Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4154

Título: Resistência a artrópodos-praga em genótipos de tomateiro ricos em zingibereno e/ou acilaçúcares
Título Alternativo: Resistance to arthropod pests in zingiberene and/or acylsugars rich tomato genotypes
Autor(es): Silva, Vanisse de Fátima
Orientador: Maluf, Wilson Roberto
Coorientador(es): Cardoso, Maria das Graças
Membro da banca: Gomes, Luiz Antônio Augusto
Gonçalves, Luciano Donizete
Resende, Juliano Tadeu Vilela
Área de concentração: Fitotecnia
Assunto: Aleloquímicos
Resistência varietal
Inseto
Arropodus-fraga
Licopersicon sp.
Data de Defesa: 16-Fev-2009
Data de publicação: 29-Set-2014
Referência: SILVA, V. de F. Resistência a artrópodos-praga em genótipos de tomateiro ricos em zingibereno e/ou acilaçúcares. 2009. 63 p. Tese (Doutorado em Agronomia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: Os acessos de tomateiro ‘PI-127826’ de Lycopersicon hirsutum var. hirsutum e ‘LA-716’ de Lycopersicon pennellii apresentam, nos folíolos, zingibereno (ZGB) e acilaçúcares (AA), respectivamente, ambos responsáveis pela resistência a artrópodos-praga encontradas nessas espécies. Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar os níveis de resistência à traça-do-tomateiro (Tuta absoluta), à mosca-branca (Bemisia argentifolii) e a ácaros (Tetranychus urticae) de híbridos de tomateiro resultantes do cruzamento de linhagens ricas em ZGB x linhagens ricas em AA, bem como de linhagens parentais e de testemunhas comerciais selecionadas. Para a realização das análises químicas de ZGB e AA, foram utilizadas as metodologias propostas por Freitas et al. (2002) e Resende et al. (2002), respectivamente. Os genótipos avaliados foram duplos heterozigotos para ZGB e AA [F1(ZGB-704 x TOM- 688), F1(ZGB-704 x TOM-689), F1(ZGB-703 x TOM-688) e F1(ZGB-703 x TOM-689)], heterozigotos para ZGB [F1(ZGB-703 x TOM-684) e F1(ZGB-704 x TOM-684)], heterozigotos para AA [F1(TOM-688 x TOM-684) e F1(TOM- 689 x TOM-684)], linhagens homozigotas com alto teor de ZGB (ZGB-703 e ZGB-704, ambas originadas de gerações avançadas a partir do cruzamento interespecífico entre L. esculentum x L. hirsutum var. hirsutum 'PI 127826') e linhagens homozigotas com alto teor de AA (TOM-688 e TOM-689, ambas originadas de gerações avançadas a partir do cruzamento interespecífico entre L. esculentum x pennelli 'LA-716'). As testemunhas utilizadas com baixos teores de ZGB e AA foram Débora Max e TOM-684 e as testemunhas utilizadas com altos teores foram ‘PI-127826’ (alto ZGB) e ‘LA-716’(alto AA). Os genótipos heterozigotos para ZGB e AA apresentaram teores destes aleloquímicos em geral intermediários entre os dos genótipos parentais de altos e baixos teores. No teste de resistência à traça-do-tomateiro verificou-se que todos os genótipos duplos heterozigotos para ZGB e AA apresentaram maiores níveis de resistência, principalmente no que diz respeito às notas para danos nas plantas, quando comparados com os genótipos heterozigotos para AA e com os heterozigotos para ZGB. Ambos os aleloquímicos foram eficientes em conferir aos genótipos de tomateiro resistência à mosca-branca e ao ácaro, tanto em homozigose quanto em heterozigose. De maneira geral, os genótipos duplos heterozigotos apresentaram níveis de resistência à mosca-branca e ao ácaro iguais ou superiores aos dos genótipos heterozigotos para ZGB ou heterozigotos para AA somente. Os resultados obtidos comprovaram que as linhagens ricas nos aleloquímicos zingibereno e acilaçúcares podem ser usadas isoladamente ou em combinação para obter híbridos resistentes a pragas e há evidência de que efeitos sinérgicos entre eles podem ocorrer para promover maiores níveis de resistência a Tuta absoluta. Diante disso, linhagens homozigotas, simultaneamente com altos teores de zingibereno e acilaçúcares, serão ferramentas valiosas no desenvolvimento de híbridos resistentes aos artrópodos-praga.
The tomato accessions Lycopersicon hirsutum var. hirsutum ‘PI-127826’ and Lycopersicon pennelli ‘LA-716’ are rich in allelochemicals __ zingiberene (ZGB) and acylsugars (AS) respectively __ that are responsible for high levels of arthropod pest resistance. The objectives of the present work were to assess the levels of resistance to the South American (S.A) tomato pinworm (Tuta absoluta), to the silverleaf whitefly (Bemisia argentifolli) and to spider mites (Tetranychus urticae) in tomato hybrids between high ZGB x high AS lines, as compared with their parental lines and in commercial checks. ZGB and AS contents were assessed according to the methodologies by Freitas et al (2002) and Resende et al (2002), respectively. The genotypes assessed were double heterozygotes for ZGB and AS [F1(ZGB-704 x TOM-688), F1(ZGB-704 x TOM-689), F1(ZGB-703 x TOM-688) and F1(ZGB-703 x TOM-689)], single heterozygotes for ZGB [F1(ZGB-703 x TOM-684) and F1(ZGB-704 x TOM- 684)], single heterozygotes for AS [F1(TOM-688 x TOM-684) e F1(TOM-689 x TOM-684)], high ZGB homozygous lines (ZGB-703 and ZGB-704, both derived from the interespecific cross Lycopersicon esculentum x L. hirsutum var hirsutum 'PI 127826'), and high AS homozygous lines (TOM-688 and TOM- 689, both originated from the interespecific cross L. esculentum x L. pennelli 'LA-716'). Low ZGB and low AS check treatments Débora Max and TOM-684 were also assessed, as well as the wild accessions ‘PI-127826’ (high ZGB) and ‘LA-716’ (high AA). Genotypes heterozygous for ZGB or AS showed alelochemical contents intermediate between those of their high and low content parental lines. Genotypes double heterozygotes for ZGB and AS had higher levels of resistance to the S.A. pinworm (as measured by overall plant damage) than AS-single heterozygotes or ZGB-single heterozygotes. Both ZGB and AS were efficient in conferring resistance to the silverleaf whitefly and to spider mites, whether in homozygous or in heterozygous genotypes. Double heterozygotes for both ZGB and AS showed levels of resistance to both pests equal to or higher than ZGB-only or AS-only single heterozygotes. The results indicate that high ZGB and high AS lines can be used singly or in combination to obtain pest resistant hybrids, and there is evidence that they may have synergic effects in promoting resistance to Tuta absoluta. Double homozygote lines for both ZGB and AS may in the future be a useful tool to obtain commercial pest resistant tomato hybrids.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4154
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Resistência a artrópodos praga em genótipos de tomateiro ricos em zingibereno e ou acilaçúcares.pdf192,91 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback