Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DZO - Departamento de Zootecnia >
DZO - Programa de Pós-graduação >
DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4252

Título: Doses de fósforo e taxas de lotação em pastagem de capim-xaraés consorciado com estilosantes Mineirão
Título Alternativo: Evaluation of mixed pasture submitted to doses of phosphorus and stocking rates
Autor(es): Lopes, Jalison
Orientador: Evangelista, Antônio Ricardo
Coorientador(es): Pinto, José Cardoso
Membro da banca: Furtini Neto, Antonio Eduardo
Muniz, Joel Augusto
Queiroz, Domingos Sávio
Área de concentração: Forragicultura e Pastagens
Assunto: Capim brachiaria - Adubação
Capim brachiaria - Valor nutritivo
Plantas - Efeito do fósforo
Brachiaria brizantha
Stylosanthes guianensis
Data de Defesa: 6-Nov-2009
Data de publicação: 1-Out-2014
Referência: LOPES, J. Doses de fósforo e taxas de lotação em pastagem de capim-xaraés consorciado com estilosantes Mineirão. 2009. 125 p. Tese (Doutorado em Zootecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2009.
Resumo: Objetivou-se avaliar o efeito de doses de P na implantação da pastagem consorciada de Stylosanthes guianensis cv. Mineirão e de Brachiaria brizantha cv. Xaraés. Na fase de utilização da pastagem, objetivou-se avaliar o efeito combinado da adubação fosfatada e taxas de lotação adotadas no manejo do pasto, sobre as características produtivas e estruturais, o valor nutritivo e a dinâmica de acúmulo e decomposição da liteira na pastagem. O experimento teve duração total de 16 meses e foi instalado em uma área de 8000 m2. As doses de P utilizadas no estabelecimento da pastagem foram 25, 50, 100 e 200 kg/ha de P2O5. Nesta etapa utilizou-se o delineamento em blocos casualizados com três repetições e com duas repetições do tratamento por bloco. Na fase de utilização do pasto, utilizou-se o delineamento em blocos casualizados com três repetições, em esquema de parcelas subdivididas, com as doses de P nas parcelas e as taxas de lotação (3,4 e 5,6 UA/ha) nas subparcelas. Na fase de estabelecimento, o número de plantas de estilosantes Mineirão foi máximo com a aplicação de 44 kg/ha de P2O5. Na fase de utilização, a proporção de capim-xaraés foi favorecida pelos acréscimos na adubação fosfatada e o inverso ocorreu em relação à leguminosa. No final do período chuvoso, na taxa de lotação 3,4 UA/ha, a máxima disponibilidade de pasto consorciado ocorreu com a aplicação de 143 kg/ha de P2O5. A proporção de lâmina foliar e a relação lâmina:colmo reduziram em resposta a adubação fosfatada crescente. Na taxa de lotação de 5,6 UA/ha observou-se efeito linear positivo da adubação sobre a disponibilidade de pasto, máxima proporção de lâmina foliar na dose 63 kg/ha de P2O5 e máxima relação lâmina:colmo na dose 68 kg/ha de P2O5. A DIVMS do capim-xaraés e das frações lâmina foliar e colmo reduziram linearmente com os acréscimos na adubação fosfatada. O teor de PB da leguminosa foi maior na taxa de lotação 5,6 UA/ha e nas menores adubações. O resíduo pós-pastejo da leguminosa foi adequado na taxa de lotação 3,4 UA/ha e com doses de P superiores a 40 kg/ha de P2O5. A intensidade de desfolha do pasto foi menor na taxa de lotação 3,4 UA/ha e reduziu linearmente com os acréscimos na adubação fosfatada. A velocidade de decomposição da liteira caiu abruptamente no intervalo entre 25 e 50 kg/ha de P2O5 chegando ao valor mínimo de 1,95% ao dia com a aplicação de 117 kg/ha de P2O5. A quantidade de N depositado na liteira do pasto consorciado reduziu linearmente com os acréscimos na adubação fosfatada. Adubações superiores a 50 kg/ha de P2O5 reduzem a qualidade do pasto consorciado. Para garantir maior sobrevivência do estilosantes Mineirão e evitar o acúmulo excessivo de caule e material morto no resíduo pós-pastejo do capim-xaraés, o pasto consorciado deve ser manejado com uma taxa de lotação de 3,4 UA/ha e adubado com 40 a 50 kg/ha de P2O5. A taxa de decomposição da liteira reduz com os acréscimos das doses de P e não é influenciada pelas taxas de lotação.
The objective of this work was to evaluate the effect of phosphorus rates in the establishment of the pasture of Stylosanthes guianensis cv. Mineirão and Brachiaria brizantha cv. Xaraés mixed and the combined effect of phosphorus and stocking rates on productive and structural characteristics, nutritional value and the decomposition of litter in the pasture. The experiment lasted all of 16 months and was installed in an area of 8000 m2, divided into 24 plots of 333.3 m2. The phosphorus rates (treatments) used in the establishment of pasture were 25, 50, 100 and 200 kg/ha of P2O5. In the establishment, the experimental design was a randomized blocks design with three replications and the treatment with two replicates per block. In a second stage, using the randomized block design with 3 replications in a split plot arrangement, with the P rates in the plots and the stocking rates (3.4 and 5.6 AU/ha) in the subplots. In the establishment, the number of legume plants was maximum with the application of 44 kg/ha of P2O5. Under grazing, the proportion of Xaraés grass was favored by increases in fertilizer and the opposite occurred with the Mineirão stylo. At the end of the rainy season, fertilization with 143 kg/ha of P2O5 maximized the availability of mixed pasture in stocking rate 3.4 AU/ha. Increased fertilization decreased the proportion of leaf blade and the leaf blade/stem ratio and increased the availability of mixed pasture in stocking rate 3.4 AU/ha. The variation in the availability of mixed pasture was linear and positive with the increase of phosphorus, in stocking rate 5.6 AU/ha. The proportion of leaf and lamina/stem ratio were higher with 63 kg/ha of P2O5 and 68 kg/ha of P2O5 respectively, in stocking rate 5.6 AU/ha. The IVDMD of the leaf blade, stem and whole plant Xaraés grass decreased linearly with increasing of P rates. The CP content of legumes was higher in stocking rate 5.6 AU/ha and the smallest fertilization. The post-grazing stubble of the legumes was appropriate in stocking rate 3.4 AU/ha and phosphorus rates above 40 kg/ha of P2O5. The intensity of defoliation of the pasture was lower in stocking rate 3.4 AU/ha and decreased linearly with increases in fertilization. The rate of decomposition of litter decreased drastically from 25 to 50 kg/ha of P2O5 reaching the value of 1.95% per day with 117 kg/ha of P2O5. Fertilization greater than 50 decreases the quality of the mixed pasture. The combination of stocking rate of 3.4 with fertilization ranging from 40 to 50 kg/ha of P2O5 increased the survival of Mineirão stylo and decreased stem and dead material in post-grazing stubble of Xaraés grass. The rate of decomposition of litter decreases with the increase of fertilization and is not influenced by stocking rates.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4252
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DZO - Zootecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
TESE_Doses de fósforo e taxas de lotação em pastagem de capim-xaraés consorciado com estilosantes Mineirão.pdf856,41 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback