Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DCF - Departamento de Ciências Florestais >
DCF - Programa de Pós-graduação >
DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4445

Título: Potencialidades ecoturísticas dos parques estaduais de Minas Gerais
Título Alternativo: Ecotouristic potentials of state parks of Minas Gerais
Autor(es): Costa Júnior, José Edimar Vieira
Orientador: Borges, Luís Antônio Coimbra
Membro da banca: Filetto, Ferdinando
Santos, Anderson Alves
Rezende, José Luiz Pereira de
Área de concentração: Ecologia
Assunto: Ecoturismo
Unidades de conservação
Plano de manejo
Ecotourism
Conservation units
Management plan
Data de Defesa: 28-Fev-2014
Data de publicação: 2014
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Referência: COSTA JÚNIOR, J. E. V. Potencialidades ecoturísticas dos parques estaduais de Minas Gerais. 2014. 136 p. Dissertação (Mestrado em Ecologia) – Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O Estado de Minas Gerais detém uma ampla riqueza e diversidade de recursos naturais, apresentando elevado potencial turístico. Grande parte dessas belezas cênicas encontra-se nas Unidades de Conservação, especificamente, nos Parques, sendo permitida nessa categoria a visitação pública. O Estado possui trinta e oito Parques Estaduais, estando abertos à visitação apenas oito. Diante desse cenário este estudo teve foi realizado com o objetivo de descrever, analisar e pontuar o cenário atual dos parques estaduais de Minas Gerais relacionado ao uso turístico. Foi elaborada uma planilha com dados disponibilizados pelo órgão oficial responsável pelas Unidades de Conservação – IEF e ICMBio. A pontuação ocorreu por presença e ausência das infraestruturas voltada para o turismo, sendo gerado um índice de potencial turístico (IPT) que varia, numericamente, de 0 a 1 para cada parque. Esse índice foi alimentado pelo somatório das presenças dos atributos, sendo pontuados com pesos diferenciados, de acordo com o nível de importância à gestão do parque e uso público julgado pelo pesquisador. Pelos resultados obtidos demonstrou-se que a maioria dos parques estaduais de Minas Gerais está com problemas na infraestrutura, implantação do plano de manejo, regularização fundiária, exibindo um perfil deficiente para a prática do ecoturismo. O IPT mostrou-se como ferramenta útil para levantar a situação de infraestrutura, gestão e visitação turística nos parques, bem como meio de divulgar a situação dos parques a fim de nortear visitantes na busca por condições estruturais ou administrativas, para a visitação, como também gerar fomento às políticas públicas para melhoria da gestão das UC.
The state of Minas Gerais, Brazil, detains an ample richness and diversity of natural resources, presenting elevated touristic potential. A large part of these scenic beauties is found in the Conservation Units, specifically in the Parks, being that public visitation is allowed in this category. The state presents thirty-eight State Parks, with only eight being open to visitation. With this scenery, the study had the objective of describing, analyzing and punctuating the current scenery of the state parks in Minas Gerais related to touristic use. A spreadsheet was elaborated with data made available by the official organ responsible for the Conservation Units – IEF and ICMBio. The grading was performed by the presence and absence of the tourism-oriented infrastructures, generating a touristic potential index (TPI) which ranges numerically from 0 to 1 for each park. This index was fed by the sum of the presence of attributes, graded with values differentiated according to the level of importance to the management of the park and the public use, judged by the researcher. The obtained results demonstrated that the majority of the state parks in Minas Gerais present issues in their infrastructure, management plan implementation and fund regularization, showing a deficient profile for the practice of ecotourism. The TPI was shown to be a useful tool for surveying the situation of park infrastructure, management and tourist visitation, in addition to being a means to divulge the situation of the parks in order to guide visitors in search for structural or administrative conditions, for the visitation, as well as to generate foment to public policies for the improvement of CU management.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal, área de concentração em Ecologia, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4445
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DCF - Engenharia Florestal - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO Potencialidades ecoturísticas dos parques estaduais de Minas Gerais.pdf2,2 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback