Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4358

Título: Alternativas para melhorar a eficiência dos experimentos de valor de cultivo e uso (VCU) na cultura do feijoeiro
Título Alternativo: Alternatives to improve the efficiency of experiments of cultivation and use value (VCU) for common bean.
Autor(es): Krause, Willian
Orientador: Ramalho, Magno Antonio Patto
Membro da banca: Schmildt, Edilson Romais
Gonçalves, Flávia Maria Avelar
Área de concentração: Genética e Melhoramento de Plantas
Assunto: Feijão
Melhoramento genético vegetal
Bordadura
Delineamento experimental
Common bean
Border rows
Plant breeding
Data de Defesa: 3-Fev-2005
Data de publicação: 7-Out-2014
Referência: KRAUSE, W. Alternativas para melhorar a eficiência dos experimentos de valor de cultivo e uso (VCU) na cultura do feijoeiro. 2005. 63 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2005.
Resumo: O presente trabalho foi conduzido para avaliar a necessidade de bordadura, o número de repetições e o emprego de variáveis ambientais como covariável nos experimentos denominados de Valor de Cultivo e Uso (VCU), com a cultura do feijoeiro. Essas informações poderão, no futuro, ser utilizadas por ocasião da revisão das normas do VCU pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento (MAPA), para orientar os obtentores de cultivares. Os experimentos foram conduzidos no município de Lavras, sul do estado de Minas Gerais. Para avaliar a necessidade de bordadura, foram implantados três experimentos. Os tratamentos foram constituídos de dezoito linhagens com grãos tipo carioca mais duas testemunhas. O delineamento foi o de blocos casualizados com três repetições e parcela com quatro linhas de quatro metros de comprimento. A colheita foi feita separadamente para as duas linhas centrais (área útil) e as duas laterais (bordadura). Foram realizadas as análises de variância da produtividade de grãos (kg/ha), considerando área útil, área total e bordadura. Posteriormente, envolvendo a área útil e a bordadura, foi efetuada a análise de variância para verificar o efeito da posição da linha. Utilizando-se os mesmos experimentos, foram tomadas algumas covariáveis. Entre elas estão a quantidade total de água por parcela, o teor de nutrientes do solo e o estande final, visando o emprego da análise da covariância na melhoria da eficiência dos experimentos. Foram realizadas análises de variância para cada covariável. Posteriormente, elas foram utilizadas na análise de covariância individual e múltipla. A produção de grãos foi considerada como variável dependente (y) e as covariáveis como variáveis independentes (x). O efeito do número de repetições foi avaliado utilizando-se as mesmas linhagens, com o mesmo delineamento, porém, com seis repetições e a parcela continha duas linhas (sem bordadura) com quatro metros de comprimento. Utilizando a produtividade de grãos, foram realizadas análises de variância considerando as diferentes combinações do número de repetições, isto é, com 2, 3, 4, 5 e 6 repetições. Com base nos resultados obtidos, constatou-se que: o uso de bordaduras não contribui com a melhoria da precisão experimental; a utilização de parcelas com maior número de linhas foi sempre vantajosa; o aumento do número de repetições não afetou o quadrado médio do erro. Entretanto, reduziu o erro padrão da média, incrementando a chance de detectar diferença significativa entre as linhagens; o uso dos teores de nutrientes do solo como covariável só é eficaz se o seu teor no solo for considerado crítico para a cultura. Assim, uma alternativa seria proceder a análise do solo de rotina antes da implantação do experimento. Se algum nutriente estiver abaixo do teor ideal, ele poderia ser empregado como covariável e o emprego da quantidade total de água recebida por parcela e o estande final como covariáveis não contribuíram para a melhoria da eficiência dos experimentos.
The present study was carried out to evaluate the need for border rows, the number of replications and the use of environmental variables as covariables in so-called experiments of cultivation and use value (VCU) for common bean. Such information could be used in the future for a revision of the VCU norms by the Brazilian Ministry of Agriculture, Animal Husbandry and Supply (MAAHS) as guidelines to release cultivars. The experiments were conducted in Lavras in southern Minas Gerais state. The need for border rows was evaluated in three experiments. The treatments consisted of 18 lines of the carioca grain type plus two controls in a complete randomized block design with three replications. The plots comprised four four-meter long rows. Harvests were accomplished separately for the two central (useful area) and the two lateral rows (borders). Analyses of variance for grain yield (kg/ha) considered the useful and the total area and the border rows. Later, the variance analysis involving the useful area and the borders was carried out to verify the effect of rows position. Some covariables, among them the total quantity of water per plot, soil nutrient concentration and the final stand were included using the same experiments with the aim of using the covariance analysis to improve the experimental efficiency. Analyses of variance were performed for each covariable. These were used later in the individual and multiple covariance analysis. Grain yield was considered as dependent (y) and the covariables as independent variables (x). The effect of replications number was evaluated using the same rows with the same design, however in six replications with plots containing two four-meter-long rows (without border). Analyses of variance were performed based on grain yield considering the different combinations of number of replications, that is, with 2, 3, 4, 5, and 6 replications. The inclusion of border rows did not improve the experimental precision. The use of plots with more rows was an advantage throughout; the higher number of replications did not affect the mean square error. However, the mean standard error was reduced, increasing the chance of detecting significant differences among lines; the use of soil nutrient concentrations as covariable was only efficient when the nutrient concentration was considered critical for the crop. Thus, an alternative would be to carry out routine soil analyses prior to the installation of the experiment. If a nutrient concentration were below the ideal it could be used as covariable. The use of the total water quantity received per plot and the final stand as covariables did notimprove the experimental efficiency.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4358
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Alternativas para melhorar a eficiência dos experimentos de valor de cultivo e uso (VCU) na cultura do feijoeiro.pdf573,5 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback