Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/41881
metadata.artigo.dc.title: Response of soybean genotypes to the expression of green seed under temperature and water stresses
metadata.artigo.dc.title.alternative: Reação de genótipos de soja quanto à expressão de sementes verdes em condições de estresses térmico e hídrico
metadata.artigo.dc.creator: Pádua, Gilda Pizzolante de
Carvalho, Maria Laene Moreira de
França-Neto, José de Barros
Guerreiro, Mário César
Guimarães, Renato Mendes
metadata.artigo.dc.subject: Glycine max
Chlorophyll
Chlorophyllase
Seed quality
Clorofila
Clorofilase
Qualidade fisiológica
metadata.artigo.dc.publisher: Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes (ABRATES)
metadata.artigo.dc.date.issued: 2009
metadata.artigo.dc.identifier.citation: PÁDUA, G. P. de et al. Response of soybean genotypes to the expression of green seed under temperature and water stresses. Revista Brasileira de Sementes, Londrina, v. 31, n. 3, p. 140-149, 2009. DOI: 10.1590/S0101-31222009000300016.
metadata.artigo.dc.description.resumo: Plantas de soja submetidas a estresses ambientais, como deficiência hídrica, principalmente se associados com elevadas temperaturas, durante a fase final de maturação e pré-colheita das sementes, podem ocasionar a produção de semente verde, com redução expressiva na sua qualidade. Para verificar o comportamento de genótipos de soja considerados tolerantes e suscetíveis à produção de semente verde sob condições de estresse e avaliar essa ocorrência e seus efeitos sobre a retenção de clorofila e a atividade da enzima clorofilase em sementes de soja, foram avaliados quatro genótipos de soja. Sementes das cultivares BRS 133, CD 206, MG/BR 46 (Conquista) e BRS 251 (Robusta) foram produzidas em casa de vegetação até o estádio de desenvolvimento R5.5. A partir do estádio R6, as plantas foram transferidas para fitotrons, para a indução de estresse térmico, de 28ºC a 36ºC associado a estresse hídrico. A quantidade de água nos vasos foi controlada nos seguintes níveis: testemunha, 10% de umidade gravimétrica e corte total de irrigação. As sementes foram colhidas em R9, avaliando-se o porcentual de sementes verdes e o peso de 100 sementes. Foram também determinados os teores de clorofila a, b e total e a atividade da enzima clorofilase. Existe variação de resposta à retenção de clorofilas em sementes de cultivares de soja produzidas em condições de estresse hídrico e térmico. As cultivares Conquista e Robusta são suscetíveis e a 'BRS 133' é menos suscetível às condições de estresse que causam o esverdeamento. As cultivares BRS 133 e CD 206 apresentam menor índice de semente verde, menor retenção de clorofilas a, b e total e maior atividade da enzima clorofilase, em relação às cultivares Conquista e Robusta, sob condição de estresse. Plantas de soja submetidas às condições de estresse hídrico e térmico produzem altos índices de sementes verdes, menores e mais leves, com elevado teor de clorofilas e baixa atividade de clorofilase. O conteúdo de clorofilas a, b e total, em sementes verdes de soja é inversamente proporcional à atividade da enzima clorofilase.
metadata.artigo.dc.description.abstract: Soybeans grown under water stress associated with high temperatures during seed maturation and pre-harvest may produce green seed (GS) with expressive reduction in seed quality. The objectives of this study were to evaluate the response of different soybean cultivars grown under these stressful conditions regarding their susceptibility to GS production and to determine the chlorophyll retention levels and the chlorophyllase activity in the seeds. Seeds of four soybean cultivars [BRS 133, CD 206, MG/BR 46 (Conquista) and BRSMG 251 (Robusta)] were grown under greenhouse conditions until R5.5. At R6, the plants were transferred to phytotrons under temperature stress (from 28ºC to 36ºC) and with water stresses of 10% gravimetric moisture, no water and normal supply. Seeds were harvested at R9 when the percentage of GS and weight of 100 seeds were determined. The contents of a, b and total chlorophylls and the chlorophyllase activity were also determined. The expression of GS production under these conditions varied among cultivars: Conquista and Robusta were considered more susceptible to the production of GS compared to 'BRS 133' and 'CD 206'. These cultivars produced lower GS levels, lower chlorophyll retention and higher chlorophyllase activity compared to Robusta and Conquista. Soybean plants submitted to water and temperature stresses produced high levels of GS, which were small, light and had high chlorophyll contents and low chlorophyllase activity. The contents of a, b and total chlorophylls in GS were inversely proportional to the chlorophyllase activity.
metadata.artigo.dc.identifier.uri: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/41881
metadata.artigo.dc.language: en_US
Appears in Collections:DQI - Artigos publicados em periódicos



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons