Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DMV - Departamento de Medicina Veterinária >
DMV - Programa de Pós-graduação >
DMV - Ciências Veterinárias - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/421

Título: Dietas para reprodutores de Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)
Autor(es): Oliveira, Marinez Moraes de
Orientador: Rosa, Priscila Vieira e
Membro da banca: Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de
Murgas, Luis David Solis
Ribeiro, Paula Adriane Perez
Silva, Rodrigo Fortes da
Assunto: Tilápia - Reprodução
Diâmetro do ovo
Índice somático
Motilidade
Sêmen
Reprodutore
Reproduction
Somatic indexes
Egg diameter
Motility
Semen
Broodstock
Data de Defesa: 2012
Data de publicação: 2013
Agência de Fomento: Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia – Ciência Animal, INCT-CA
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG
Referência: OLIVEIRA, M. M. de. Dietas para reprodutores de Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). 2012. 95 p. Tese (Doutorado Ciências Veterinárias)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012.
Resumo: The objective of the present work was to evaluate the reproductive performance of Nile Tilapia (Oreochromis niloticus) broodstock, fed diets containing different levels of crude protein (CP). 240 Nile Tilapia (Oreochromis niloticus) broodstock were used, with average age of 30 months. The broodstock were lodged in forty masonry with the density of six fishes per tank. Thirty tanks for the females and ten tanks for the males in completely randomized design, consisting of five treatments and six replications, in which treatments consisted of five diets with different crude protein levels (32, 34, 36, 38, 40%) and digestible energy per gram of protein of 9.5/kg of feed. The levels of crude protein (CP) positively influenced (p<0.05) the female’s reproductive parameters, somatic indexes, total plasmatic protein ratio, albumin and triglycerides. For the male’s reproductive parameters, such as: somatic indexes, rate and duration of sperm motility in male’s in natura semen were not influenced (p>0.05) by the crude protein levels. However, diet with crude protein level of 36% presented average motility rate similar (p>0.05) to the treatments with 32, 34 and 40% CP and average motility rate inferior (p<0.05) to the treatment with 38% CP. For the duration of motility variable, the fish fed with 38% and 40% CP presented significant difference (p<0.05) only with the group of fish fed 34% CP. It was also observed that 32, 38 and 40% CP levels in the diet did not deteriorate the quality of the semen and may be used in the diet of tilapia broodstock. Overall, the results of this work indicate that the diet formulated with 38% CP with digestible energy per gram of CP of 9.5 was the best diet during the female’s reproductive period, and enabled better motility and motility duration in the diluted semen.
O trabalho foi realizado com objetivo de avaliar o desempenho reprodutivo de reprodutores de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus), alimentadas com rações contendo diferentes níveis de proteína bruta (PB). Foram utilizados 240 reprodutores com idade média de 30 meses, os mesmos foram estocados em quarenta tanques de alvenaria com uma densidade de seis peixes por tanque, sendo trinta tanques para as fêmeas e dez tanques para os machos em um delineamento experimental inteiramente casualizado, composto por cinco tratamentos e seis repetições, onde os tratamentos consistiam de cinco rações com diferentes níveis de PB (32, 34, 36, 38, 40%) e com uma relação de energia digestível por grama de proteína de 9,5/kg de ração. Os níveis de PB influenciaram positivamente (p<0.05) nos parâmetros reprodutivos, índices somáticos, taxas de proteína total do plasma, albumina e triglicerídeos das fêmeas. Para parâmetros reprodutivos dos machos como: índices somáticos, taxa e duração da motilidade espermática do sêmen in natura de machos não foram influenciados (p>0.05) pelos níveis de proteína bruta (PB). Porém ração com nível de PB de 36% apresentou taxa de motilidade média semelhante (p>0,05) aos tratamentos com 32, 34 e 40% de PB e taxa de motilidade média inferior (p<0,05) ao tratamento com 38% de PB. Para a variável duração da motilidade os peixes alimentados com 38% e 40% de PB apresentaram diferença significativa (p<0,05) apenas com o grupo de peixes alimentados com 34% de PB. Observou-se também, que os níveis de 32, 38 e 40% de PB na ração não deterioram a qualidade do sêmen e podendo ser utilizados na ração de reprodutores de tilápia. De modo geral, os resultados deste estudo indicam que a dieta formulada com 38% de PB com uma relação de ED/g de PB de 9,5 foi à melhor dieta durante o período reprodutivo para fêmeas. E proporcionou uma maior motilidade e duração de motilidade no sêmen diluído.
Informações adicionais: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como Parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, área de concentração em Ciências Veterinárias, para a obtenção do título de Doutor.ARTIGO 1 Níveis de proteína bruta sobre os parâmetros de desempenho reprodutivo de fêmeas de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). ARTIGO 2 Efeitos dos níveis de proteína bruta sobre a qualidade espermática de reprodutores de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus).
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/421
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DMV - Ciências Veterinárias - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE Dietas para reprodutores de Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)..pdf675,97 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback