Buscar

 

RI UFLA (Universidade Federal de Lavras) >
DEG - Departamento de Engenharia >
DEG - Programa de Pós-graduação >
DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações) >

Por favor, utilize esse identificador para citar este item ou usar como link: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4622

Título: Estudo da relação de fatores climáticos com a qualidade do café na Mantiqueira de Minas
Autor(es): Luz, Marcos Paulo Santos
Orientador: Borém, Flávio Meira
Coorientador(es): Volpato, Margarete Marin Lordelo
Membro da banca: Alves, Helena Maria Ramos
Taveira, José Henrique da Silva
Área de concentração: Processamento de Produtos Agrícolas
Assunto: Coffea arabica L.
Variações edafoclimáticas
Amplitude térmica
Edaphoclimatic variations
Altitude
Temperature range
Data de Defesa: 15-Ago-2014
Data de publicação: 2014
Agência de Fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ)
Referência: LUZ, M. P. S. Estudo da relação de fatores climáticos com a qualidade do café na Mantiqueira de Minas. 2014. 84 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2014.
Resumo: O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo e o segundo no posto como país consumidor no mercado internacional. Os estados da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rondônia e São Paulo são os principais produtores do país, cada qual com características próprias relacionadas ao ambiente de produção. Como consequência às variações edafoclimáticas desses estados, a qualidade do café é expressa de diferentes maneiras, podendo resultar em perfis sensoriais característicos. Assim, em regiões montanhosas, como a Mantiqueira de Minas que apresenta grandes desigualdades geográficas, muitas variáveis climáticas podem estar associadas às características sensoriais dos cafés produzidos nessa região. Diante disso, esse estudo teve por objetivo identificar parâmetros climáticos que interferem na qualidade sensorial do café a partir de dados estimados da microrregião Mantiqueira de Minas, assim como de dados coletados in loco, ao longo de consecutivas safras. Para os dados climáticos estimados, foram utilizados dados de precipitação, temperatura máxima e mínima, disponibilizados pelo AGRITEMPO - MAPA e distribuídos espacialmente para os anos de 2007 a 2011. A descrição da qualidade sensorial do café produzido na microrregião Mantiqueira de Minas foi realizada baseada em informações cedidas por cooperativas e empresas do setor com atuação direta sobre a região. Para os estudos in loco, foi selecionada uma área piloto e realizadas coletas dos dados climáticos (temperatura e umidade do ar, precipitação e radiação) por meio de estações meteorológicas automáticas (EMAs) instaladas em diferentes altitudes, bem como das amostras de café durante as safras agrícolas 2011/2012 e 2012/2013. Posteriormente, foram confrontados os dados referentes ao clima com a nota da bebida do café. Os valores de temperatura do ar foram os que apresentaram maiores diferenças entre as faixas de altitude – abaixo de 1000 m e acima de 1000 m. A partir dos resultados, concluiu-se que a microrregião Mantiqueira de Minas é apta para a produção de cafés com qualidade. Além disso, os valores superiores de amplitude térmica, encontrados em altitudes inferiores a 1000m, estão relacionados com a ocorrência de café com qualidade inferior.
Brazil is the biggest coffee exporter and producer in the world and the second in the position of consumer in the international market. The states of Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rondônia and São Paulo are the main producers in the country, each with its own characteristics related to the production environment. Because of the edaphoclimatic variations in these states, the quality of coffee is expressed in different ways, and might result in characteristic sensorial profiles. Thus, in mountainous regions such as in the Mantiqueira de Minas, which presents large geographic inequalities, many climatic variables might be associated to the sensorial characteristics of the coffees produced in this region. Therefore, this study was conducted with the objective of identifying climatic parameters, which interfere in the sensorial quality of the coffee based on data estimated in the Mantiqueira de Minas microregion, as well as data collected in loco, over consecutive harvests. For the estimated climatic data, we used precipitation, maximum and minimum temperature data, made available by AGRITEMPO – MAPA and spatially distributed for the years from 2007 to 2011. The description of the sensorial quality of the coffee produced in the Mantiqueira de Minas microregion was performed based on information released by cooperatives and enterprises of the sector acting directly in the region. For the in loco studies, we selected a pilot area and performed data collections (temperature and air humidity, precipitation and radiation), by means of the automatic meteorological stations (AMSs) installed at different altitudes, as well as coffee samples during the agricultural crop seasons of 2011/2012 and 2012/2013. Subsequently, the data regarding the climate were confronted with the score of the coffee beverage. The values for air temperature presented the highest differences between the altitude ranges – below 1000 m and above 1000 m. With these results, it was concluded that the Mantiqueira de Minas microregion is fit for the production of quality coffees. In addition, the superior values of temperature range found at altitudes inferior to 1000 m are related to the occurrence of lower quality coffee.
Informações adicionais: Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola, área de concentração em Processamento de Produtos Agrícolas, para a obtenção do título de Mestre.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/4622
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções: DEG - Engenharia Agrícola - Mestrado (Dissertações)

Arquivos neste Item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
DISSERTAÇÃO_Estudo da relação de fatores climáticos com a qualidade do café na Mantiqueira de Minas.pdf3,48 MBAdobe PDFVer/abrir

Itens protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, Salvo indicação em contrário.


Mostrar estatísticas

 


DSpace Software Copyright © 2002-2007 MIT and Hewlett-Packard - Feedback