Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4314
Título: Controle genético do escurecimento precoce de grãos de feijão tipo carioca
Título(s) alternativo(s): Genetic control of premature darkening of carioca grain type common bean
Autor : Silva, Graciele Simoneti da
Primeiro orientador: Ramalho, Magno Antonio Patto
Primeiro membro da banca: Carbonell, Sérgio Augusto Morais
Abreu, Ângela de Fátima Barbosa
Palavras-chave: Qualidade de grãos
Genética quantitativa
Melhoramento de plantas
Herdabilidade
Phaseolus vulgaris L.
Plant Breeding
Quantitative genetics
Quality of grains
Heritability
Data da publicação: 3-Out-2014
Referência: SILVA, G. Si. da. Controle genético do escurecimento precoce de grãos de feijão tipo carioca. 2007. 52 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2007.
Resumo: As linhagens e ou cultivares de feijão carioca diferem com relação ao tempo de escurecimento do tegumento. O escurecimento precoce dos grãos diminui a possibilidade de aceitação de uma cultivar. O presente trabalho foi realizado com o objetivo de obter informações sobre o controle genético do escurecimento precoce dos grãos de feijões do tipo carioca bem como verificar se é viável a seleção por meio de uma escala de notas e qual o menor tempo possível de armazenamento para se proceder a seleção. Foi realizado o cruzamento entre dois genitores contrastantes quanto ao tempo que demandam para escurecer, a linhagem VC-3 (escurecimento lento) e a cultivar Majestoso (escurecimento rápido). Os grãos da plantas F2 e progênies F2:3, após colhidas, foram acondicionadas em sacos plásticos transparentes, com diâmetro de 5 cm e comprimento de 21 cm. Posteriormente, foram armazenadas em uma sala sem controle de umidade e temperatura. Essas foram avaliadas para o caráter escurecimento de grãos, por meio de uma escala de notas que variava de 1 a 5, sendo 1 grãos claros e 5 grãos escuros, por dois avaliadores. As avaliações foram realizadas aos 30, 60 e 90 dias após a colheita, nas duas gerações. Realizaram-se as análises de variância individuais, por época e por geração e, posteriormente, conjunta das épocas e gerações. Obtiveram-se as estimativas dos parâmetros genéticos e fenotípicos. A escala de notas foi eficiente em discriminar as progênies com relação ao escurecimento dos grãos. A herdabilidade do caráter aumenta com o tempo de armazenamento. Contudo, mesmo com 30 dias, ela foi alta o suficiente para permitir o sucesso com a seleção. A segregação obtida, considerando como sendo de cor clara os grãos das plantas F2 que receberam notas inferiores a 1,5, foi de 3 escuras:1 clara, indicando que provavelmente no controle do caráter esteja envolvido um gene com dominância do alelo de escurecimento rápido.
Lines and cultivars of carioca grain type bean differ in relation to time of tegument darkening. The premature darkening of grains decreases the cultivar´s acceptance ability. The objective of this paper was to obtain information on the genetic control of premature darkening of carioca grain type bean as well as to check if selection based on a grading scale would be feasible and which is the least storaging time to proceed selection. Crossings were made between two parents having contrasting darkening time, namely VC-3 (slow darkening time) and Majestoso cultivar (fast darkening time). Grains from F2 plants and F2:3 progenies were placed in transparent plastic bags (21.0 by 5.0 cm), and then stored in a room without both humidity and temperature control. Grains were evaluated by two researchers, concerning to grain darkening based on a grading scale, which varied from (light colored) to 5 (dark colored) grains. Such evaluations were made at 30, 60 and 90 days post-harvesting for both generations. Analysis of variance was conducted individually for darkening period and for generation and then, a joint analysis was carried out for both darkening period and generation. Phenotypic and genetic parameters estimates were obtained. The grading scale proved to be efficient in contrasting the progenies in relation to grain darkening. Heritability estimate for the trait increases with storaging time. Nevertheless even at 30 days post-harvesting heritability for this trait was high enough to allow a successful selection. All F2 plants that received grades lower than 1.5 were considered as light grains. The segregation for grain darkening was in the ratio of 3:1 indicating that probably the control of this trait is made by a single gene with dominante for the allele for fast darkening.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4314
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_Controle genético do escurecimento precoce de grãos de feijão tipo carioca.pdf568,24 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.