Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DAG - Departamento de Agricultura >
DAG - Programa de Pós-graduação >
DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4312

Título: Desempenho da videira ´Syrah´ sobre diferentes porta-enxertos em ciclo de inverno no Sul de Minas Gerais
Autor(es): Dias, Frederico Alcântara Novelli
Orientador: Regina, Murillo Albuquerque
Coorientador(es): Chalfun, Nilton Nagib Jorge
Membro da banca: Alvarenga, Ângelo Alberico
Mota, Renata Vieira da
Área de concentração: Produção Vegetal
Assunto: Vitis vinifera
Porta-enxerto
Maturação
Vigor vegetativo
Rootstock
Maturation
Vigor
Data de Defesa: 24-Fev-2011
Data de publicação: 3-Out-2014
Referência: DIAS, F. A. N. Desempenho da videira 'Syrah' sobre diferentes porta-enxertos em ciclo de inverno no Sul de Minas Gerais. 2011. 74 p. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2011.
Resumo: A ´Syrah´ é uma cultivar tinta promissora para a produção de vinhos finos de qualidade no sudeste do Brasil. A qualidade do fruto depende do balanço entre o crescimento vegetativo e reprodutivo que ocorre simultaneamente na planta. Além da escolha da cultivar no momento da instalação do vinhedo, a escolha do adequado porta-enxerto é muito importante devido sua influência na fisiologia das plantas, na produção e na qualidade da uva. Para os vinhedos de altitude no clima quente de Minas Gerais ainda não existem dados sobre a influência dos diferentes porta-enxertos sobre a cultivar Syrah. Desta forma, este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a influência de três porta-enxertos (´1103 Paulsen´, ´110 Richter´ e o ´SO4´) sobre as trocas gasosas, potencial hídrico da planta, produção e composição das uvas da ´Syrah´ em vinhedo comercial não irrigado, no sul de Minas Gerais. As avaliações foram realizadas nas safras de 2007, 2008 e 2009; as videiras foram conduzidas em espaldeira e podadas em duplo cordão esporonado. Foi utilizado o manejo de dupla poda para coincidir o final da maturação e a colheita com os meses mais secos e de temperaturas mais amenas do ano (junho/julho). Os porta-enxertos não exerceram influência sobre o potencial hídrico de base. Os valores foram maiores do que -0,2 MPa, indicando que não houve restrição hídrica no solo durante o final da maturação (junho). No momento da colheita não houve diferenças significativas entre os porta-enxertos quanto à produção. O ´1103 Paulsen´ conferiu os melhores resultados de maturação para as safras mais secas, porém menor vigor e menor taxa fotossintética. Os porta-enxertos ´110 R´ e o ´SO4´ conferiram maior vigor à cultivar Syrah nas condições edafoclimáticas do ano de 2010, assim como conferiram as maiores taxas fotossintéticas para o mesmo período, porém o ´1103 Paulsen´ conferiu melhor equilíbrio entre a produção e o vigor. As condições climáticas exerceram efeito significativo na maturação tecnológica e fenólica, sendo favorecidas para os anos com menores precipitações. Concluiu-se que os porta-enxertos ´110 R´ e o ´SO4´ são os mais vigorosos, entretanto o porta-enxerto ´1103 Paulsen´ fornece um melhor equilíbrio entre o vigor e a produção para as safras mais secas, aumentado a qualidade da uva com a mesma produtividade.
The ‘Syrah’ is a promising red variety for production of quality fine wines in the Brazilian Southeast. The quality of the fruit depends on the balance between vegetative growth and yield that occurs simultaneously in plant. Besides cultivar, however, an important choice made during vineyard establishment includes choosing a suitable rootstock due to direct influence on grapevine physiology, yield and grape quality. There is still no information about rootstock effects on vine performance of ‘Syrah’ growing under warm temperate climate in high altitude vineyards of Minas Gerais State. Therefore, this study aimed to evaluate the effects of three different rootstocks (‘1103 Paulsen’, ‘SO4’ and ‘Richter 110’) on gas exchange, plant water potential, yield and grape composition of Syrah variety growing in a non-irrigated commercial vineyard in the south of Minas Gerais State. The measurements were done 2007, 2008 and 2010 growing season on grapevines trained on a vertical shoot position and spur pruned to two nodes, was used double handling to match the final ripening and harvest with the driest months and milder temperatures of the year (June/July). There were no differences among rootstock on pre-dawn leaf water potential in which values were higher than -0.2MPa, suggesting that there was no depletion of soil water reserve at the end of ripening (end of June). At harvest, there was no significant effect of rootstocks on yield. On average of the drier years, the '1103 Paulsen' gave the best results from maturation, but lower vegetative growth and gas exchange. The '110 R' and ‘SO4’ grafted vines showed higher vigor for the climatic conditions of the year 2010, as well as the greatest photosynthetic rates, however the '1103 Paulsen' tallied better balance between yield and vigor. Climatic conditions exerted higher effect on technological and phenolic ripeness than rootstock, the years with lower rainfall had the best results. It was concluded that the rootstock '110 R' and 'SO4' are the most vigorous, however the '1103 Paulsen' provides the same productivity with a better balance between the vegetative growth and yields, increased the quality of the grapes produced for droughts years.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4312
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DAG - Agronomia/Fitotecnia - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Desempenho da videira ´Syrah´ sobre diferentes porta-enxertos em ciclo de inverno no Sul de Minas Gerais.pdf342,5 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback