Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4420
Título : Educação a distância como política de inclusão: um estudo exploratório nos polos do Sistema Universidade Aberta do Brasil em Minas Gerais
Título(s) alternativo(s): Distance education as political of inclusion: an exploratory study in poles of Open University of Brazil System in Minas Gerais
Autor: Ferrugini, Lílian
Souza, Donizete Leandro
Siqueira, Márcio
Castro, Cléber Carvalho
Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Data da publicação: 2013
Referência: FERRUGINI, L. et al. Educação a distância como política de inclusão: um estudo exploratório nos polos do Sistema Universidade Aberta do Brasil em Minas Gerais. Revista GUAL, Florianópolis, v. 6, n. 2, p. 01-21, abr. 2013.
Resumo : O objetivo deste artigo é identificar os possíveis impactos que o acesso ao ensino superior pode gerar em municípios mineiros com baixos índices de desenvolvimento municipal, sendo o sistema UAB (Universidade Aberta do Brasil) uma importante política de inclusão, principalmente em municípios menores. Partindo de uma pesquisa exploratória - descritiva através de indicadores socioeconômicos relacionados à renda, escolaridade média e desenvolvimento municipal através do Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal – IFDM (2012), em conjunto com um estudo de caso realizado no polo presencial de Santa Rita de Caldas/MG, foi possível identificar prováveis benefícios que a Educação a Distância, através do sistema UAB, pode gerar em municípios mineiros. Identificou-se ainda que a maioria dos polos presenciais do sistema UAB está presente em cidades com até 60 mil habitantes, demonstrando a presença e o potencial dessa modalidade de ensino como instrumento dinamizador de desenvolvimento regional, além de identificar fortes evidências entre os níveis de acesso à educação e desenvolvimento socioeconômico, estando os municípios com maiores índices de acesso ao ensino superior entre os municípios com maior distribuição de renda e desenvolvimento municipal.
Abstract: The aim of this paper is to identify the possible impacts that access to higher education can generate in Minas Gerais towns with low rates of municipal development, being the OUB system (Open University of Brazil) an important inclusion policy, especially in smaller towns. Starting from an exploratory research - descriptive, through socioeconomic indicators related to income, average education and city development by municipal development Index Firjan - IFDM (2012), in conjunction to a case study carried out at the pole of Santa Rita de Caldas/MG, it was possible to identify probable benefits that distance education through the OUB system, can generate in Minas Gerais towns. It was also found that most of the poles of OUB system is present in cities with up to 60,000 inhabitants, demonstrating the presence and potential of this type of education as a tool to foster regional development, beyond identifying strong evidence between levels of education access and socioeconomic development, being the towns with the highest rates of access to higher education among the cities with higher income distribution and municipal development
URI: https://periodicos.ufsc.br/index.php/gual/article/view/1983-4535.2013v6n2p1
http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4420
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_Educação a distância como política de inclusão.pdf744,57 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons