Use este identificador para citar ou linkar para este item: repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/466
Título: Resistência ao deficit hídrico em famílias de tomateiro derivados de Solanum pennellii
Autor : Morales, Rafael Gustavo Ferreira
Primeiro orientador: Resende, Luciane Vilela
metadata.teses.dc.contributor.advisor-co: Maluf, Wilson Roberto
Primeiro membro da banca: Peres, Lázaro Eustáquio Pereira
Resende, Juliano Tadeu Vilela de
Gomes, Luiz Antonio Augusto
Área de concentração: Produção Vegetal
Palavras-chave: Solanum lycopersicum
S. pennellii
Déficit hídrico
Indicadores de défict hídrico
Resistência à seca
Water deficit
Water deficit indicators
Resistance to drought
Data da publicação: 2012
Agência(s) de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq
Referência: MORALES, R. G. F. Resistência ao déficit hídrico em famílias de tomateiro derivado de Solanum pennellii. 2012. 93 p. Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras, 2012
Resumo: Estresses ambientais, como o hídrico, constantemente provocam prejuízos na produção vegetal. Programas de melhoramento buscam genótipos que possam superar as adversidades climáticas, produzindo tanto no ambiente tido com o ideal, quanto nos ambientes estressantes. Para o tomateiro, foram obtidos alguns avanços com o cruzamento da espécie selvagem Solanum pennellii com microtomateiros, obtendo-se o genótipo WELL (Water Economy Lycopersicum Lócus). Nesse caso, fez-se a introgressão de um locus da espécie selvagem no microtomateiro, sendo esse lócus responsável por aumentar a eficiência no uso da água. Contudo, WELL ainda não está num background comercial, devendo-se realizar estudos para verificar a sua utilidade em programas de melhoramento. Com base no exposto, objetivou-se estudar no primeiro experimento as características morfofisiológicas das linhagens de tomateiro TOM-684 e M-82 quando submetidas a diferentes níveis de déficit hídrico. Com o aumento do déficit hídrico houve redução do número de folhas, da altura das plantas, da massa fresca das folhas, caule e sistema radicular, da transpiração, da condutância estomática e aumentou da temperatura foliar. Todos essas alterações podem ter influenciado, direta e indiretamente, na redução da taxa fotossintética e, consequentemente, na redução da produção de frutos. No segundo experimento foram utilizados caracteres morfológicos relacionados à resistência ao déficit hídrico para seleção de plantas em 20 famílias F3RC1 advindas do cruzamento com o genótipo WELL. Cinco famílias se destacaram quanto à produção de frutos (T4, T5, T6, T15, T17) e, dentre as nove famílias avaliadas nos dois ambientes de cultivo, a T6 foi a mais produtiva, indicando boa estabilidade produtiva. As famílias T5 e T9 destacaram-se pela baixa incidência de podridão apical e maior conteúdo relativo de água na folha, sendo esses caracteres diretamente relacionados com a tolerância das plantas ao déficit hídrico. Para a seleção de plantas resistentes ao déficit hídrico, deve-se levar em consideração os seguintes caracteres: produção de frutos, altura da planta, número de folhas, conteúdo relativo de água na folha e a incidência de podridão apical. Dentre as 20 famílias avaliadas, a T5 e a T6 foram as que apresentaram os melhores resultados quando submetidas ao déficit hídrico e devem ser utilizadas em programas de melhoramento
Environmental stress, such as drought stress, constantly cause production loss. Breeding programs search for genotypes which may overcome climate adversities, producing in ideal as well as in stressful environments. For tomato plant, some advances were obtained through crossing the wild species Solanum pennellii with micro-tomatoes, obtaining the genotype WELL (Water Economy Lycopersicum Locus). In this case, an introgression of a wild species locus in the micro-tomato was done, this locus being responsible for increasing water use efficiency. However, the WELL is not yet at commercial level, being necessary further studies for verifying its utility in breeding programs. Based on this, the first experiment aimed to study the morphological characteristics of tomato lines TOM-684 and M-82 when submitted to different levels of water deficit. With the increase of water deficit occurred reduction in the number of leaves, plant height, leaf, stem and root system fresh mass, transpiration, stomatal conductance and increase in leaf temperature. All these factors may have influenced, directly or indirectly, the reduction of photosynthetic rate and, consequently, the reduction of fruit production. In the second experiment, morphological parameters related to tolerance to drought stress were used for selecting plants in 20 families F3RC1, originated from the crossing with the WELL genotype. Five families were highlighted according to fruit production (T4, T5, T6, T15, T17) and, among the nine families evaluated in both cultivation environments, the T6 was the most productive, indicating good production stability. T5 and T9 families were highlighted for the low incidence of blossom-end rot and higher relative water content in the leaf, these parameters were directly related to water deficit plant tolerance . For selecting plants tolerant to water deficit, the following parameters should be taken into consideration: fruit production, plant height, number of leaves, relative water content in the leaves and the incidence of blossom-end rot. Among the 20 evaluated families, T5 and T6 presented the best results when submitted to water deficit and should be used in breeding programs
metadata.teses.dc.description: Tese apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Agronomia/Fitotecnia, área de concentação Produção Vegetal, para a obtenção do título de Doutor.
URI: http://repositorio.ufla.br/jspui/handle/1/466
Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS
Idioma: pt_BR
Aparece nas coleções:DAG - Agronomia/Fitotecnia - Doutorado (Teses)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE_Resistência ao deficit hídrico em famílias de tomateiro derivados de Solanum pennellii.pdf477,32 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.