos, o mais acurados possível, para que os programas sejam eficientes. Uma alternativa é o método dos modelos mistos, denominado restricted maximum likelihood/best linear unbiased prediction, ou REML/BLUP, que estima valores genotípicos e não fenotípicos. Utilizando valores genotípicos, é possível realizar seleção genética e estimar a acurácia seletiva, o progresso genético e estudos de estabilidade e adaptabilidade associados à produtividade numa única medida e na mesma escala do caráter avaliado. Dessa forma, este trabalho foi realizado com o objetivo de realizar estudos de avaliação genotípica de linhagens de arroz de terras altas, testadas nos ensaios de VCU de Minas Gerais, no período 1997 a 2008, empregando-se metodologia de modelos mistos. Foram utilizados dados de 107 cultivares e linhagens, de 11 locais e 11 anos agrícolas, obtidos do programa de melhoramento desenvolvido em parceria pela UFLA, Epamig e Embrapa Arroz e Feijão. Utilizou-se a análise de deviance para verificar a significância dos efeitos de genótipos e suas interações com locais e anos. Para a avaliação da estabilidade e da adaptabilidade, empregaram-se os métodos da média harmônica dos valores genotípicos (MHVG) e da performance relativa dos valores genotípicos (PRVG), respectivamente. Para estimar estabilidade, adaptabilidade e produtividade, simultaneamente, utilizou-se o método da média harmônica da performance relativa dos valores genotípicos (MHPRVG). O progresso genético foi estimado utilizando-se os valores genotípicos médios das cultivares e linhagens testadas em cada ano agrícola. A precisão dos valores genotípicos foi verificada utilizando-se a acurácia de seleção. Constatou-se, pela análise de deviance, que os efeitos de genótipos, genótipos x locais e genótipos x anos foram estatisticamente significativos, evidenciando diferenças entre os genótipos e no comportamento deles nos diversos ambientes. As correlações genotípicas por meio dos ambientes, estimadas por rgl, rga, rgl_a, rga_l, rgl_ma, rga_ml e rgla, apresentaram magnitudes que oscilaram de média a alta, sugerindo a predominância da interação simples, porém, com algum ordenamento diferenciado dos genótipos nos vários locais. Destacaram-se como mais estáveis as linhagens e cultivares Curinga-3, CNA 8983, Guarani, BRSMG Caravera e CNA 8824. Com relação às linhagens mais adaptadas e de maior estabilidade e produtividade de grãos, simultaneamente, destacaram-se a BRSMG Caravera, Curinga-3, MG 1089, MG 1097 e CNA 8436. O ganho genético total acumulado no período foi de -42,87 kg ha-1, resultando em ganho anual médio de - 0,12%. Conclui-se que: (i) o uso da metodologia de modelos mistos, por meio das estatísticas de MHVG, PRVG e MHPRVG, mostrou ser de fácil aplicação e de grande utilidade na avaliação de ensaios de VCU, sobretudo na seleção e no descarte de linhagens; (ii) a acurácia seletiva é a principal estatística de avaliação da precisão experimental em ensaios de VCUs; (iii) o progresso genotípico médio ao longo dos anos para produtividade de grãos, ocorrido de 1997 a 2008, foi praticamente nulo, contudo, as cultivares lançadas nesse período se mostraram superiores àquelas que as precederam e (iv) a cultivar BRSMG Caravera foi o grande destaque, tendo sido a que apresentou maior estabilidade, adaptabilidade e produtividade de grãos simultaneamente, indicando que seu cultivo em Minas Gerais é seguro numa ampla diversidade de ambientes.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4152
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Avaliação genotípica de linhagens de arroz de terras altas via metodologia de modelos mistos.pdf644,46 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback