Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DBI - Departamento de Biologia >
DBI - Programa de Pós-graduação >
DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4373

Título: Implicações do número de intercruzamentos nas propriedades genéticas de uma população segregante de feijoeiro
Título Alternativo: Implications of the number of intercrossings in the genetic properties of a common bean population
Autor(es): Aguiar, Marcelo Sfeir de
Orientador: Ramalho, Magno Antonio Patto
Membro da banca: Santos, João Bosco dos
Assunto: Intercruzamento
Melhoramento genético vegetal
População segregante
Feijão
Intermating
Plant breeding
Segregation population
Common bean
Data de Defesa: 4-Fev-2003
Data de publicação: 8-Out-2014
Referência: AGUIAR, M. S. de. Implicações do numero de intercruzamentos nas propriedades genéticas de uma população segregante de feijoeiro. 2003. 53 p. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas)-Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2003.
Resumo: Na condução de um programa de melhoramento genético por hibridação em espécies autógamas, como o feijoeiro, um dos questionamento frequentes é sobre a necessidade de intercruzar plantas da geração F2 (S0). Do exposto, o objetivo do trabalho foi verificar o efeito de 0, 1 e 2 intercruzamentos nas propriedades genéticas de uma população segregante de feijoeiro oriunda de cruzamento múltiplo. Para isso foi obtido um cruzamento múltiplo envolvendo oito pais. Uma parte das sementes obtidas foi armazenada e o restante das sementes foi utilizado para o intercruzamento, obtendo-se a população; novamente uma parte das sementes foi armazenado e o restante foi utilizada para mais um intercruzamento. Desse modo, foram obtidas três populações: sem intercruzamento (I0), com um intercruzamento (I1) e com dois intercruzamentos (I2). Essas populações e mais duas testemunhas foram avaliadas utilizando o delineamento de blocos ao acaso com 6 repetições. Na colheita foi tomada ao acaso uma amostra de 130 plantas de cada população para a obtenção das famílias S0:1; essas foram multiplicadas e as sementes colhidas foram misturadas dando origem as famílias S0:2, sendo avaliadas juntamente com 10 testemunhas, no delineamento de látice simples 20x20. Procedeu-se nova avaliação das famílias, agora S0:3, com semeadura em julho de 2001, utilizando o mesmo delineamento, mas com três repetições. Em todos os experimentos avaliou-se a produção de grãos e, a partir das análises de variância, foram estimados os parâmetros genéticos e fenotípicos. Constatou-se que das propriedades genéticas da população segregante, a média não foi afetada pelo intercruzamento, já a variância genética apresentou pequeno incremento, que pode ser devido ao desequilíbrio de ligação da população ou à interação das famílias x ambientes. Esse aumento, no entanto, provavelmente não compensa o tempo e os recursos gastos para o intercruzamento de plantas F2.
In autogamus species, like common bean na usual question about the breeding program based on hybridization, in the necessity to intercross plants of the F2 generation. The objective of this research was to verify the effect of 0, 1 and 2 intercrossings on the genetic properties of a common bean segregating population derived from multiple crossings. A involving eight parents. Part of the seeds was stored to represent the population of no intercrossing (I0). The remaining seeds were used to obtain the population of one intercrossing (I1), and the harvested seeds were split in two parts, one stored for future evaluation, and the other used to generate the population of two intercrossings (I2). All populations and two testers were assessed using a complete randomized block design with six replications. One hundred and thirty plants were taken randomly from each population to generate the S0:1 families. Those plants were selfed and the harvested seeds were mixed to generate the S0:2 families, which were assessed along with 10 testers, in a simple 20x20 square lattice design. New evaluation of the S0:3 families was set up, with sowing in July 2001, using the same design, however with three replications. In all experiments grain yield was evaluated and the genetic and phenotypic parameters were estimated. It was verified that the population average was not affected by the intercrossings, but the genetic variance presented small increment, which can be due to the linkage disequilibrium of the population or to the families x environment interaction. The increase in the genetic variance however, probably does not compensate the time and the cost spent to intercross of the F2 plants.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4373
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DBI - Genética e Melhoramento de Plantas - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Implicações do número de intercruzamentos nas propriedades genéticas de uma população segregante de feijoeiro.pdf339,62 kBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback